GERRARD, Steven

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

GERRARD, Steven

Mensagem por Billy M. Currington em Seg 1 Jun 2015 - 0:33


Steven Gerrard

─ Nome Completo:
Steven George Gerrard

─ Idade:
17 anos

─ Escola:
Winterfield Academy

─ Grupo:
Esportistas

Personalidade:

Não há uma forma complicada de descrever Gerrard, sua criação fez de si um sujeito fácil de se adaptar, habituado a passar por questões problemáticas e superar cada uma delas com um bom humor invejável. Ele é o tipo de cara que é naturalmente animado, dono de mil e uma caretas e alguns bordões também. O pensamento ágil o faz um ótimo esportista e a dedicação somada à força de vontade criam um sujeito imparável não importa quantos tombos leve pelo meio do caminho, mas acima de tudo é um rapaz feliz pelo o que tem, e que sempre procura ver o lado bom das coisas, um exímio otimista. Atualmente se confronta com o sotaque e algumas gírias, não sendo da cidade grande é natural que vira e mexe acabe falando algo que ninguém vá entender, mas compensa com o sorriso fácil e o natural bom humor. Também é dono de mil e uma histórias, sejam sobre si ou as lendas que permeiam sua família e seus contos de velho oeste, ainda mais tendo um participante de peso em cada um deles. Sobre o amor é uma incógnita, não costuma ter boa sorte, ainda mais se considerarmos que a sua ex curtia o estalo do chicote, nele. Não imagine uma cantada bem bolada, até porque nisso ele deve contar com um arsenal digno de um pedreiro, mas bem, deve ter um leque de boas piadas para compensar. Em resumo é só um garoto sonhador que apesar de amar o esporte, também ama a música, a dualidade fica para trás quando o assunto são as relações humanas e aí todos podem ver o sujeito meio inocente, prestativo e esforçado que ele é.

História:

A história de Gerrard não tem nenhum grande boom, não é dono de grandes façanhas e nem mesmo conta com uma história cheia de aventuras do tipo que deixa os leitores mais maduros de pelos arrepiados, devo te avisar logo que ele não é nenhum semi-deus ou bruxo, mas se o assunto for arar o campo e domar um cavalo, bem, pode contar com e toda a sua maestria em fazer tais tarefas e não deixar suór acumular no cabelo e no chapéu. Ele é o segundo filho mais velho numa sequência de 4, nasceu no Mississippi e o pai é dono de uma das maiores propriedades de terra da região, sendo um influente produtor de vegetais, leite, carne e com alguns cavalos ganhadores de corrida. A maior parte da infância dele foi sem dúvida correndo atrás de galinhas, se arranhando ao pular um mura com arame farpado, desbravando um casarão mal assombrado e tomando banho no rio, ele e o irmão deixemos claro, afinal Noah Gerrard foi uma figura influente para o irmãozinho.

Não cresceu á sombra do irmão, apesar de este ser sempre o melhor que ele em tudo, menos em escalar árvores ou pular muros, mas enquanto as habilidades atléticas do irmão saltavam os olhos de qualquer olheiro, Gerrard sabia se dividir com muita maestria entre as duas paixões, o esporte e a música. Ao mesmo tempo que integrava os diferenciados times da escola fosse de basquete ou de futebol americano, também era peça importante no coral da igreja e vira e mexe aparecia nos festivais locais encantando a multidão com o dedilhado puro de seu banjo. Infelizmente não ganhou nenhuma proposta, fosse de times ou de produtoras, diferente do irmão que para todos tinha um futuro brilhante, mas ainda assim mostrava um exímio bom humor para lidar com o fracasso e procurar aprender algo com ele. Sendo um completo desastre em física, acabou por frequentar aulas de reforço e foi numa delas que conheceu a primeira namorada, Mary-Lou, aos 14 anos de idade. Apesar de 2 anos mais velha a garota não pareceu se incomodar, diferente de Gerrard que quando estava prestes a ter sua primeira experiência sexual deu de cara com Mary-Lou vestida com roupa de couro exibindo algemas, chicotes de couro e uma dúzia de objetos de tortura que ele tinha certeza que seriam dolorosos. Apesar disso o namoro se desenrolou por alguns meses, até ele definitivamente descobrir que não dava mais, afinal, a cada som ele se recordava do chicote sob suas costas e sabia que não era nada saudável colecionar aquilo.

Precisou passar 2 semanas escondido dentro de casa até que ela desistisse e foi o tempo que teve para ouvir a vasta gama de histórias do avô sobre o faroeste norte-americano. Tal tempo coincidiu com a ausência do irmão que para surpresa e orgulho de todos havia se alistado no exército e embarcava para o Vietnam. Tomando a frente, já que só possuía duas irmãs, e uma delas problemáticas demais da conta, ele acabou aprendendo mais sobre o negócio da família, e via como se o pai realmente quisesse deixar nas mãos dele a administração de tudo, mas o golpe profundo veio alguns meses depois, quando o caixão desembarcou num aeroporto do Texas e a notícia correu rapidamente. Noah morto. A dor era indiscritível, mas a imagem do pai sem lágrimas mexeu com ele, as palavras ecoaram eternamente: "Um homem deve ser forte e não derramar uma lágrima" ou "Um homem deve aceitar o seu destino, ou ser destruído por ele."; diferente da mãe que se consumia em prantos. Foi difícil de superar, naturalmente, mas era a única saída.

De lá pra cá pouco mudou, acabou tendo que se mudar para Miami com o pai, nada além de alguns meses a princípio, já que este pretendia abrir uma filial no estado para facilitar as transações e deixá-lo ainda mais ambientado com o assunto. A ideia de não poder mais participar de rodeios ou tocar nos festivais da cidade realmente lhe deixou cabreiro, mas quem não quer ir à Miami e dar uma espiada nas loiras bronzeadas de biquíni, se bem que as mulheres do campo eram melhores, diga-se de passagem. Enfim, sem mais rodeios, esse é Gerrard e toda a sua exuberância de ser só mais um garoto do interior.
"It's the mistakes that make who we are".

____________________

I'm a broken guitar
workin' on a broken song

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum