{FP} - CRAWFORD, Hellioth Petrova

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

{FP} - CRAWFORD, Hellioth Petrova

Mensagem por Hellioth Petrova Crawford em Qua 15 Jul 2015 - 22:31


Hellioth

─ Nome Completo:
Hellioth Petrova Crawford.

─ Idade:
22 anos.

─ Escola:
Adults.

─ Grupo:
Modelo/Dono de Empresa.

Personalidade:

Sádico e manipulador. Adora brincar com os fantoches humanos. Cria joguinhos psicológicos facilmente, passando uma pessoa pra trás sem hesitar. Ambicioso e cruel. Sempre quer mais e mais, assim, pisa em qualquer um que tente impedi-lo. Não confia em ninguém, afinal, quando fora abandonado pelo seu namorado, acabou adquirindo um pequeno trauma. Já que não acredita em ninguém, não jure sua lealdade ao mesmo. Hell é mentiroso e não hesita em passar as pessoas pra trás caso queira alguma coisa. Adora ser o centro de atenções, por isso sempre vai humilhar alguém para ser “adorado” ou “odiado”. Apesar de ser homossexual, é muito preconceituoso, por isso só teve um namorado. Adora a prática do bullying, sentindo-se completamente renovado nestes instantes de conflito.

É um sadomasoquista, sentindo prazer em ser machucado ou machucar durante as relações sexuais – apesar de serem raras. Odeia ver pessoas alegres, por isso sempre vai achar alguma maneira de acabar com a felicidade de alguém. É mentiroso e fofoqueiro. Vê a fofoca como uma amiga da manipulação, uma maneira de fazer seu joguinho psicológico andar. Costuma seduzir as pessoas com facilidade, afinal, é um perito no jogo da mentira e falsidade. Consegue se disfarçar perfeitamente quando deseja algo, podendo se tornar uma pessoa boa em segundos. Não é do tipo bondoso, acha que o dinheiro compra tudo e todos. É organizado e determinado, por isso nunca verá suas coisas no meio de bagunça. Adora provocar brigas, mas sempre é cuidadoso.

Apesar de ter esses defeitos, tem algumas características marcantes. É um rapaz muito inteligente e estudioso, sempre com sede de mais e mais conhecimento. Adora conversar com pessoas mais velhas, afinal, os adultos possuem assuntos mais interessantes. Não usa nenhum tipo de droga, seja lícita ou ilícita. É difícil de mudar a opinião do jovem loiro, afinal, é um rapaz persistente e possuí um vasto conhecimento de mundo. É vingativo e completamente rancoroso, algo que motiva sua criatividade. Tem manias estranhas, como morder a mão direita quando está irritado. É pontual e odeia pessoas que se atrasam. É elegante e cavalheiro, apesar de tudo. Quando se apaixona, tenta afastar o garoto com todas as suas forças. É difícil de conviver com o belo Hellioth, pelo que pode perceber. Adoro comida salgada, principalmente pizza, sempre animando o garoto. É um fã de Bob Esponja, mas esconde esse seu lado “meigo”. Adora desenhar, uma habilidade que teve desde que nasceu.


História:

Era uma noite fria em Amsterdã. Michael Crawford viajava por causa de seus negócios, diferente da Karitza Petrova, que estava ali para conhecer a região. Ambos se conheceram nessa noite gélida, e então, se aproximaram durante esse pequeno período de viagem. Trocaram mensagens e assim foi durante dois anos, até que um dia, o jovem Michael resolveu convidar a mulher para morar em Chicago. A búlgara não hesitou e acabou indo para os Estados Unidos. A paixão estava presente na alma desses dois seres humanos, novos e com um futuro promissar. Karitza cortou relações com a família logo depois de ser ameaçada pelo seu pai (- Ou você se muda, ou você fica conosco!). O jovem empresário se casou com a mulher depois de três anos, ou seja, o homem tinha 28 anos e ela tinha 25. Meses depois, Kari ficou grávida, surgindo o belo Hellioth. O nome já estava definido antes do mesmo nascer.

Hellioth chegou ao mundo durante uma noite quente. A mulher gritava de forma desesperada e gemidos de dor escapavam de seus lábios carnudos. O pai da criança estava assustado com toda situação, todavia, tudo deu certo. Quer dizer... Quase tudo. Karitza acabou morrendo durante o parto, afinal, sua pressão baixara de forma rápida e seu coração parou de bater.

Michael acabou ficando traumatizado e precisou de apoio psicológico. O recém-nascido era semelhante a sua mãe, por isso, acabou dando muito carinho ao bebê durante o primeiro ano. A empresa do novo pai estava falindo, afinal, passava mais tempo com sua prole, portanto, acabou entregando o garoto para as mãos de várias babás caríssimas. Desde pequeno, o jovem Hellioth apresentou uma personalidade difícil. Era uma criança persistente e mimada, achava-se o melhor por ter tudo e todos quando queria. Acabou sendo mandado para New York quando era apenas uma criança, afinal, seu pai queria que o mesmo estudasse em uma instituição caríssima, onde pudesse adquirir conhecimento que poucos teriam. Assim foi feito. Acabou se tornando um rapaz inteligente, estudando horas e horas. Por qual motivo? Agradar o seu pai. Quando suas notas aumentavam, ganhava uma quantidade absurda de dinheiro e então, gastava tudo de forma rápida. Era um aluno elogiado por todos os professores, já que era inteligente e bondoso. Ou melhor, a parte da bondade era apenas um disfarce. Foi na sua infância que aprendeu o talento de manipular. Ficava boa parte de seu tempo livre analisando as pessoas em sua escola: suas ações, reações, mentiras, verdades, desejos e entre outros. Tornava-se um leitor de mentes, um psicólogo das trevas, pode-se dizer.

Viveu num ambiente preconceituoso: amigos racistas e preconceituosos, assim como seu pai. É aí que surge a marca da intolerância em sua alma. Odiava – ainda odeia – pessoas com cores diferentes, culturas diferentes e sexualidade diferente. O garoto sádico e cruel surgia aos poucos, de forma lenta e imperceptível. Aos 12 anos, acabou tendo um professor chamado Gregory Samhain. Um modelo indiano, que, perseguido em suas terras, acabou indo para os Estados Unidos. Assim que bateu os olhos em Hell, sentiu necessidade de expor o ser inocente ao seu mundo “obscuro”. Começou a dar em cima do garoto de forma discreta, mas quando o mesmo completou 14 anos, começou assediá-lo de formas estranhas. Sempre pedia para que ele ficasse na sala e então, começava a tocá-lo. Nessa época, Samhain tinha 24 anos. O tempo foi passando e a criança foi se acostumando, até que um dia, o professor indiano resolveu levá-lo para sua casa. Foi neste instante que a ideia do sadomasoquismo foi implantada em sua mente. Brinquedos sexuais e tortura física. Claro que o parceiro precisa aceitar, mas este não foi o caso do pequeno Crawford. Ele foi obrigado.

Aos 15 anos, resolveu contar para seu pai (que vivia ausente), e então, Gregory Samhain acabou sendo preso depois de uma denúncia feita na delegacia de New York. Semanas depois, acabou conhecendo um garoto, por quem se apaixonou de forma intensa. Odiava ter sentimentos pelo menino mais velho, afinal, o preconceito aumentara quando fora abusado. Preferia ser uma criatura fria e sem sentimentos, mas não deu certo. Quando Adryan pediu Hellioth em namoro, não conseguiu recusar. Aceitou e acabou ficando ao lado de Yan durante meses e meses. Porém, o loiro não tinha uma personalidade fácil. Hell era cruel e completamente grosso, rude e metido. Adorava – ainda adora – pisar nos outros, inclusive em seu namorado. O relacionamento entre ambos foi se tornando algo tenso, até que um dia, seu namorado conheceu um garoto mais novo. Adryan e seu novo amiguinho viviam conversando, o que fez um sentimento de ciúmes surgir na alma de Hellioth. Ódio: esse sentimento que penetrou em sua alma. Antes que tivesse tempo de expor o que sentia, acabou sendo abandonado pelo seu namorado, o que acabou deixando-o mais irritado. Somente um sentimento permaneceria intacto em sua alma: raiva. Sim, esse sentimento.

Os anos foram passando. Acabou se formando na Newtt McKinley High School. Um ano depois, acabou sendo convidado para ser modelo em Londres. Não hesitou e acabou aceitando. Foi transformando-se num homem de sucesso, e então, sua fortuna acabou aumentando quando seu pai morreu. Hell tinha apenas 20 anos. Ficou completamente perdido, apesar de não ter convivido muito com este. Tornou-se o novo dono das Empresas Crawford, uma empresa que servia de fachada para mexer com o tráfico de drogas. Hellioth simplesmente colocou alguns gerentes e continuou recebendo a quantia que escolhia. A sua carreira como modelo estava lhe rendendo mais e mais dinheiro. Tornava-se o novo milionário da área, afinal, era dono de uma rede de tráficos e modelo. Sentia-se orgulhoso.

Ao completar 22 anos, acabou recebendo uma proposta para ir aos Estados Unidos e trabalhar em Miami. Assim foi feito. Aceitou o emprego e chegou na cidade onde aconteceria o seu trabalho, até que, um dia, veio um pensamento em sua mente. Seu ex vivia em Miami. Era sua chance de se vingar!

"I want the world in my hands".

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum