Corredores

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Corredores

Mensagem por Stalker em Qui 11 Set 2014 - 23:09

Corredores

Os corredores são lugares com bastante iluminação, esses do térreo não possuem andares, apenas dão acesso as salas dos professores e secretários da escola. Vários armários estão dispostos em todos os lugares nas paredes, todos esses são individuais e a maioria é personalizada pelos próprios alunos.

____________________



The your ghost, the ur image. I'm the stalker!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Brittany S. Pierce em Sex 26 Set 2014 - 19:54

A New Year



Um novo ano no McKinley High, eu sempre ficava animada até demais, o Lord Tubbington notava. Mas diferente do que se era esperado, eu não estava mais no New Directions como nos outros anos, eu tinha entrado em um novo grupo chamado Troubletones, onde eu poderia ter minha chance de brilhar e não ser ofuscada. Não que eu ligue muito pra isso, mas às vezes parece que as pessoas esquecem que eu sei cantar também além de dançar, não é por gostar mais de um que eu gosto de ter o outro ignorado.

Vou até o meu armário dando pequenos saltos e abro o mesmo depois de passar alguns minutos tentando me lembrar da senha, isso quase sempre acontecia. Guardo todos os meus livros porque sei que terei o próximo horário livre. Já tinha em mente em ir procurar as Cheerios assim que saísse dali, ainda não tinha terminado de falar pra elas a minha teoria de como a Beiste tinha dois estômagos, um exclusivo para digerir frango e outro para porco.  

Dou um leve sorriso vendo uma foto minha e da Santana pendurada no meu armário, o que me lembra que eu bem que poderia tentar encontrar ela, já que ainda não sei o horário da mesma, somente vasculhando todo o McKinley pra saber onde ela está.

Quando fecho meu armário, mal viro a cabeça e vejo o Sr.Schuester vindo em minha direção, eu abaixo um pouco o olhar antes de levanta-lo, com um sorriso envergonhado no rosto. Ele é um ótimo professor, com quem passei convivendo durante anos por causa do Glee Club, me doía deixar ele e os outros, pra mim era como minha família, mas eu precisava dar uma chance a mim mesma, só esperava que ele tivesse entendido isso e não ficasse magoado por tanto tempo.


- Olá, Sr.Schue - Comprimento o mesmo quando ele vem em minha direção, e minha testa se franze por um momento enquanto observo o cabelo dele, aquilo era manteiga ou margarina?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Nêmesis em Sex 26 Set 2014 - 20:24

I Knew You Were a TroubleTone

Depois de deixar os membros da sala do New Directions pensando um pouco sobre a tarefa semanal, decidi sair um pouco, não só para dar uma volta, mas também para procurar Brittany, Santana e Mercedes. Por um segundo, cheguei a pensar que elas haviam saído da escola, mas não, Mercedes estava no refeitório, com um grupo de garotas que, definitivamente, não eram do William McKinley no ano passado, pelo contrário, ao que eu me lembrava, elas dançavam junto com Sunshine durante "As Long As You're There" nas Nacionais. Decidi deixar a garota em paz, talvez, ela tivesse apenas esquecido o treino ao se empolgar apresentando a escola para as garotas, mas algo me dizia que aquilo não era verdade. Continuei seguindo meu caminho, pensando em ir até o estacionamento e tomar um ar, porém, antes que eu pudesse chegar a porta, meu olhar se desviou para a parede, onde um pôster vermelho anunciava "The TroubleTones Want You" e abaixo a imagem das três garotas desaparecidas do New Directions, vestidas como Tio Sam, e então percebi oque estava acontecendo. Logo a frente, num armário com a porta semi aberta o rosto de uma garota loira e magra aparecia pela metade, era Brittany.

[...]

-Oi, Mr.Schue. - Cumprimentou a garota, um pouco constrangida no começo, mas que em seguida levantou um sorriso. Olhei para ela, um pouco triste, e um pouco preocupado. Me encostei no armário do lado e perguntei: -Por quê, diabos, vocês deixaram o New Directions?


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Brittany S. Pierce em Sex 26 Set 2014 - 21:01

A New Year




Mordo brevemente o meu lábio inferior enquanto penso em uma resposta para dar ao meu professor, ou melhor, ex-professor, sabia que levaria certo tempo para me acostumar com aquilo, a Shelby era ótima, mas mesmo assim não passei tempo o suficiente para criar certa afeição por ela como criei com o senhor Schuester, que poderia ser considerado um segundo pai para todos que já estiveram no New Directions.

Dou um leve suspiro sem saber como explicar o que eu realmente queria, ele com certeza falaria que eu não iria ser ofuscada e teria minhas chances como eu gostaria no ND, mas eu sabia que no final a Rachel ou o Finn iriam conseguir tudo para eles, era sempre assim e eu não achava que isso estava perto de mudar, e onde é que isso nos levou? A perda das Nacionais, eu não queria que isso se repetisse, eu queria esse ano ganhar aquele troféu e eu estava decidida de fazer isso do lado da Santana e da Mercedes. Além de que eu prometi a mim mesma que doaria toda a minha coleção dos filmes da Disney caso eu não realizasse esse meu pedido para esse ano. Não gostava de ver aquela expressão no rosto do Will, mas não tinha nada que eu pudesse fazer, eu tinha tomado uma decisão e não voltaria atrás.


- Porque você sabe que sou movida pelo som, sem agudos - Apoio minha mão esquerda no meu armário enquanto fico de costas para o Sr.Schuester, e somente viro meu rosto para a direita para poder vê-lo, aos poucos um sorriso brincalhão aparece em meu rosto, eu tinha acabado de ter uma ótima ideia.   - It’s Brittany… Bitch – Pisco para o Sr.Schue antes de começar a por a minha ideia em prática.

Because you know I'm all about that bass
'Bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass


Começo a cantar sem forçar a minha voz, o que me faz ter maior controle sobre ela, havia outras pessoas pelo corredor mas elas conseguiriam me ouvir muito bem, o silêncio praticamente estava reinando ali naquele momento.  Eu cantava movendo alternadamente meus ombros ao ritmo da música, minhas pernas seguiam os movimentos dos meus ombros, fazendo com que todo meu corpo já entrasse numa harmonia perante a música.


Yeah it's pretty clear, I ain't no size 2
But I can shake it, shake it like
I'm supposed to do
'Cause I got that boom boom that all
The boys chase
All the right junk in all the right places
I see the magazines working
That photoshop
We know that shit ain't real
Come on now, make it stop
If you got beauty beauty just
Raise 'em up
'Cause every inch of you is perfect
From the bottom to the top


Me viro para o professor em minha frente e continuo cantando tendo o cuidado para não desafinar, não era uma performance que fosse valer algo, mas eu precisava manter a qualidade. Vou andando de costas aos poucos, movendo meus quadris para os lados. Balanço negativamente meu dedo em “ain’t no size 2”, dou um leve giro em seguida parando em frente ao William com as braços estendidos e colados ao meu lado, antes de aos poucos ir subindo os mesmos fazendo minhas mãos passarem de leve por meu corpo, para que assim eu fizesse o contrário em seguida, passando minhas mãos novamente pelo meu corpo até chegar em meu quadril e move-lo vagarosamente para os lado em “Al the right junk in all the right places”. Em seguida finjo ler uma uma revista, passando as folhas antes de fazer uma cara de desaprovação e joga-la em um lugar qualquer atrás de mim em “We know that shit ain’t real”. Levanto meu pé para o lado antes de tocar com o dedo na ponta dele, em seguida em minha coxa para depois levanta-lo para cima estalando rapidamente os dedos antes nos últimos versos da minha parte. Sorrio novamente para o Will, esperando que ele entenda o sinal e comece a cantar comigo.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Nêmesis em Sex 26 Set 2014 - 21:27

She's All About That Britt

- Porque você sabe que sou movida pelo som, sem agudos. - Foi apenas o que ela me respondeu, virando as costas, porém, antes de ir, ela mudou de ideia, se virou, e, com um sorriso, continuou: -It's Brittany, Bitch!- E então, de uma forma que acontecia apenas nessa escola, Brittany começou a cantar, enquanto o ritmo da música e as palmas tocavam ao fundo, como se estivéssemos em uma série de TV ou algo do gênero. Enquanto a garota cantava, ela seguia uma coreografia própria, inventada na hora, porém como sempre, delicada, rápida, e ágil, assim que ela parou de cantar, olhou pra mim, como que alguém que estivesse passando um código, e entendi a mensagem.

Yeah, my pappa he told me don't worry about your size
He says, girls they like a little more booty to hold at night
You know I won't be no stick-figure, silicone Kennie dol

Enquanto eu cantava o primeiro verso com uma voz mais grave, como se puxada do fundo da cabeça, o sinal ao fundo tocou, e algumas Cheerios saíram da porta do ginásio ao meu lado, ajudando na coreografia. Eram quatro ao todo, e dois pares se posicionaram, um a minha esquerda, e o outro a minha direita. Movendo os ombros no ritmo da música, de uma forma compassada e simples, as garotas me imitavam, ao chegar em "He says, gilrs like a little[...]" elas se aproximaram de mim, de forma um tanto quanto sensual (o máximo que o governo permitia sem me processar por abuso de menores), em seguida empurrei-as lentamente e apontei diretamente para Brittany como se estivesse falando diretamente com ela.

So, if that's what's you're into
Then go ahead and move along

Ao começo do segundo trecho da canção, apontei para mim mesmo, e no segundo verso, em direção a porta, continuando a mover meus ombros de forma leve, calma, seguindo o ritmo anos 50 da música.

Because you know I'm all about that bass
'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass

Quando o refrão da música se iniciou duas vozes de fundo se juntaram a minha, Mercedes e Santana estavam, por algum motivo, com as outras Cheerios no ginásio, e agora, faziam um pequeno back vocal na minha voz, assim como Brittany. Enquanto repetia o refrão, não conseguia parar de me perguntar se aquela seria a última vez que cantaria junto com aquelas três garotas.




Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Brittany S. Pierce em Sex 26 Set 2014 - 22:04

A New Year



Após o Sr.Schue terminar, todas as Cheerios vieram para o meu lado, estávamos formando um triângulo, eu na frente, Mercedes e Santana ao me lado e o restante atrás, todas continuando com o Backing Vocal e seguindo de maneira perfeitamente sincronizada meus movimentos. Talvez eu não tivesse outra oportunidade para cantar lado a lado com outra pessoa sem ser das TroubleTones, então eu sentia certo receio em terminar a música, meu coração se apertava um pouco por sentir precipitadamente a falta de algo.

'm bringing booty back
Go ahead and tell them
Skinny bitches,that
No, I'm just playing I know you
Think you're fat
But I'm here to tell you that
Every inch of you is perfect from
The bottom to the top!

Aumento um pouco mais o volume da minha voz, o que era necessário para poder se sobressair as outras vozes cantando ao fundo, mas ainda mantendo o mesmo tom. Coloco uma mão na cintura e vou erguendo aos poucos a outra no primeiro verso, combinando com a forma arrastada que o canto.  Jogo minha mão com desdém para frente a partir do segundo verso. Eu sempre tentava interpretar a música com meu corpo enquanto cantava, eu gostava de através da dança demonstrar os significados daquelas palavras. Mercedes começam a andar ao meu redor, mexendo os ombros como eu havia feito no inicio, seguindo o movimento juntamente com o quadril. Em “Think you’re fat” eu traço a forma de uma garota com as minhas mãos, para em seguida levantar novamente meu pé e tocar na ponta dele, colocar cada mão minha de um lado da minha cintura de forma cruzada, passando para os ombros e levantando as mãos ao alto para terminar a música, num alto “top” com todas as vozes juntas. As Cheerios estavam na mesma posição que eu, já que me acompanhavam e Santana e Mercedes cada uma possuía uma das mãos em um de meus ombros e as outras em suas cinturas.

Because you know I'm all about that bass
'Bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass, no treble
I'm all 'bout that bass, 'bout that bass

Aos pouco as Cheerios vão indo embora, e somente eu , Sant e Cedes continuamos lá. Passei meus braços pelos ombros das duas garotas ao meu lado, trazendo-as para perto enquanto cantávamos juntas, mas de uma forma mais desengonçada, já que estávamos nos divertindo tanto que a vontade de rir acabou crescendo. Era ótimo poder fazer uma performance dessa forma e ser tão livre assim com elas. Mal conseguimos terminar direito a música porque já estávamos sem conseguir segurar o riso que somente aos poucos foi morrendo, e notamos novamente a presença do William a nossa frente, a qual momentaneamente esquecemos. Olhei para cada garota e as duas possuíam um olhar decidido no rosto. Senti mesmo até um pouco de pena do Sr.Schuester, por termos saído daquele forma e nem termos avisado, antes que alguma das garotas, levadas pela personalidade forte e impulsiva acabassem falando algo rude, que pudesse machucar o Sr.Schue e até mesmo se arrependerem depois, eu resolvo me pronunciar mais rápido.

- Essa é a nossa decisão Sr.Schuester, nos encontraremos nas competições, tenha uma boa sorte, porque contra nós, você vai precisar. E ah, antes que eu me esqueça, cuidado com a Rachel Berry, acho que ela tem um pacto com os duendes ladrões para conseguir roubar tantos solos – Dou um ultimo sorriso e sou a única a lhe lançar um olhar envergonhado, de desculpas. Cruzo meus braços com os das garotas e nos viramos para ir embora. Eu não falei que ele precisaria de sorte para ser rude, tentar coloca-lo para baixo e nem nada do tipo, eu simplesmente falei a verdade, nós éramos as TroubleTones, e como nosso próprio nome dizia, nós trazíamos, e éramos, um problema.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Nêmesis em Sex 26 Set 2014 - 22:27

She's All About That Britt

Em certo ponto da performance eu fui sendo isolado mais e mais até as garotas se fecharem completamente, a música, então, acabou, elas estavam juntas, semi abraçadas, e meio que se surpreenderam quando me viram, então, Brittany disse: - Essa é a nossa decisão Sr.Schuester, nos encontraremos nas competições, tenha uma boa sorte, porque contra nós, você vai precisar. E ah, antes que eu me esqueça, cuidado com a Rachel Berry, acho que ela tem um pacto com os duendes ladrões para conseguir roubar tantos solos. - A garota se virou e foi embora, junto com as outras duas, me deixando no corredor, totalmente devastado, e, antes que eu percebesse, Finn disse ao meu lado: -Temos um problema. - Então me virei para ele e disse: -Não, Finn, não temos um problema, temos um TroubleTone...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Rachel Lewis em Sex 26 Set 2014 - 22:57

I really don't care



A vida não andava muito fácil para Kim...Bem,ao menos estava melhor que meses atrás. A coreana ainda se lembrava de como soube que o pai havia morrido e dos duros meses vindos após isso,tentando se adaptar a estar "sozinha" em um país relativamente novo. Claro,tinha Isabelle e Santiago,mas mesmo assim...Era órfã. E além disso teve o traumático término com Belle e a partida dos seus irmãos.E a adoção por Santiago.Era muita coisa para se adaptar....E depois de um tempo Kim "ressurgiu das cinzas". Mudou seus cabelos,deixando-os loiros e bem curtos; Mudou seu estilo,usando roupas mais provocantes; Mudou sua personalidade. Adeus,Kim bobinha. Uma nova Hyuna nascia.
A coreana então ouviu Shelby na sala das TT's. A asiática havia sido 'roubada' de seu clube com promessas de sucesso e mais oportunidades,e cá estava,nas Troubletones. A tarefa? Impressionar para ganhar mais garotas. Fácil,e Kim já sabia a música.
O intuito era se apresentarem em  outros locais da escola,então lá foi Hyun para os Corredores. Onde mais chamaria tanta atenção? A baixinha não passava despercebida por onde ia. Sua nova atitude confiante atraía olhares - masculinos e femininos. Hyun sorriu,era isso o que queria. Uma hora para encostada à um armário aleatório,aguardando. A outra garota para quem havia pedido ajuda deu o sinal,hora do "show". A música começa e Hyun aguarda sua hora,indo para o centro vazio do corredor em seguida. Todos,incluindo várias cheerios,a olhavam curiosamente. Cruza os braços e canta os dois primeiros versos observando as pessoas ao redor. Gira os dedos dos lados da cabeça em 'messing with' e bate com a palma da mão em uma parede em 'wall'. Aponta para uma cheerio na "platéia" cantando o final da estrofe,dando uma pirueta completa e parando de costas para o ponto que havia começado com as pernas afastadas no 'hey'. Sua voz soava forte e clara durante toda a música,e seu olhar desafiava alguém imaginário a contrariá-la.

You want to play, you want to stay
You want to have it all
You started messing with my head
Until I hit a wall
Maybe I shoulda known, maybe I shoulda known
That you would walk, you would walk out the door, hey!
Hyuna sabia muito bem que para alcançar seu objetivo - ganhar mais membros para as TT's - teria que se esforçar e muito,então estava dando tudo de si cantando e dançando aquela música. Kim coloca a mão esquerda em sua cintura e inclina todo o tronco e o rosto para o mesmo lado mantendo o outro braço abaixado e a mão dando 'tapinhas' em sua coxa no ritmo da batida da música enquanto canta. Em 'Cut to the part' a garota faz a mesma posição,só que trocando esquerda por direita. Hyun volta o tronco ao normal aponta para duas garotas que a assistiam em 'you shoulda know' e em seguida aponta para si mesma em I would talk'.
Said we were done, then met someone
And rubbed it in my face
Cut to the part, she broke your heart
And then she ran away
I guess you shoulda known, I guess you shoulda known
That I would talk, I would talk
Hyun joga os braços para o alto e olha para o teto no primeiro verso,baixando a cabeça e as mãos e levando-as ao próprio peito bruscamente no segundo verso,cantando cada vez mais alto porém sem desafinar - seria extremamente vergonhoso se acontecesse. Kim dá de ombros e sorri nos dois últimos versos. A coreana então anda um pouco pelo corredor,sendo seguida por algumas garotas que decidiram acompanhá-la na dança,parando alguns metros à frente ,com as "ajudantes" alguns passos atrás da mesma,seguindo seus passos. Hyun para de lado,olhando por cima do ombro para a pequena platéia que a assistia. Repete os passos anteriores,porém dessa vez apoiando as mãos na cintura e rebolando para acompanhar o ritmo dos dois últimos versos.
But even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
Oh oh oh I really don't care
Even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
Oh oh oh I really don't care
Oh oh oh I really don't care
Hyun se vira para o outro lado,ainda com as mãos na cintura. Sobe uma delas para a cabeça,enterrando os dedos no cabelo fazendo uma expressão exasperada enquanto cantava. Estende a mesma mão para frente com o dedo indicador levantado,sinalizando 'não'. Junta as duas mãos formando uma "arma" com as mesmas em 'shot',e a levanta para o alto em 'let go'. Dá alguns passos para trás,saltitando.
I can't believe I ever stayed up writing songs about you
You don't deserve to know
The way I used to think about you
Oh no not anymore, oh no not anymore
You had your shot, had your shot, but you let go
Hyun afasta as pernas novamente e apoia as mãos nos joelhos,inclinando o tronco para frente. Move os ombros para frente e para trás algumas vezes,depois movendo os calcanhares da direita para a esquerda rapidamente.No terceiro verso ela mostra o dedo indicador ao invés do do meio,pois tinha vergonha. No último verso,sobe o tronco de forma brusca,aproveitando o movimento para dar um giro e parar de costas novamente.
Now if we meet out on the street I won't be runnin' scared
I'll walk right up to you and put one finger in the air
And make you understand, and make you understand
You had your chance, had your chance
Para a próxima parte da dança Hyun levanta a perna esquerda e joga o braço direito para trás(assim como levantava a perna direita e jogava o braço esquerdo para trás em seguida) aproveitando para rebolar de uma forma mais leve enquanto fazia os movimentos.Ela então 'pula',juntando ambas as pernas apenas para pular e separá-las em seguida novamente,levantando a perna direita e olhando para a mesma direção. Depois repete o movimento,levantando a perna esquerda olhando também para a esquerda. No final da estrofe faz um movimento com o braço dobrado acompanhando o 'oh oh oh',subindo-o e descendo-o três vezes,depois trocando de perna e repetindo. A música se aproximava do fim,e Hyun estava cansada,mas não parava.Sua voz continuava alta e forte,porém doce,como ela se sentia no momento. Forte,mas no fundo a mesma garotinha.,
But even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
Oh oh oh I really don't care
Even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
Oh oh oh I really don't care
Oh oh oh I really don't care

Hyun apoia uma mão na cintura e inclina o tronco para frente,movendo as pernas levemente para fazer seu quadril se mover.Estende a mão para frente e faz 'não' com o dedo indicador,movendo também os ombros acompanhando o ritmo da música. Move o tronco para frente e para trás algumas vezes ainda neste mesmo movimento,sorrindo cada vez mais. Estava adorando cantar aquela música. Trazia tantas lembranças.... Para terminar a música Hyun repete a dança da estrofe anterior,terminando parada de frente para a "platéia" com um braço jogado para o alto e a respiração ofegante. Um sorriso iluminava seu rosto.
But even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
Oh oh oh I really don't care
Even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
Oh oh oh I really don't care
Oh oh oh I really don't care

Em seguida o sinal toca e a maioria das pessoas volta aos seus afazeres,porém Hyun nota algumas Cheerios indo procurar Shelby. Objetivo completo. Hyun sorri satisfeita consigo mesma e volta para suas aulas,certa de que fizera um bom trabalho.

Notes: Determinada ♦ Tagged: - ♦ Words: Muitas ♦ Wearing: No momento, não importa

♦ The White Swan ♦ @CG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Adm em Dom 12 Out 2014 - 20:57

CORREDORES

Welcome   Back

Passou pelos corredores calmamente, ignorando a maior parte dos alunos, ele sentiu falta de andar por esses corredores. E como antes vestir uma jaqueta com o simbolo do McKinley parecia dar um poder acima do comum, pois ninguém ousa ficar no caminho de um Titan ou de uma Cheerio.
Abriu seu armário e colocou os livros que não utilizaria mais naquele dia, e aproveitou para guardar alguns cadernos na mochila.


Nos corredores com Milena

thanks brooklyn from shine atf  and caution

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Dom 12 Out 2014 - 21:28

Almost Friend.

Os dias no McKinley corriam bem. Achei, no começo, que seria difícil adaptar-me a uma cultura tão diferente, mas estava sendo mais fácil do que imaginava. Principalmente com o coral. Já estava quase cem por cento acostumada a ser odiada por nada.
Era um tarde de vento forte, andava com um casaco imenso, quase maior que eu, pelos corredores, a procura de meu armário, quando o vi. Aquele mesmo menino da sala do Glee Club na tarde passada. Cabelos loiros, olhos azuis, lábios perfeitos. Eu tinha que falar com ele dessa vez. Respirei fundo e fui, cheia de atitude, andando em sua direção. Ele olhava para o outro lado, nem notava minha presença, mas desfilava ainda assim.
Contudo, depois de curtos passos, meu pé tropeçou nele mesmo e cai com tudo no chão. Como sou experiente, meus braços protegeram-me e eu nada senti, fisicamente dizendo, mas a vergonha não fora pouca, principalmente pelo barulho que a pancada fez, todos encararam-me imediatamente, até um moreno forte com quem conversei no dia anterior, o mesmo que não me deu ideia. Fingi que nada aconteceu, levantei-me, limpei a roupa e continuei o que estava fazendo.

- Belo casaco. - Disse, simpática. Ele vestia um casaco do time de football e aquela fora a primeira coisa que apareceu em minha mente. Mesmo com sinceridade, fora só uma frasezinha para que ele olhasse para mim. - Já te vi jogando. - Ele e mais inúmeros garotos maravilhosos, mas isso não vem ao caso. - E te vi na sala do coral também, acho que sabe quem eu sou, a garota do cabelo rosa. - Sorri. - Milena McCain, prazer. - Estendi a mão.




Thanks Nanda from TPO


____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Adm em Dom 12 Out 2014 - 21:48

CORREDORES

Welcome   Back

Estava olhando para o chão ao colocar os materiais na bolsa quando ouvi um barulho alto e ao erguer o rosto me deparei com uma garota tombada no chão. Mas antes que pudesse me mover para ajuda-la, a mesma já estava de pé e caminhou até mim.
-Obrigado. Gostei do seu? Respondi em duvida, já que o casaco gigante dela que deve a ter derrubado. Coloquei a mochila sobre o ombro esquerdo e estiquei a mão para cumprimenta-la. -Você é Milena, não? Conheço sua irmã, e os cabelos rosas não mentem. Falei apontando para seu cabelo e sorrindo. Eu a reconhecia do ND mas nunca havia tomado iniciativa para falar com a mesma. -Espero que me tenha visto num jogo bom. No que posso te ajudar? Perguntou simpático.


Nos corredores com Milena

thanks brooklyn from shine atf  and caution

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Dom 12 Out 2014 - 22:11

Almost Friend.

Ele parecia bonzinho, não rira da cena bizarra que acabara de acontecer. E lembrava de mim, o que era uma boa coisa. E era esperançoso também, achando que tinha o visto em um jogo bom, o que fora apenas achismo, pois ele apenas corria pra lá e pra cá na partida.
Mas o que complicou mesmo foi quando ele perguntou no que podia ajudar. No que ele poderia me ajudar? Eu não sabia porque tinha ido falar com ele, simplesmente falei e pronto.
- Tenho que conhecer as pessoas do meu meio de convívio. - Sorri. Mais uma vez, disse o que surgiu primeiro em minha mente. - Andar sozinha é okay, mas às vezes precisamos conhecer alguém legal.- Dei de ombros. - Estuda aqui há muito tempo? - Perguntei, casualmente. - Parece tudo muito diferente, pra mim.




Thanks Nanda from TPO


____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Adm em Dom 12 Out 2014 - 22:29

CORREDORES

Welcome   Back

Me recostei sobre o armário cruzei os braços enquanto a observava. -Entendo como é, quando entrei aqui parecia um peixe fora d'agua. Falei tentando parecer compreensivo só que a primeira coisa que veio na mente foi o apelido que Santana me deu e que alguns usam. Balancei a cabeça afastando essa divagação e dei de ombro para a pergunta dela. -A algum tempo já. E nada muda por aqui, só as faces. Comentei e depois bati levemente com meu ombro no seu. -O que te levou a escolher o ND? Pelos boatos achei que iria pras TT's Brinquei.


Nos corredores com Milena

thanks brooklyn from shine atf  and caution

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Dom 12 Out 2014 - 22:38

Almost Friend.

Ele era mesmo bonzinho! Se fosse qualquer outro, já teria me deixado ali, falando sozinha. Imagine, uma menina esquisita, com o papo mais furado que meia de mendigo, que ainda cai em sua primeira aparição, pedir que dê atenção é pedir demais.
Ele falou sobre como tudo lá anda igual, e logo perguntou o porquê da minha escolha de entrar no ND.
- Então há boatos sobre mim? Já era de se esperar. - Brinquei. - O ND parece muito mais legal. Não sei se aguentaria ficar em um lugar cheio de divas, parece demais pra mim. E você? Por que quis entrar em um clube de coral? Parece que não somos bem aceitos aqui, e você me parece um garoto popular.




Thanks Nanda from TPO


____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Adm em Dom 12 Out 2014 - 23:19

CORREDORES

Welcome Back

A segurei pelo pulso e sai puxando gentilmente para faze-la me acompanhar enquanto comecei a andar pelo corredor. -No New Directions o numero de divas não é menor pode ter certeza. Rachel vale por metade da TT's. Sorri, tentando fazer graça.
Virando a esquerda em um dos corredores parei para pensar em porque tinha entrado no coral, a garota tinha razão, eles não eram bem aceitos ali. -Acho que entrei no ND porque foram os primeiros a me aceitar e tals. Dei de ombros e continuei a andar aleatoriamente, já nem lembrava mais onde iria.


Nos corredores com Milena

thanks brooklyn from shine atf and caution


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Dom 12 Out 2014 - 23:31

Almost Friend.

Sam falou de Rachel Berry e eu ri. Lembro-me dela, a nariguda talentosa.
Logo puxou-me pelo  braço e começou a me conduzir pela escola. Com  aquele ato,  sorri novamente. Passamos por umas partes que eu não  conhecia, por outras que já havia andado... As escolas públicas são realmente grandes aqui nos EUA.
Ele respondeu minha pergunta falando sobre aceitação.
- Lá  podemos ser nós mesmos. - Pensei alto, concordando com o que ele acabara de dizer. -  Não sabia que essa escola é assim, tão  grande. Espero que saiba onde estamos, porque não vou  saber voltar depois. - Disse rindo, mas com um fundo de verdade. Estava  realmente perdida.




Thanks Nanda from TPO


____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Adm em Dom 12 Out 2014 - 23:41

CORREDORES

Welcome Back

Se ela não sabia onde estavam, muito menos eu. Me virei com um olhar alarmado para a garota e fiz cara de paisagem tentando demonstrar que não estava tão perdido quanto parecia. E não tinha ninguém por ali para falar o caminho certo. -Acho que estamos perdidos... Comentei lentamente dando um largo sorriso de desculpas logo depois e esperei por ela começar a surtar.


Nos corredores com Milena

thanks brooklyn from shine atf and caution


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Seg 13 Out 2014 - 0:05

Almost Friend.

Ai meu Deus, estávamos perdidos! Não consegui conter meu susto, provavelmente tinha feito uma careta bastante esquisita, se bem me conheço.
Mas, por incrível que pareça, não surtei. Comecei a rir. Aquilo era cômico. Logo vi que Sam era tão desastrado quanto eu.
- Isso não é ruim! - Concluí, sentando-me de pernas cruzadas. - Quero dizer, estamos na escola, não acho que algo de ruim vai acontecer. - Dei de ombros. - Ou vai? - Fingi estar assustada, arregalando os olhos.



Thanks Nanda from TPO


____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Adm em Seg 13 Out 2014 - 0:13

CORREDORES

Welcome Back

Me sentei ao lado dela e cruzei as pernas da mesma maneira que ela. Me lembrei da vez que quase morri com uma explosão de gás no refeitório e quase ri. -Nada de ruim vai acontecer. Só precisamos encontrar o caminho de volta. Falei abrindo a mochila e pegando uma barra de chocolate, abri e dividi ao meio, oferecendo a outra metade para ela.
-O zelador deve aparecer por aqui daqui a pouco. Fali dando de ombros e colocando o chocolate quase todo de uma vez na boca.


Nos corredores com Milena

thanks brooklyn from shine atf and caution


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Sab 18 Out 2014 - 21:55




I won't let these little things slip out of my mouth.
Depois do episódio guerra de comida no refeitório para atingir Rachel Berry e o liderar mais um treino das cheerios por conta de uma falta de Sue, meu corpo ainda parecia estar ligado no 220w. Não tinha tanta gente na escola, um sinônimo de que eu poderia ficar a vontade. A primeira coisa que fiz, foi soltar os cabelos daquele mísero rabo de cavalo apertadíssimo. Meu suspiro de alívio foi tão longo, que me fez ter vontade de não fazê-lo nunca mais. Porém, eu sabia que isso não seria possível, de forma alguma. Guardei meus livros, e tratei de andar logo. Queria chegar em casa, e praticar alguns passos e depois, tomar banho e me arrumar para a aula de piano. Já estava no fim, mais alguns dias e estava finalizando esta etapa. Sorri, colocando o ray ban no rosto e estava prestes a atravessar o corredor, quando ouvi vozes.

Eram duas, na verdade. Uma feminina, e uma masculina. Passando pela dobra do corredor, identifiquei os delitos. O que aqueles dois ainda estavam fazendo ali? Eram um casal? Fui andando mais devagar, como estava vindo pelo lado em que eles estavam de costas para mim, não me veriam. Eles... Estavam perdidos?! Como alguém se perde no WHMS? Tive uma imensa vontade de rir. E sinceramente? Não sei de onde retirei forças para controlar este impulso. Me aproximei o bastante para que eles ouvissem o que eu diria.

- Dois perdidos? Meu dia não poderia ficar melhor. - Abri um meio sorriso olhando de um para o outro.

O garoto loiro, eu sabia quem era. Já tinha o visto no clube glee algumas vezes. Era fácil de reconhecê-lo, portando uma boca enorme como aquela. Sean, algo assim o seu nome. Fitei a garota. Cabelos rosas, semblante confuso. Nunca tinha lhe visto pela escola. Deveriam ser um casal.

notes: corredor | with: sean (?) e desconhecida do cabelo rosa | tagged: no.
thanks iida!

____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Rachel Lewis em Sab 22 Nov 2014 - 22:52






Just a Ex - Lover…



Agora.Chega.Esse foi o meu limite. Como conviver com ela assim? Espero o final da sua declaração de guerra e me levanto,saindo tempestuosamente da sala,olhando-a e indicando que a seguisse.
Lá fora,no corredor,se vira para a italiana com uma expressão de puro ódio e desprezo. Joga a mão para trás e acerta um forte tapa no rosto de Isabelle,coisa que fez sua própria mão doer e fez a bochecha da garota ficar em vermelho vivo. Se surpreende e sente culpa pelo tapa,mas rapidamente recupera a expressão de raiva.
- Como ousa???- grita,ultrajada. - Como ousa dizer aquilo,Isabelle?
It's a Love Story baby just say yes ♪♪♪♪



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Isabelle Leotta em Sab 22 Nov 2014 - 23:05




Depois da minha apresentação estava sentindo um alívio e uma certa satisfação em ter dito tudo aquilo que estava entalado na minha garganta. Mal tinha chegado no corredor quando vi Hyuna vindo em minha direção, assim que me virei na direção da garota apenas escutei o barulho e senti a dor na minha bochecha que parecia arder. Porra! A coreana era pequena, mas batia com força. Levei a minha mão para o local que ardia enquanto ela falava e esfreguei levemente.
Arqueei a sobrancelha olhando para o projeto de gente que estava diante de mim, ela era pequena pra cacete e ainda ousava me bater. - O que pensa que está fazendo? - Perguntei em um tom frio, estava irritada e meu humor não estava dos melhores. - Que porra acha que está fazendo para me bater? Eu até entendo você andar se vestindo como uma prostituta barata ou esse seu drama, mas me bater? Quem acha que é? - Andei um passo para a frente olhando em sua direção com raiva. Tive o prazer de tentar parecer um pouco ameaçadora.
- c]]Eu não gosto que me batam, vou deixar essa vez passar porque você é uma coreana burra, mas não ouse encostar em mim de novo. [/b]- Se fosse outra situação acharia engraçado como seus olhos estavam arregalados e a sua expressão de medo, mas naquele momento estava puta demais para achar engraçado. - Eu disse o que eu quis dizer. - Dei de ombros no final da frase, não me importava com o que ela achava.

Usando: This || Tags: Ann St. James|| Notes: Fuck it!@
 

____________________


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Rachel Lewis em Sab 22 Nov 2014 - 23:20






Just a Ex - Lover…



Prostituta barata? Coreana burra? Como eu pude um dia amar isso? Eu devia estar burra,ou cega. Ou ambos.
- Posso ser burra,mas a prostituta não sou eu,acredite. Não fui eu que traí quem dizia amar. Você sabe o que é essa palavra? Acho que não. Senão teria me dado mínimo de valor. Não sei como pude amar alguém tão fria e egoísta como você. Não ama ninguém além de si mesma e dos próprios desejos. Não tenho medo de você,traditore. - falo,terminando com "traidora" italiano Sabia que xingá-la na língua natal a atingiria. - As pessoas tem razão no que dizem de você,mesmo eu tentando faze-las parar. Sim,eu estava tentando.  Agora eu tenho nojo de quem você se tornou. - lanço um olhas afiado em sua direção,e lágrimas escapam dos meus olhos.
It's a Love Story baby just say yes ♪♪♪♪



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Isabelle Leotta em Sab 22 Nov 2014 - 23:34




Ao ouvir as palavras de Hyuna não pude deixar de me sentir meio culpada, aquilo havia doido. A cada palavra que ela falava sentia como se uma faca entrasse em meu peito, cruzei os braços tentando não demostrar como aquilo havia me magoado e tentei manter uma expressão serena, mas não estava aguentando escutar aquelas palavras duras vindo da coreana.
Passei a língua por entre meus lábios e olhei para um ponto atrás dela enquanto ela falava, não queria olhar em seus olhos. Assim que ela terminou suspirei e finalmente voltei a lhe encarar. - Você está certa quando diz que só amo a mim mesma, sempre vai ser assim mia amata sorella. - Disse falando as últimas palavras em italiano com um sorriso maldoso nos lábios. - Não tenho que perder meu tempo com você aqui, como eu disse antes não me importo com o que acha de mim. - Dei de ombros e sai de perto dela indo para casa.

Usando: This || Tags: Ann St. James|| Notes: Fuck it!@
 

____________________


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Rachel Lewis em Dom 23 Nov 2014 - 0:01






Just a Ex - Lover…



Típico de Isabelle,se fazer de forte...Eu a estava magoando e estava odiando isso. Podia ver em sua expressão corporal,seu olhar,tudo...Mas esse não era o meu objetivo? Bem,eu odiara os resultados. E então ela me surpreende concordando comigo e me chamando de irmã. O que eu havia feito? A culpa me destruía agora. Ela então vai embora,magoada,e eu me desespero.
Corro para casa atrás dela,pensando em como consertar a bobagem já feita.

It's a Love Story baby just say yes ♪♪♪♪



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Corredores

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum