— Win or Die

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

— Win or Die

Mensagem por Scream em Seg 25 Jul 2016 - 0:52


WOD

Estamos em 357 DD. Quase 60 anos se passaram desde a Guerra dos Cinco Reis, que mudou bastante o continente de Westeros. Dragões tinham voltado, e tinham voltado para o Trono de Ferro. Com uma grande rainha, os Sete Reinos aceitaram-na, afinal, ela era uma Targaryen e a sua pretensão ao trono era melhor que as outras. A maioria daqueles que estavam vivos durante a guerra estão agora mortos. Há um novo rei, há novos lordes. Tudo mudou, mas no fundo nada mudou.

PARTE I.

Não se ouvia nem um sussurro na rua. O silêncio consumia tudo. Não haviam estrelas no céu, nem a própria Lua era visível. Uma sombra vagueava, sempre em frente, até que finalmente um lugar iluminado de onde se ouvia o alto som de gargalhadas surgiu perante a figura sombria. A porta abriu-se e voltou a fechar-se num piscar de olhos. Ninguém prestou atenção ao que acabava de entrar. Aproximara-se de um homem sentado, com os braços completamente abertos, que observava a taberna. O seu olhar virou-se para a figura encapuçada quando esta se sentou ao seu lado.

- Fico feliz que tenha decidido vir.

Disse o homem, mantendo a sua postura descontraída. Aquela sombra desconhecida incomodara alguns dos homens ali presentes, mas este parecia não ter sido afetado pela sua presença.

- Creio que não tenha escolha. Não posso deixar a traição da minha casa impune.

A figura respondeu-lhe, revelando uma voz feminina, mas isso não a tornava uma voz mais fraca.

- Muito bem. Fico feliz em fazer um negócio consigo. Mas saiba que isto lhe vai sair caro.

O homem ergueu uma sobrancelha, ainda duvidando da sua palavra. Não era o tipo de cliente habitual, mas também não era um contrato habitual. Ia custar à mulher encapuçada e era apenas uma mulher, como podia ela pagar tanto?

- Eu posso pagar. Mas primeiro quero que você faça o que me prometeu. Eu quero aquele Targaryen morto. Estou farta de que passem por cima de nós.

A sua voz aumentara, com a sede de vingança a falar por ela, mas imediatamente a mulher ajustou a sua postura e respirou fundo, voltando a fixar o homem. Remexeu nas suas vestes, acabando por tirar um pequeno saco fechado. Colocou-o em cima da mesa, e o homem apercebeu-se de que o saco era pesado. Quantas moedas teria ela lá dentro? Muitas para o tipo de gente que habitava a taberna, mas não seria nem metade para o que ela queria feito.

- Preciso de saber se o vai fazer.

Acabou por dizer, a sua voz começara agora a tremer. A sua ansiedade começava a tomar controlo sob ela. Podia ter todos os mantos do mundo a cobrir a sua identidade, mas nada iria esconder o que estava mesmo à frente dos olhos do homem. A mulher estava desesperada. O homem sorriu, inspirando fundo. Olhou para a taberna à sua volta. Vários homens se encontravam lá, homens do povo, que procuravam uma noite mais animada do que o dia. O dono da taberna conversava com vários dos homens, com familiaridade, mas ao mesmo tempo examinava com cuidado aqueles que não conhecia. Um grupo de jovens desatou às gargalhadas, sobrepondo todos os outros ruídos da taberna. A mulher olhava para ele, impaciente, mordendo o lábio. Era uma das únicas mulheres ali presentes, com exceção das duas moças jovens que ali trabalhavam e eram constantemente assediadas por homens mais velhos. O olhar do homem finalmente parou na mulher, por breves segundos, até que voltou quebrar o silêncio.

- Os Homens sem Rosto completam sempre os seus contratos, milady.

Dito isto, o homem levantou-se e abandonou a taberna, deixando a mulher desesperada a olhar para ele incerta. Não sabia se o ia fazer. Mas não tinha escolha se não em confiar no homem. Era a sua melhor hipótese. Mercenários seriam mais baratos do que um único homem, mas quem confiava em mercenários? Nunca iriam fazer o que ela pedia deles. Mas os Homens sem Rosto tinham uma certa... honra.







win or die

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum