MASNEY, Aimée.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

MASNEY, Aimée.

Mensagem por Aimée Masney em Dom 24 Maio 2015 - 20:40


Aimée

─ Nome Completo:
Aimée Masney;

─ Idade:
17 anos de idade;

─ Escola:
Winterfield Academy;

─ Grupo:
Cheerios.

Personalidade:

Extremista, perfeccionista, detalhista, badernista e estes são só os “istas”. Teimosa, manhosa, carinhosa, orgulhosa e misteriosa, sem contar os outros “osas”. Tudo se mistura quando se fala da francesa que possui um dos sotaques mais belos diante a enorme quantidade de americanos e britânicos no país em que morava atualmente.

Seus sonhos são tão despertos quanto sonolentos e é muito difícil diferenciar quando está no mundo real e quando está em seus planos imaginários. Se possuísse um nome relacionado à Lua, com certeza seria chamada de Lunática – como se já não fizessem isso mesmo não tendo nada a ver com o satélite natural do planeta!

Seus olhos sempre se perdem nas imagens e sua loucura é tão grande que, às vezes, se confunde com os mistérios da vida. Adoradora de metáforas e de novas amizades, vê o mundo ao seu redor como se tudo não se passasse de um extenso período de sono, onde a alma se desprende do corpo para viajar pelas terras dos Oneiros.

Protetora ao extremo, tenta defender todos que ama com unhas e dentes. Fervorosa, como todos aqueles que nasceram e foram criados no país mais arrogante do planeta, está sempre a discutir sobre como tudo aquilo que gosta é mais importante do que aquilo que para os outros é especial – afinal, como dito anteriormente, seu orgulho batia na taxa mil quando era para falar de algo que admirava. Anjo para alguns e Diabo para outros.

Não se importava muito quando a questão era sua reputação e a opinião alheia – bem, pelo menos essa era a imagem que tentava passar –, afinal, como até mesmo sua mãe lhe dizia, sua terra não era ali. Sua terra era um mundo completamente seu. Um mundo criado de pensamentos. Criado de éter. Criado de sonhos.

História:

Nascida em Reims, uma pequena comuna francesa na região administrativa de Champanha-Ardenas, no dia cinco de Setembro de 1997, foi chamada de Aimée em uma homenagem ao apelido pelo qual seu misterioso pai clamava Narcisa Masney por, quando ainda estavam juntos. Seu nome tem como significado “amada” e, para fazer jus a este, cresceu em uma família – mesmo que desestruturada – que realmente lhe deu e vendeu deste sentimento natural do espírito humano.

Não fazia muitas perguntas sobre o pai, pois pensava que aquilo realmente não era muito importante. O sentimento de falta nunca lhe veio à tona, pois ele sempre parecia estar presente. Era só fechar os olhos para imaginar como seria um mundo com ele. Sua imaginação, porém, não se mantinha só nisso.

Começou a cantar aos sete anos, quando a mãe a colocou tanto numa aula de balé, para que crescesse saudável, quanto na aula de musicalização, para que tivesse cultura o suficiente para trabalhar com isto num futuro próximo.

Encontrou sua verdadeira felicidade na escrita, assim que completou doze anos, quando perdeu a mãe em um acidente de carro, já que esta a fez encontrar uma forma de extravasar seus sentimentos com a ordenação de letras, transformando-as em palavras, que formavam frases, que constituíam textos enormes.

Fez uma das maiores apresentações de sua vida uma semana antes de mudar de país para procurar por seu tio, Klaus Masney, cantando, em seu show, músicas dos repertórios de Epica, Evanescence e Haim, três de suas inúmeras bandas favoritas.

Assim que chegou aos Estados Unidos da América, percebeu-se matriculada em uma rígida academia onde, embora seu sonho fosse cantar, dedicou-se ao grupo de líderes de torcida, tentando ganhar o coração dos colegas através de simpatia e popularidade.
"É fácil esquecer seus olhos."

____________________

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum