{MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

{MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Nathaniel W. Sibley em Ter 16 Jun 2015 - 19:59


We Are One Soul

A postagem se inicia entre Nathaniel Sibley, Mark Mudder e Adryan Mudder e está fechada para qualquer um que não tenha sido convidado. Passando-se esta em 17 de Janeiro, na Mansão Mudder. O conteúdo é para maiores de dezoito anos. A postagem está em andamento.




____________________

Sibley
Been trying hard not to get into trouble, but I, I’ve got a war in my mind, So, I just ride

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Nathaniel W. Sibley em Ter 16 Jun 2015 - 21:21




It's you, it's you, it's all for you, Everything I do I tell you all the time Heaven is a place on earth with you Tell me all the things you want to do
All Rights Reserved for Flawless
Havia voltado recentemente para Miami, a viagem havia sido longa e o nervosismo havia se dissipado com a primeira pessoa que reencontrei após aterrissar nos Estados Unidos mais uma vez; Adryan. Minha irmã gêmea sentia muitíssimas saudades minhas, logicamente, e assim que nos separamos fui de encontro à ela. Nunca havia ficado tanto tempo assim longe de minha maninha, o que me fazia sentir-me um pouco arrependido de ter ido por tanto tempo. Eu e Adryan combinamos que não seria bom irmos a uma festa assim, logo, deveríamos ter um tempo a sós para podermos pôr as conversas em dia, e também namorarmos um pouco sozinhos. Ele havia ido me buscar em casa, eu queria poder ter ido até a dele, mas havia emprestado meu carro para minha irmã.

A jornada foi relativamente curta, logo estávamos numa área um pouco afastada da zona urbana e caótica, de frente a uma belíssima mansão de grama verde. A casa era estupendamente perfeita, cada mínimo detalhe querendo transparecer o ar de um Paraíso na Terra. Desci do carro e abracei meu próprio corpo, ainda nervoso e respirando profundamente. Sabia que conheceria Mark Mudder hoje, e não estava exatamente tenso, porém a ansiedade mal cabia em meu peito. Adentramos à casa, aparentemente vazia. A sala possuía um carpete carmim e era muito bem ornamentada e visivelmente bem cuidada. Sentei-me num dos sofás, Adryan sentando-me ao meu lado esquerdo. Automaticamente me virei para ele, beijando seus lábios e depositando a mão direita em seu joelho.

- Morri de saudades suas, sabia disso? - comentei, abrindo um sorriso tímido, recostando a cabeça em seu ombro. Estávamos sozinhos, mas porque eu não conseguia agir como eu mesmo? Me sentia tão tímido, tão desolado...



____________________

Sibley
Been trying hard not to get into trouble, but I, I’ve got a war in my mind, So, I just ride

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Ghail C. Mudder em Qua 17 Jun 2015 - 17:04




Home, sweet home.


i'm not just waiting
i’m walking to find you
Fiquei o tempo todo imaginando como seria esse dia, meu pai e meu namorado se conhecendo. O nervosismo ficava guardado para mim, não demonstrei aquele pânico como todo namorado fica quando vai apresentar seu parceiro ou parceira para a família, que no caso era apenas meu pai.

Peguei Nathaniel na porta de sua casa, fomos conversando até chegar na minha que não demorou muito já surgia ao longe após virar uma esquina das ruas da Florida. Estacionava o carro na garagem e observei o outro se abraçar, acionei o alarme do carro e me coloquei ao seu lado o abraçando pela cintura e puxando-o para perto de mim, beijei sua nuca para provocá-lo.
- Apenas relaxe. - falei ao chegarmos na frente das portas de vidro e logo as abri.
Estendi minhas mãos para dá-lo a permissão da passagem e segui atrás dele, me virei para fechar as portas deixando-o seguir pelo cômodo, voltava a caminhar pelo local e assim que ele se sentou no sofá me sentava logo ao seu lado.

- Parece que meu pai ainda não chegou... - falei olhando para o ambiente vazio.
Peguei o controle e liguei a lareira que era automática e surpreendentemente fui atacado pelo beijo do outro que era retribuído da mesma forma.
Coloquei minha mão sobre a dele e sorri.
- Eu morri muito mais... - respondi voltando a beijá-lo.
Aquele momento a sós com Nate era algo no qual nunca pensei em ter, na verdade já, porém, era muito difícil já que na época ele morava longe de mim, agora tudo seria diferente.

O beijo ia se intensificando, passava minhas mãos pelo corpo dele o fazendo cair sobre o sofá e para acabar com a graça um clarão surgiu por trás da casa que era refletido nas paredes, parei de beijá-lo novamente e me coloquei na posição anterior, sentado.
- O senhor Mudder chegou. - ri olhando a cara de Nate de forma tensa.
- Ele não morde. - me levantei dando um impulso e fingi estar mexendo em algo na lareira.
Ao olhar para trás novamente acenei e disse:
- Hey, pai! Esse é o Nathaniel...Meu namorado.




#Post -07 #Tagged -Nathaniel and Mark #Sound -xxx
(c)

____________________

...try to be yourself...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Nathaniel W. Sibley em Qua 17 Jun 2015 - 18:52




It's you, it's you, it's all for you, Everything I do I tell you all the time Heaven is a place on earth with you Tell me all the things you want to do
All Rights Reserved for Flawless
Eu nunca havia namorado sério antes, nunca havia apresentado um namorado ou namorada para a minha família, muito menos tinha sido apresentado para a família de alguém. Na verdade, Adryan era meu primeiro relacionamento realmente sério, então tudo ainda era novidade. Tentava apenas relaxar e acalmar minha respiração descompassada repousando a cabeça nos ombros fortes de meu namorado, minha mão ocasionalmente apertava a sua, como uma criança boba eu puxava seu dedo, depois outro, distraidamente. Como sempre, Adryan tinha um fogo bastante quente, então não havia demorado nada para logo o meu beijo casto ser retribuído por um longo e apaixonado, e como estávamos a sós, não o impedi. Senti suas mãos na minha cintura, podia até mesmo sentir o cheiro de sua pele, próxima demais da minha. Pareceu-me errado demais, nos atracarmos sendo que estávamos ali apenas esperando meu sogro, que poderia do nada surgir por aquela porta. Empurrei-o de cima de mim, gargalhando rapidamente e ajeitando minhas vestes com calma, assentindo para Adryan que falava que o Senhor Mudder não mordia.

- Boa noite, Senhor Mudder, prazer em conhecê-lo. - Fiquei de pé, indo até o mesmo e aproveitando a chance de poder conversar um pouco sem a intromissão de Adryan, que provavelmente estava distraído com a lareira. Não que a presença dele fosse ruim, mas provavelmente meu namorado me beijaria, me abraçaria por trás e eu não sabia o que o Senhor Mudder poderia ou não gostar de ver. Forcei um sorriso nervoso, erguendo a trêmula mão para ele. Conhecer pessoas novas pra mim sempre foi uma tarefa ardilosa.


____________________

Sibley
Been trying hard not to get into trouble, but I, I’ve got a war in my mind, So, I just ride

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Michael C. Mudder em Sab 20 Jun 2015 - 0:43



Mr. Mark Louis Mudder

A reunião de alunos e professores havia acabado, olhei no meu relógio vendo que faltavam poucos minutos para que conhecesse o namorado do meu filho. Eu sei que é estranho para um pai pensar dessa forma, mas depois de tudo que passamos, esse não iria se tornar um problema a mais, se tinha como ter solução, que então fosse solucionado de uma vez. Adryan é meu orgulho, um professor formado e que agora trabalha na própria instituição que um dia utilizou para aprender.

Encerrava o expediente na secretaria e pegava algumas pastas para poder resolver seus conteúdos mais tranquilo no escritório de casa. Desci o lance final de escada e acionei o alarme, adentrei ao carro e parti, mais uma vez olhando para o relógio e sabendo que chegaria um pouco atrasado.
Na viajem fiquei lembrando de todos os momentos que tive com Adryan antes da morte de sua mãe, o trabalho realmente me consumia naquela época e agora pude controlar meu tempo e poder ficar mais junto de meu filho, parecia que ela esperava por isso...

Ainda penso que Adryan poderia não ter se envolvido com alguém tão mais novo que ele, sabia um pouco de tudo sobre a relação dele com meu filho pelo fato de além de pai e filho, somos amigos, pedi que tudo fosse feito as claras, tudo com relação as atitudes e ações da forma branda da relação, foi ai que me peguei sorrindo, algo que muito pouco fui com meu pai o Adryan é comigo ao extremo.

Chegando na esquina da rua de casa pude ver que o carro do moreno já estava na garagem, manobrei o automóvel por trás do de Adryan desligando os faróis, a lareira dava a iluminação alaranjada na sala o que se poderia ver através das cortinas, acionava o alarme e entrava pela parte dos fundos da sala,  Adryan olhou para mim me transpassando meio que um nervosismo, já o outro estava preso, parecia estar olhando para algum tipo de carrasco.
- O prazer é todo meu... - Cumprimentei o garoto sorrindo de forma amistosa.
- Seja bem vindo, sinta-se em casa... - apontei o ambiente para ele e assenti com a cabeça.
Caminhei até Adryan o abraçando logo em seguida e beijado seu rosto.
- Oi meu filho...
Me afastei do outro e me dirigi até o sofá me sentando na parte menor do "L" olhando para ambos pensando em o que começar a conversar.

- Então, como vai Nathaniel? Sua família? Estão bem? - era uma boa pergunta para se iniciar uma conversa.
Esperava ele me responder e olhei para Adryan.
- Filho, por favor, peça para Juditte colocar mais um prato na mesa, hoje temos um convidado especial para agradar... - Gostava de mostrar uma boa primeira impressão, não iria deixar meu filho constrangido na frente dele.
- Espero que goste de comida italiana, eu acho uma culinária maravilhosa.
Continuei um papo paralelo só para descontrair. Tomara que eu esteja me saindo bem...
Home x Adryan e Nathaniel x How are u?
© mr. houdini



____________________

From my hands of the winter...the queen for the darkness not accepted..you loved.

Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Ghail C. Mudder em Seg 22 Jun 2015 - 18:04




Home, sweet home.


i'm not just waiting
i’m walking to find you
Ver que Nate ria da situação me fez entender que tudo poderia ocorrer bem, não pelo fato dele estar sorrindo do susto, mas por perceber que não teríamos problemas de ambos os lados. A chegada do meu velho foi algo realmente repentina, acostumado a ver ele entrar pela porta da frente e justamente hoje entrar pela porta dos fundos da varanda.

Após as apresentações fiquei ainda de pé observando o coroa sentar no sofá enquanto olhava para nós, no mesmo instante encarei Nathaniel lhe dando um sorriso que fora interrompido pelas palavras do outro. Engoli a seco pensando que tudo começaria como um bombardeio de perguntas cabulosas como se fosse uma entrevista de emprego, conhecendo o homem que me criou era bem o típico dele fazer isso, ainda mais eu sendo filho único. Mas pela lógica isso teria que ser o contrário, já que eu era o mais velho que tinha um caso com um garoto ainda por cima menor de idade. Sempre levei aquele ditado de o amor não tem idade adiante.

- Filho, por favor, peça para Juditte colocar mais um prato na mesa, hoje temos um convidado especial para agradar...
Ouvi aquele pedido realmente não acreditando, meus olhos emanaram um brilho acompanhado do sorriso brando, me aproximei então de Nate e beijei o topo de sua cabeça assentindo logo assim que olhei para meu pai.
- Sim senhor, general. - brinquei como sempre fiz e lhe dei um suave tapa em um de seus ombros indo até a cozinha e fazendo o pedido para nossa empregada antes do fim de seu expediente.

Voltando para a sala me sentei ao lado de Nate pegando em sua mão entrelaçando nossos dedos, não me importava com a reação do mais velho, apesar de que ele sempre demonstrou liberdade para com minhas expressões, apertei sua mão e lhe mostrei que não precisava temer ao outro, era apenas meu pai e um homem comum cujo estava apenas querendo conhecer o meu namorado.
- O que vocês estavam falando? - perguntei olhando para Nate e depois para meu pai.
- Espero que não esteja o assustando, general. - encurtei os olhos depois abri um sorriso dando uma risada.





#Post -08 #Tagged -Nathaniel and Mark #Sound -xxx
(c)

____________________

...try to be yourself...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Nathaniel W. Sibley em Qua 24 Jun 2015 - 21:03




It's you, it's you, it's all for you, Everything I do I tell you all the time Heaven is a place on earth with you Tell me all the things you want to do
All Rights Reserved for Flawless
A situação era embaraçosa; Mark era complacente e possuía uma pose de um homem sensato e não era tão sério quanto eu pensava que ele seria. Seu convite para o jantar foi algo bom de se ouvir, pensei que iríamos apenas nos conhecer e só. Exibi um sorriso simpático e uni minhas mãos por detrás de minhas costas, fitando Adryan quase que num desesperado ato. Não sabia o que fazer ou o que falar. Por um momento, sentindo os olhos do moreno me encarando, pude sentir um alívio gigantesco, como se um peso fosse tirado das minhas costas. Ele era tão perfeito ali, recostado na parede, me olhando dando todo o suporte e apoio que eu precisava. Quase ignorei Mark, o que me fez pousar meu olhar agora no patriarca, e pigarreei baixo, levando a mão direita para frente dos lábios.

- Na verdade eu... - tentei articular algo, eu sabia o que era comida italiana? Nunca fui de me atentar às comidas que como - Na verdade eu nunca fui muito fã de comida, eu gosto de frutas e saladas e... café... - tentava não tropeçar nas palavras, mas eu deveria parecer um babaca agora, e quando olhei para Adryan... onde ele estava? Voltei a pousar meus olhos em Mark, e abri um sorriso. - Desde que não tenha peixe, por mim tudo bem. Tenho alergia a frutos do mar. - Expliquei. Quando Adryan voltou, suspirei baixo, sentindo subitamente sua mão encontrar a minha. Seu gesto foi tão incrível que senti meu corpo inteiro estremecer, e apenas sorri largamente, voltando a fitar Mark. - Então, vamos. - Falei, firme, como se a presença de Adryan fosse suficiente para me dar apoio.

Certa vez, Hércules disse; "dê-me um ponto de apoio e erguerei o mundo", agora, eu sabia disto: Adryan era meu ponto de apoio, se eu o tivesse ao meu lado, sempre presente por mim, eu teria a confiança de fazer simplesmente qualquer coisa.

____________________

Sibley
Been trying hard not to get into trouble, but I, I’ve got a war in my mind, So, I just ride

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Michael C. Mudder em Ter 21 Jul 2015 - 13:21



Mr. Mark Louis Mudder

Os olhos azuis do senhor Mudder estavam fixados no jovem sentado a sua frente. Os lábios de Nathaniel se moviam soltando a explicação dos tipos de comidas que apreciava e dos que não apreciava. Sutilmente a mão do mais velho passou pelo queixo logo depois voltando a ficar sobre o braço do sofá macio, enquanto isso seu filho ainda não havia voltado da cozinha, foi o momento para estender mais o assunto que estava acontecendo naquele momento.
- Não querendo ser muito observador, mas pude perceber que não és muito fã de comida. - olhou o garoto de cima a baixo mesmo sentado mostrando ter percebido a certa falta de peso do outro. - Sempre fui rígido com Adryan em questão de comida. Ele não pegou a minha fase antes de ter toda essa luxúria. Eduquei ele sempre respeitando os horários de café, almoço, lanche da tarde e o jantar, tanto que estamos neste exato momento na hora certa a refeição noturna.
O relógio marcava exatamente dezenove horas.

Após mais alguns instantes o filho único do homem se juntava aos dois se sentando bem ao lado do seu companheiro e segurando em suas mãos, um ato que com toda a certeza não passou despercebido.
Inclinou suavemente sua cabeça para trás esboçando um sorriso quase que imperceptível e se focou no moreno respondendo então sua pergunta:
- Estamos falando de comida, um assunto que eu jamais pensei em tocar nesta situação. - não estava sendo grosseiro, era apenas seu jeito. - Quanto ao apelido, já lhe pedi que não me chame assim, ainda mais na frente de visitas, Adryan. - lançou aquele olhar de repreensão e sacudiu a cabeça desaprovando a atitude do outro com relação ao nome dado.
- Bem, agora podemos sim... - se voltou para o menino loiro. - Peço-lhes que me acompanhe.
Se levantou do assento macio e logo a empregada se apresentava informando.
- O jantar está servido, senhor Mudder. - disse ela abaixando a cabeça em respeito ao anfitrião.
- Grato, Juditte. - respondeu de imediato lhe dando um sorriso amistoso.

Após uma hora sentados a mesa na sala de jantar o papo estava agradável, Mark contou sobre alguns momentos de sua vida antes de Adryan, depois da sua ascensão e a aposentadoria da carreira de jogador. Olhou a hora mais uma vez e se viu em cima da hora para poder se recolher.
- Bom, rapazes, terei de me retirar se me dão licença... Amanhã na escola terá reunião e eu terei que estar presente bem cedo. - olhou para seu filho. - Adryan, não esqueça que você também amanhã precisa acordar cedo e que também temos que acertar o assunto das viagens que andou premiando para seus alunos. Consegui as passagens com meu conhecido...
Colocou as mãos sobre a mesa e se levantou, acenou positivamente para Nathaniel e se retirou da mesa parando logo assim que lembrava de outra noticia.
- Ah! Me esqueci de lhe avisar... - focou-se no moreno. - Seu primo está vindo morar conosco, irá estudar na Winterfield e eu autorizei, deve chegar amanhã à noite. - novamente olhou para o menino. - Boa noite Nathaniel, foi um prazer conhecê-lo. - se focou em Adryan mais uma vez. - Boa noite, meu filho.
Se retirou do local indo para seus aposentos.

ENCERRADO
Home x Adryan e Nathaniel x How are u?
© mr. houdini



____________________

From my hands of the winter...the queen for the darkness not accepted..you loved.

Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Nathaniel W. Sibley em Qua 22 Jul 2015 - 0:51




It's you, it's you, it's all for you, Everything I do I tell you all the time Heaven is a place on earth with you Tell me all the things you want to do
All Rights Reserved for Flawless
Gradativamente, eu e Mark conseguíamos conversar calmamente sem a visão tão analítica - pelo menos por minha parte - e sem tanto nervosismo, principalmente depois de Adryan permanecer ao meu lado o tempo inteiro, o que fez com que eu conseguisse me acalmar. O jantar foi agradável, e Mark conversou sobre diversos tipos de tópicos de sua vida pessoa sem maiores problemas, o que fez com que o jantar simplesmente tivesse seu tempo transcorrido em poucos minutos, enquanto eu comia devagar, apreciando a atenção que era dirigida ao patriarca. Ele parecia feliz, um pouco cansado, talvez, mas ainda sim feliz com o filho que tinha e parecia não se importar com o fato do namorado dele estar escutando-o bem ali na mesa de sua casa. Quando ele avisou que iria se retirar olhei-o com uma pequena e indisfarçada cara de insatisfação, pois ele havia me pegado de surpresa e eu queria muito continuar conversando com ele, mas assenti, apertando sua mão e acenando um "tchau" tímido enquanto observava-o ir embora. Me virei para Adryan, um sorriso largo se formava em meus lábios e eu abraçava-o com ímpeto, meus braços perfeitamente enroscaram-se em seus ombros e pescoço, de forma terna e carinhosa, aspirando eu o cheiro de sua pele me senti melhor automaticamente.

- Eu te amo muito, sabia? - ainda era novidade me abrir dessa forma, lembro que da primeira vez eu havia ficado corado e tentei esconder meu rosto no peitoral de Adryan, mas agora era quase que um pecado não anunciar meus sentimentos por ele o tempo todo. Beijei-o nos lábios, tão perfeitos, e minhas mãos agarraram sua cintura deixando seu corpo e o meu quase que ocupando o mesmo espaço, unidos demais, mas ainda sim não completamente. - Melhor irmos pra o seu quarto antes da Juditte aparecer, não? - um sorrisinho surgiu em minha face, meio timidez e meio que um sorriso amarelo, de uma criança ao aprontar pela primeira vez. Puxei-o pela mão, enquanto ficávamos lado a lado.

Talvez fosse exatamente o que eu precisasse: uma folga da vida lá fora, um pouco de descontração e um momento pra conhecer alguém especial que valesse a pena conhecer de verdade, e o principal; conhecer Adryan e ver sua relação com seu pai. Me sentia satisfeito plenamente em conhecer meu sogro, significava que agora éramos oficialmente "abençoados" por ele e eu podia quase sempre aparecer na porta para buscar Adryan. A expectativa em ir até o quarto de Adryan era intensa, fazendo meu estômago ficar do tamanho de uma ervilha e minhas pernas bambearem. Era simplesmente impossível controlar meus sentimentos, e tudo o que eu queria era tê-lo junto à mim. Precisávamos de um momento perfeito para o fim do dia perfeito.



RP Encerrada

____________________

Sibley
Been trying hard not to get into trouble, but I, I’ve got a war in my mind, So, I just ride

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {MM - SE} Nathaniel W. Sibley & Adryan L. Mudder

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum