[SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Qua 29 Jul 2015 - 17:31


Supercalifragilisticexpialidocious

A seguite RP acontece entre Shane McCain e Shannon Kempner e está fechada para qualquer um que não tenha sido convidado. Passando-se em 30 de Julho de 2015, no distrito dos artistas, em South Beach. O conteúdo é livre. A postagem está em andamento.



Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Qua 29 Jul 2015 - 18:20


The girl who never cried again, and he never forgot what he'd learned
Capy feels.

Era um dia legal para se fechar um acordo. O céu estava sem nuvens e com um azul incrível, os passarinhos estavam voando acima de mim (e cagando em cabeças alheias, como acabara de acontecer com uma senhora a vinte metros de mim), algumas pessoas indo para a praia e Shane estava atrasado. Como. Sempre. Tudo bem que eu havia chegado dez minutos antes do combinado, mas aquele atraso de – olha no relógio – vinte e dois minutos era quase uma ofensa. Cocei a cabeça, um pouco irritada, descolando-me do capô do carro e caminhando sem pressa pela calçada. Olhando ao redor, pude notar mais detalhadamente todas aquelas paredes grafitadas. Claro que aquilo chamava atenção de qualquer um que passasse por ali, mas apenas parando para olhar melhor que você entendia o que havia nos desenhos. Era como se cada personagem ali feito contasse uma história. Sorri sozinha com o fato de existirem tantas pessoas voltadas para a Arte. Agitei a cabeça, saindo do meu devaneio do mundo colorido que meus olhos captavam e olhando para o relógio em meu pulso pela terceira vez no minuto. Bufei, desistindo de aguardar o garoto fora do pequeno – e confortável – estabelecimento a alguns passos para trás.

- Você está atrasado. – Foi a primeira coisa que disse ao ver o menino andando em minha direção. Eu portava um sorriso de lado nos lábios, beirando ao sarcasmo,  e a sobrancelha arqueada (tentativa falha de fingir aborrecimento). Shane era um garoto um tanto quanto... Interessante. Ele tinha aquele jeito “livin’ la vida loca”, mas, o conhecendo melhor, você via que ele era um cara legal. E, claro, me fazia rir com cada frase sem nexo que soltava. Deixei o copo de suco de abacaxi na mesa, cruzando os braços na frente dos seios. – Eu devia te matar por isso, sabia? – Semicerrei os olhos, abrindo o sorriso logo em seguida. – Anda, loiro alto e sensual, senta ai que temos muita coisa pra resolver hoje. ,

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Qui 30 Jul 2015 - 0:29


CAPYBARA EVIL MUTANT!!!
I didn't pay attention to the light in the dark


Acordei sentindo alguma coisa úmida tocar meu pé e tirei a camiseta da minha cara para poder me inclinar e ver mas que porra era aquela. Arregalei os olhos quando vi que era a maré da tarde que me incomodava e olhando ao redor pude ver que as barracas e outras pessoas já estavam mais acima na areia enquanto eu ainda estava largado do mesmo jeito de quando havia deitado.

O problema não era ter me acordado, o problema é que se já estava na hora da maré subir consequentemente eu estaria atrasado para minha reunião com Shannon. Olhei para o celular apenas para confirmar o que já era óbvio e suspirando sai quase que correndo para o calçadão, parando apenas para colocar meus patins antes de sair.

Entre estar com uma tonelada de areia na cara e no cabelo, quase ter sido atropelado por um bugue maligno e ter batido contra uma caçamba para não atropelar um cachorro a pior coisa era estar atrasado para uma das poucas coisas que queria que desse certo em Miami.

Parei na frente de onde havíamos deixado como ponto de encontro no distrito dos artistas, joguei os patins na mochila e coloquei um par de Converse em seu lugar. Me aproximei dela com um sorriso de "fiz coisa errada mas e daí?" e ri quando a ouvi dizer que deveria me matar. Chacoalhei o cabelo cheio de areia do lado dela e respirei fundo, como se estivesse me preparando para uma batalha. -Vamos nessa... O lugar que eu te falei é aqui do lado, tem alguns andares e fica ao lado de diversos bares e alguns hotéis. É caro e precisa de uma reforma mas acho que vale a pena. - comentei ao puxar o celular e buscar alguns outros detalhes.




You're relocating and I need you by my side
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Qui 30 Jul 2015 - 1:53


The girl who never cried again, and he never forgot what he'd learned
Capy feels.

Eu não havia reparado no estado de Shane num primeiro momento. O cabelo dourado, um pouco mais escuro que o meu, estava desgrenhado e cheio de pontos brancos que conclui ser areia após ele manear a cabeça, limpando a mesma. As roupas estavam amarrotadas e, pelo cheiro salgado que exalava dele, pude imaginar que esteve na praia antes do nosso encontro. Girei os olhos, me levantando da cadeira e arrumando o short branco que usava no dia. – Me deixe adivinhar. – Disse antes de qualquer coisa, colocando uma nota de vinte dólares em cima da mesa e saindo do estabelecimento agradável em companhia do menino. – Foi dar um mergulho e acabou pegando no sono na areia? – Indaguei com um sorriso divertido nos lábios, eu mesma já havia passado por aquela situação uma vez. – E obrigada pelo banho de areia, adorei.– Comentei irônica, limpando um pouco que havia voado em minha camiseta azul bebê (que contrastava lindamente com meus olhos).

- Eu comentei com meu pai sobre o fato de estar interessada em abrir um negócio. – Falei ao me colocar ao lado do garoto e começar a andar em direção ao tal prédio. – Segundo ele é um pouco arriscado, levando em consideração que tem muitas casas noturnas em Miami. – Franzi a testa, pesando nas palavras que o velho havia usado comigo quando mencionei meu desejo. – Mas ele disse, também, que seria uma boa para eu começar a ter responsabilidades de empresária e alavancaria algum desejo em mim de desistir de viver de Arte e fazer algo relacionado a negócios.– Fiz uma careta com a última parte, encaixando o Ray Ban no rosto. – Hoje pela manhã ele depositou cerca de quatrocentos e cinquenta mil dólares pra dar de entrada no estabelecimento. Então, querido Shan, não creio que dinheiro será um problema para nós. Temos um financiador extremamente confiável de minha parte. – Sorri animada, dando alguns pulinhos exaltados ao acabar de falar.

Minhas sobrancelhas subiram absurdamente ao pararmos na frente do local que Shane disse ser legal. Aquilo estava caindo aos pedaços! Girei a cabeça para o lado, encarando o louro que me fazia companhia. Retirei o óculos, permitindo o garoto de ver minha expressão um tanto quanto... Surpresa com o estado do estabelecimento. – Huh, certo. Podemos fazer isso. Nada que um rolo compressor e alguns pedreiros não resolvam.

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Sex 31 Jul 2015 - 18:40


CAPYBARA EVIL MUTANT!!!
I didn't pay attention to the light in the dark


Me espreguicei quando cheguei na calçada e ri quando ela falou sobre um banho de areia, eu nem estava tão sujo com aqueles grãos do demônio. Mostrei a língua para ela em sinal de troça antes de guiar o caminho até o prédio. O que ela falava tinha sentido, existiam muitas boates e casas de show em Miami e muitas faliam, mas elas não seriam a minha... ou melhor, nossa boate.

Enfiei as mãos nos bolsos frontais da calça jeans e acompanhei seu raciocínio acenando algumas vezes com a cabeça mas na parte em que ela citou o valor que seu pai estava disponibilizando eu dei uma série de gargalhadas. Antes de tirar a ideia do papel eu havia pesquisado muito e feito algumas ligações e ouvindo o que ela falara eu só podia considerar como uma piada. Depois de quase chorar de rir olhei para ela e notei que a mesma estava quieta, entãoo tentei me recompor antes de falar. -Você estava falando sério! - comentei ao pararmos na frente do prédio que estava literalmente caindo aos pedaços.

Sorri para ela e dei de ombros antes de dar um passo a frente e destrancar a porta e entrar no lugar. Apesar de estar em um péssimo sua localização fizera com que o preço do terreno fosse caríssimo.  A única coisa presente ali era uma mesa com alguns papéis e uma dupla de cadeiras. -Acho que seu pai não quer ver você bem sucedida porque com esse dinheiro dá para para fazer a demolição do prédio. - falei antes de praticamente me jogar sobre a cadeira.

-Eu posso parecer um burro, mas não tirei 2300 no SAT a toa. Fiz umas pesquisas e me baseando na XS e na Hakkasan de Vegas e na Marquee de Londres consegui uma espécie de orçamento. Para virar uma boate de respeito, que seja um ponto turístico e não um bar com luzes piscantes precisaremos de no minimo 80 milhões. - falei mais sério e apresentando os papéis com diversas contas e probabilidades para a loira e arqueando a sobrancelha marotamente quando cheguei no valor.

Respirando fundo e colocando a mão esquerda na têmpora parei para olhar a reação dela. -Eu falei com meu avô. Ele concordou em me disponibilizar todo o dinheiro necessário para a construção e decoração. Você teria que custear a publicidade e a mão de obra depois de pronto. - disse depois de algum tempo, tentando não entrar em detalhes sobre o acordo da venda da minha alma para o velho patriarca Schwyz. Separei um dos papéis que estava em um envelope e estiquei para ela com uma caneta, era um contrato de sociedade, eu estava disposto a dividir os ganhos em 50% para cada um mesmo com o conselho do maldito advogado para tentar abocanhar pelo menos 70 por cento. -Tome seu tempo. - falei acenando para o bloco de papel e pensando que precisava de um remédio bem forte para enxaqueca.





You're relocating and I need you by my side
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Ter 4 Ago 2015 - 21:03

C.E.M.
i'm a lost river that'll never reach the sea when you're not here with me when you're



Eu estava achando graça daquela situação toda. Mantinha um sorriso lateral, usando de toda minha força de vontade para não gargalhar na cara de Shane – assim como ele havia feito comigo antes de entrarmos no prédio extremamente antigo. Me reencostei na cadeira de madeira que havia me sentado, prestando atenção em todas as palavras que saiam da boca do louro a minha frente. A luz fraca do abajur na mesa iluminava as papeladas entre nós, me fazendo franzir o nariz levemente com a quantidade de número que tinha ali. Subi os olhos novamente para o garoto bem na hora que ele soltou o valor que se gastaria na obra. Coloquei a mão na frente da boca, prendendo o maxilar com o dedo anelar e o mindinho enquanto os outros escondiam meus lábios: estava segurando-me para não rir. – Oh, senhor nota altíssima no SAT e que sabe usar o Google, ouça-me atentamente, sim? – Disse a primeira parte em um tom divertido – quase irônico -, inclinando corpo para frente e apoiando o antebraço esquerdo na beirada da mesa. Estiquei o braço direito, capturando um papel específico com a ponta dos dedos. Passei olhos e soltei uma risadinha. – Seu avô é bem corajoso, huh? Oitenta milhões é coisa pra caramba. – Comentei ainda com os olhos grudados no papel de celulose a minha frente (estava mais que comprovado que alguém havia procurando um advogado). Ergui o olhar, vendo a expressão confusa me encarando. – Você sabe meu sobrenome, Shan? – Indaguei arqueando a sobrancelha esquerda, sorrindo com o canto dos lábios de uma forma fechada. Estava dando uma volta para falar o que realmente queria. – Mas claro que você sabe. Você deve ter lido em algum canto quando foi procurar saber disso tudo que me apresentou. – Suspirei, ajeitando a iluminação de forma a deixar o rosto do garoto mais visível. - Ushuaïa Beach Hotel, em Ibiza; Fabric, em Londres; Zouk, em Singapura; e Club Space, aqui em Miami mesmo.  Sabe o que todas elas têm em comum, além de terem fama de boa festa? – Dei um tempo, aguardando uma resposta que não veio. – A assinatura de um Kempner no final da planta. – Respondi eu mesma, voltando para a posição de ter as costas colada na cadeira. – Eu faço parte da família de engenheiros mais bem sucedidas do mundo, Shan, então acho que uma estrutura legal não seria o problema. O que mais fica caro na obra é o responsável por ela, ou seja, a mão de obra. Levando em consideração que eu já tenho a mão de obra, será preciso apenas o dinheiro para comprar o local e investir na propaganda. – Finalizei meu primeiro monólogo, cruzando os braços na frente do busto e aguardando o outro digerir tudo que eu havia falado.

Eu não fazia o tipo de garota que tirava vantagem da classe social que ocupava ou da importância do sobrenome do meu pai, tios e avós pelo mundo. Pelo contrário. Eu sempre me mantinha quieta e falava o mínimo possível sobre tal assunto. Mas, oras, Shane havia rido de mim, como seu eu não conhecesse nada sobre o que estava acontecendo ali. – Eu comentei com meu pai, dois dias atrás, sobre o prédio que viria a ser a boate, quando você me mandou a mensagem. Ele conhece o dono daqui e conseguiu uma abaixada no preço do terreno. – Peguei minha bolsa em cima da mesa, a abrindo e tirando um pedaço de papel de lá, entregando o valor rabiscado no papel para o garoto. – Ele cobraria quatro milhões por aqui, agora será dois e oitocentos. – Dei de ombros, escondendo o fato de que meu pai havia trocado algumas prestações de serviços em troca. – Fui um pouco abusada e pedi para ele dar algumas ideias e médias de preço. Ele teve como base essas boates que te falei antes e, tendo em mente que ele seria o responsável, ele chutou 50 milhões. Com todo o pessoal, serviço e material que ele costuma usar. – Ressaltei, tomando uma respiração e coçando a nuca enquanto pensava. – O dinheiro que te falei quando riu, é para, realmente, dar de entrada no terreno. Vamos fechar o negócio hoje, gatinho. – Sorri animada, pegando a caneta de plástico acima da mesa. Semicerrei os olhos, me lembrando de algo que fora falado. – E, espere um momento, isso de eu cuidar da publicidade e dos toques finais não se deve ao fato de ser uma menina, né? – Li o papel que me fora estendido mais uma vez e acenei com a cabeça, concordando com tudo que tinha escrito ali, exceto o fato de ele arcar com toda a parte “bruta” sozinho. Destampei a caneta, deixando minha assinatura num dos espaços reservados para aquilo. – Acho que agora somos sócios, Shan do meu Shan ao quadrado, só reveja isso de pegar todo o dinheiro do seu avô. Vamos dividir os gastos meio a meio, sim?  – Disse animada encarando novamente o menino com cenho franzido. Absorvi bem as expressões do menino, chegando a uma conclusão silenciosa. Enfiei a mão na bolsa novamente, retirando de lá um frasco contendo remédios para enxaqueca. – Tome um desse e posso te garantir que nenhum resquício de dor estará ai em dez minutos. – Sorri, piscando o olho para o louro e contendo a excitação por tudo estar dando certo até agora.

WHAT KATY DID
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Convidado em Ter 15 Set 2015 - 14:38


CAPYBARA EVIL MUTANT!!!
I didn't pay attention to the light in the dark


Me mantive com um sorriso calmo no rosto ao ouvir falar e podia sentir-me mais aliviado por notar que não estava falando com uma débil e sim alguém segura de si e que poderia ajudar em algo. Tentei controlar uma careta quando ela chamou meu avô de corajoso e apenas revirei os olhos. Eu me diverti com a parte sobre comprar o lugar e numa maneira de brincar balancei o contrato de compra e venda já assinado por mim e pelo antigo dono. -O terreno já está pago, já que não posso chegar a considerar esse escombro como um prédio. - comentei ao aceitar o frasco com remédios e jogar dois dentro da boca e engolir sem água mesmo. Já tinha comprado o terreno porque no momento em que vira o lugar já havia me identificado e achado perfeito apenas aguardando a palavra da Shannon para iniciar as construções.

Me ergui e empurrei as folhas assinadas para dentro de uma pasta e dei a volta na mesa para ficar atrás da loira e apertar seus ombros com animação. -Você cuida da publicidade e dos toques finais porque sou horrível nisso e acabaria ficando uma bosta. - comentei com um riso antes de puxar a loira para fora da cadeira onde estava e discando um numero em meu celular, estava na hora de comemorar e eu sabia exatamente como fazer aquilo.

Joguei as chaves do lugar para ela e troquei algumas palavras rápidas no telefone antes de me virar para a garota agora na calçada com um grande sorriso. -O que a palavra Ibiza te trás na cabeça? - perguntei ao abrir a porta do carro preto recém estacionado e assinalar para dentro como se convidasse para entrar. O avião para Ibiza já estava reservado no aeroporto de Miami, era só decolar.




You're relocating and I need you by my side
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [SB] - Shane McCain & Shannon Kempner - (Shan²)

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum