[FP] Annelise Hargitay Hermann

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Annelise Hargitay Hermann

Mensagem por Annelise Hargitay em Qua 18 Mar 2015 - 19:01

When the moon fell in love with the sun
━━━━━━━━━━━━━━━━━━
All was golden when the day met the night


Nome: Annelise Hargitay Hermann

Idade: 17 anos

Naturalidade: Londres, Inglaterra.

Sexualidade: Bissexual

História: Annelise “Liz” Hargitay Hermann é uma típica inglesa de classe alta, fruto do amor verdadeiro entre um importante promotor de justiça com rédias políticas e uma cirurgiã plástica e fotógrafa nas horas vagas, por tal motivo compõe a alta elite inglesa. Liz, como é conhecida pelos mais próximos, é doce e esbelta, com carinha de criança e boneca de porcelana de cabelos cor de mogno, tem todos os garotos da sua classe caindo aos seus pés, porém, o que eles não sabem é que ela prefere as mulheres, obviamente escondia essa preferência de seus pais. Tem um senso de humor único, consegue fazer com que as coisas mais sem graça se transformem nas mais hilárias. Às vezes não consegue se controlar, dizendo assim o que lhe vem a cabeça é considerada por algumas pessoas um tanto quanto irritante mas ignora, afinal, nunca mudaria para agradar os outros. Apaixonada por musicais, Broadway e fotografia desde criança, seu sonho sempre foi seguir a carreira de Cantriz na Broadway, mas seus pais nunca a apoiaram, pelo menos não inteiramente. Sua mãe a achava a mulher mais talentosa do mundo, mas ela era suspeita para falar, afinal, era sua mãe. Já seu pai se recusara a ir a sequer uma apresentação da menina até os dias de hoje, dizendo que ela não conseguiria nada no ramo dos Musicais, muito menos Broadway. Em seu décimo sétimo aniversário, seu pai lhe dá um apartamento em Akron, Ohio nos Estados Unidos, justamente para afastá-la de todo o mundo do Teatro e das oportunidades que estava surgindo para ela em Londres. Como aluna de intercâmbio, Liz é matriculada no colégio Carmel High School e se inscreve para o tão famoso Vocal Adrenaline.

------------------------------------------------------------------------------

AUDIÇÃO

Os corredores do Carmel estavam lotados como todos os dias naquele horário. Alunos saíam de suas salas, alguns corríam em direção à saída, e outros andavam quase se arrastando para a lanchonete para almoçar. Annelise era a única que saía de sua sala onde tivera aula de História Americana e caminhava calmamente em direção a seu armário. Pensava ainda na música em que cantaria na audição para o Vocal Adrenaline. Talvez alguma música da Adele que se encaixasse em seu tom de voz, simplesmente adorava Adele, mas sempre soube que ela arriscava muitos graves que provavelmente danificariam a voz da jovem cantora. Parou de frente ao seu armário e girou a senha, abrindo-o. Guardou seu caderno e seu livro de História e pegou sua pasta de partitura rosa clara com uma estrela dourada no centro da capa. Porém, seu olhar percorreu as fotos diversas em seu armário e deixava que um sorriso pequeno nascesse em seus lábios. Seu coração parou por um momento e sua respiração falhou ao olhar uma foto em especial. Ela e Erin haviam terminado quando se mudara para os Estados Unidos e a saudade apertava o seu peito de modo a deixar seu coraçãozinho pequenino como uma noz.

Fechou os olhos brevemente dando um leve suspiro e a cena do mesmo terminando com ela passou como um filme em sua mente. "Você disse que nunca terminaria comigo" Foi o máximo que Erin conseguiu falar quando ela terminara tudo. Tornou a abrir os olhos e fixou os olhos na foto.  - Remember when I cried to you a thousand times… - As palavras saíam automaticamente de seus lábios enquanto ainda olhava para a foto dos dois. - ... I told you everything You know my feelings. – Todos sabiam que para Liz, todas as músicas tinham um porquê e um para quem. Era como se cantasse essa música para Erin. - It never crossed my mind, That there would be a time for us to say goodbye,What a big surprise, - Ela continuou a cantar calmamente enquanto fechava a porta do armário escolar. Suspirou encostando as costas em seu armário e abraçando sua pasta de partituras, observando o movimento de alunos pelos corredores. - But I'm not lost, I'm not gone, I haven't forgot – Desencostou do armário e começou a caminhar lentamente pelo corredor. Ainda abraçada com sua pasta continuou depois de uma breve pausa - These feelings I can't shake no more These feelings are running out the door… - Sua voz era aumentada levemente como se colocasse tudo que sentia para fora pela música, algo que para a morena era comum. Seus olhos começavam a ficar marejados, e na primeira pequena pausa engoliu o choro. Caminhava pelos corredores entre os alunos que pareciam ignorar que havia uma menina cantando entre eles, e ela preferia assim, pelo menos agora.- I can feel it falling down And I'm not coming back around… - Embora lutasse contra as lágrimas, elas começavam a descer pelo seu rosto molhando-o. Entrou na segunda porta logo depois do banheiro daquele andar.

Logo se viu na coxia do auditório, e era como se todas as lembranças com a loira no auditório de sua antiga escola voltassem a tona. Seu primeiro beijo, os duetos junto com o coral, as tardes ensaiando. - These feelings I can't take no more This emptiness in the bottom drawer... – Sua voz era forte porém não gritava, era calma mas não sussurrava. Seu tom era o tom de alguém que se arrependia de não ter dado total atenção ao seu namorado, tom de alguém que queria ter uma segunda chance de mostrar o quanto amava-o. Alguém como Annelise. - It's getting harder to pretend And I'm not coming back around again… - O tom da música tornava a ficar baixo gradativamente até se limitar a pequenas notas dedilhadas calmamente no piano. Estava cansada de sempre correr atrás de Erin, embora o amasse, estava cansada. - Remember when... – saiu como um sussurro. As luzes do auditório estavam apagadas, com exceção do holofote atrás da menina, iluminando-a. Agora sem a pasta ela juntava suas mãos em frente ao seu vestido e olhava para o canto do auditório, e limpou as lágrimas inutilmente, elas continuavam a molhar seu rosto. - I remember when It was together 'til the end… - Ela tornou a cantar com a voz calma e triste enquanto abraçava os próprios braços - Now I'm alone again Where do I begin?– Ela deu dois passos para frente e levou as mãos a lateral do rosto, e deslizou-as até o cabelo, ainda chorando. - I cried a little bit You died a little bit... – Passou as mãos pelo cabelo fechando os olhos brevemente enquanto cantava se lembrando dos momentos com a amada, desde quando eram amigas, até seus momentos mais intimos.

Erin Princeton fora a primeira que a fez se sentir amada, e sexy, e muito além do que apenas uma judia irritante. - Please say there's no regrets And say you won't forget… - Deslizou a mão pelas pontas do cabelo tornando a abrir os olhos, olhando para baixo fitava uma das primeiras fileiras onde estavam o professor do Coral e seu assistente, assistindo àquela audição que mais parecia um desabafo para a morena. Ela conseguia ser a menina mais forte e mais certa de si quando queria, mas quando se tratava dela, nunca passara de uma simples menina bobo que se apaixonou na primeira vez que a viu. - But I'm not lost I'm not gone I haven't forgot... – ao terminar o verso ela posicionou os braços reto ao lado do corpo e olhava agora, fixamente para frente. - These feelings I can't take no more This emptiness in the bottom drawer… - direcionou os braços para frente como se tentasse alcançar algo. Cantava com a mesma voz do refrão anterior. Fechou os olhos sentindo as lágrimas caírem de seus olhos, logo voltando a abrir os olhos, sentindo seu coração ficar cada vez menor. - It's getting harder to pretend... And I'm not coming back around again… - Ouviu o tom da música aumentar e o acompanhou, juntando as mãos em seu peito enquanto tornava a fechar os olhos e sentia todas as lembranças voltarem a sua mente enquanto sustentava a ultima nota perfeitamente. - Remember when... – Continuou com o tom um pouco acima do que sustentara durante toda a música. Abriu os olhos e abrindo só um pouco os braços e com a palma da mão para baixo continuava a cantar cada verso um pouco mais rápido e sem pausas entre eles - That was then, Now it's the end, I'm not coming back, I can't pretend... – Abaixara só um pouco o tom, sem voltar ao tom utilizado na música anteriormente. Ela então deu uma pausa melancólica e terminou a música cantando seu ultimo verso, em um tom calmo, triste, com sua voz quase em um sussurro à capela - Remember When... – Os holofotes atrás da menina se apagaram. Depois de ter colocado para fora tudo o que estava entalado em sua garganta, tinha a sensação de não ter se livrado daquele sentimento, e não se livraria tão cedo, só esperava que ela entrasse para o Clube do Coral, afinal, era uma das poucas coisas que alegravam a menina nos últimos dias. A música.

"money, power and glory. sisters breast of madness".

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Annelise Hargitay Hermann

Mensagem por Convidado em Qua 18 Mar 2015 - 22:48



Aprovado!
De laatste tijd kreeg me kijken, zo gek, mijn baby, ik ben niet mezelf, ik ben dom, ik doe dit ik heb mezelf, baby I don't care niet gespeeld ' cuz uw liefde got het beste van mij en u bent het maken van een gek van mij je me hebt baby ontstaan en kan me niet schelen wie ' cuz baby u got mij, je hebt me, zo gek baby ------------------------------

Olá, Anna Kendrick! Eu realmente pensei que veria uma apresentação de Cup Song, mas parece que fui surpreendida. Ok, parei. -q
Well, vamos ao trabalho:
Eu gostei da história. Não houve tragédia/morte/vida sofrida ou coisa parecida, embora acho que tenha sido um pouco clichê e poderia ter sido um pouco mais desenvolvida. Seu português é bom, então: Você tem um ponto.
Sobre a audição: estrela dourada, drama, troca de pronomes algumas vezes (o que me fez ficar perdida em alguns momentos, perguntando-me se Érin era um homem ou realmente uma mulher). Então ouso palpitar que isso é alguma parte de uma fanfiction Finchel. (não se preocupe, você continua aprovada :v)
Sua forma de escrever me lembra alguém. É. Enfim, sem mais delongas: Vocal Adrenaline é um coral super... han... Vocal Adrenaline. Mas acho que se dará bem lá!
Bem-vinda ao LUTW!






THANK YOU BRIDE!







Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Annelise Hargitay Hermann

Mensagem por Annelise Hargitay em Sex 20 Mar 2015 - 17:09

Olá Shannon, como estás?

Então, quero pedir desculpas pelo turno, fiz esse turno há algum tempo quando eu fazia parte de um RPG no Orkut :x Só adaptei o turno para os padrões de uma audição, já que na época era apenas uma tarefa semanal do Glee Club e concordo que relendo agora deu para ficar em dúvida se era menino ou menina porque eu era a Original da Rachel e escrevi como se fosse o Finn haiuehaiuhaiuheiuhea Na hora de adaptar devo ter escorregado algumas vezes mas adaptei no meio da noite morrendo de sono (mas sabe como é né, o fogo no rabo de fazer a ficha é maior hiauehiuhae). Mas enfim, fico feliz que tenham aprovado a minha ficha *-* Estou doida para começar as tarefas, mas confesso que to meio perdida... haiuehiuahe qual é o meu próximo passo? :x

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Annelise Hargitay Hermann

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum