Salão de festas

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Salão de festas

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Ter 11 Set 2012 - 19:18

Relembrando a primeira mensagem :



Salão de festas


Saudações, Convidado.
Bem-vindo a Mansão Overwhelming.



Você está no salão de festas. O lugar foi escolha da própria Dianna, o que não é de total agrado dos pais, que queriam algo mais reservado. Acha que é um dos melhores lugares que a mansão pode oferecer. Se está aqui, então divirta-se! Possui um barzinho ao lado direito, com uma longa fileira de todos os tipos de bebidas e barman's trabalhando. Bancos se estendem até o final do balcão, e do lado esquerdo, mesas com sofás em forma de L.


____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Salão de festas

Mensagem por Adm em Dom 19 Jan 2014 - 21:17


PARTY AGAIN
...



Rachel nos observava com uma cara engraçada, acho que deveria querer saber o que tinha acontecido.
Eu a ouvi falar mas não absorvi muito, minha atenção estava toda voltada para a garota loira e todo movimento que ela fazia.
-Concordo Quinn. Deveria cantar alguma coisa. Bebi um gole de cerveja e pisquei para ela.


EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Quinn Fabray em Dom 19 Jan 2014 - 22:27

Let's dance!

/ Party! / CHEERS!

Sam concordou com Rachel sorri bebendo o último gole do copo que estava em mim mão, eles estavam certos,eu deveria mostrar para todos ali que Quinn Fabray estava na festa!
Fui no bar pegando um copo no qual o barman havia dito que era vodka pura, virei a bebida de uma vez só fazendo uma careta, respirei fundo voltando para perto de Rachel e Sam,olhei os dois e então dei um selinho em Sam e falando para os dois

-Me desejem sorte.

Sem dar tempo para eles responderem,segui meu caminho invadindo a área do Dj, o fitando sorri levemente me aproximando,ele lobo abriu um sorriso. Acredito que ele tenha pensado que eu era uma prostitutazinha que estava dando em cima do Dj só pra se mostrar para as amigas, af!

-Oi.. Tem como colocar Cheers? Vou cantar...

Comentei erguendo as sobrancelhas por alguns segundos e logo ele respondeu que eu deveria falar primeiro com Dianna, revirei os olhos e logo o cara riu e selecionou o toque da música.
Ele fez um sinal para eu me aproximar e então colocou o microfone em mim, calada olhando o cara percebi o sorriso malicioso. Ridículo!
Me afastei e as luzes me iluminaram,semi cerrei os olhos e sorri levemente olhando para todos ali, o Dj deu play na música e logo a voz da Avril Lavigne ecoou pelo salão.

-Hey yeah yeah yeah yeah
Hey yeah yeah yeah yeah


Todos me olhavam, ergui uma sobrancelha dançando no ritmo da música,então algumas meninas das Cheerios subiram no palco e iniciaram uma dança delas, sem entender oque elas faziam ri e continuei a letra.

-Cheers
To the freakin 'weekend
I drink to that, yeah yeah
Oh let the Jamesons sink in
I drink to that, yeah yeah
Don't let the bastards get down and turn it around
With another round
There's a party at the bar
Everybody put your glasses up
And I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah
I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah


Eu cantava dançando no ritmo,sorria e piscava para alguns que cantavam e berravam, as garotas dançavam como se já estivesse ensaiado essa música a tempos! Não poderia negar,Santana estava treinando muito bem as novas meninas. Elas cantavam "Yeah yeah!" fazendo umas caretas. Sorrio e então caminhei em direção ao Sam,pisquei para ele passando bem próximo do loiro, puxei Rachel para subir no palco comigo. Ela ria então paramos no centro e a puxei pra dança.
Acenei para o Barman pedindo bebidas e continuei a letra.

-Life's too short to be sitting 'round miserable
And people gonna talk wheter you doing bad or good, yeah
Got a drink on my mind and my mind on my money, yeah



Eu cantava animada junto com Rachel, olhava para todos que dançavam e cantavam e ao barman chegar com as bebidas, todas as Cheerios,eu e Rach pegamos o copo e brindamos deixando o som rolar por um curto tempo enquanto bebíamos.
Ouvi todos ali cantando enquanto bebíamos. Estava sendo uma apresentação dinâmica e divertida.


-Cheers
To the freakin 'weekend
I drink to that, yeah yeah
Oh let the Jamesons sink in
I drink to that, yeah yeah
Don't let the bastards get down and turn it around
With another round
There's a party at the bar
Everybody put your glasses up
And I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah
I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah



Eu cantava e dançava agora sozinha,balançava minha cabeça mantendo o ritmo da música, balançava meu quadril e arriscava um passo doido que as Cheerios dançaram a segundos atrás. Pulei do palco andando no meio das pessoas ali presentes, apontava o microfone para eles os deixando cantar enquanto me divertia.
Mais um garçom passou e peguei uma outra bebida colorida,dei um gole. A música ainda não havia chegado nem no meio,apesar de estar em um clima intenso.  Me direcionava para o bar e a luz me seguia.

-'Bout to hop on the bar
Put it all on my card tonight, yeah
Might be mad In the morning
But you know We're going hard tonight
It's getting Coyote Ugly up in here, no Tyra
It's only up from here no downward spiral


Me debrucei no bar cantando olhando para o barman que se envolvia, sorri me virando bruscamente seguindo em direção ao Sam,abri um pequeno sorriso malicioso,eu dançava enquanto me aproximava do loiro, em um sinal o pedi para segurar o microfone, eu cantava o encarando enquanto tirava a jaqueta de couro,ficando apenas com uma blusa preta tomara que caia. Eu dançava agora olhando para todos a nossa volta.

-Got my Ray-Bans on
And I'm feeling
Hello cool tonight, yeah
Everybody's vibing
So don't nobody
Start a fight

Peguei o microfone que o Sam segurava e então comecei a dançar,o o loiro seguia meu ritmo e arriscava cantar junto, virei de costas para ele e então bem próxima dele apoiei minha mão livre no quadril movimentando meu quadril de forma sexy. Voltei meu olhar pra ele sorri e pisquei me afastando.

-Cheers
To the freakin 'weekend
I drink to that, yeah yeah
Oh let the Jamesons sink in
I drink to that, yeah yeah
Don't let the bastards get down and turn it around
With another round
There's a party at the bar
Everybody put your glasses up
And I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah
I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah
And I drink to that
Hey yeah yeah yeah yeah
I drink to that

Eu caminhava de forma confiante até Dianna, apontava o microfone para o alto deixando os outros cantarem. Ao chegar na morena sorri dançando junto com ela que estava bem animada. As Cheerios cantavam de forma tão empolgada que as deixei seguindo com a letra até eu voltar ao palco.
Ao subir novamente sorri dançando com elas. Então a música acabou deixando apenas o toque. Ri aplaudindo as garotas que subiram ali agradecendo por terem feito aquilo, Rachel que já havia descido do palco de forma discreta berrava e aplaudia. Entreguei o microfone ao Dj e então me juntei a Sam e Rachel, admito que eu estava tremendo,cantar daquela forma foi tão incrível!
Alguns me elogiavam e eu sorria agradecendo.

-Oque acharam?

Perguntei com um pequeno sorriso,fitei Sam por alguns segundos, ele parecia deslumbrado com tudo aquilo.

____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Adm em Dom 19 Jan 2014 - 23:14


CHEERS
...



Observei Quinn com um pouco de surpresa ao ve-la virar de uma vez o copo de Vodka e dei um sorriso bobo quando ela me deu um selinho. Olhei para Rachel com uma cara de WTF e olhei para Quinn ao lado do Dj.
As luzes a iluminaram e as cheerios subiram no palco. Eu fiquei ainda mais surpresos. Ela tinha planejado isso, por que foi muito organizado.
Ela passou por mim, piscou e saiu arrastando a Rachel, sorri e resolvi entrar no clima da musica. Peguei um copo com a bebida de sempre, dei alguns goles até que ela se aproximou de novo e de alguma maneira acabei segurando seu microfone. Quando ela pegou o microfone de volta e começou a dançar daquela maneira, primeiro deixei meus olhos correrem por seu corpo e depois tentei acompanhar sua dança.
Fiquei dançando no ritmo da musica e bebendo. Quando a musica acabou eu me juntei a galera e comecei a gritar para Quinn. Só não aplaudi porque estava com as mãos ocupadas.

-Foi maravilhoso Quinn. Como tudo o que faz. Falei pra ela.




EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Dom 19 Jan 2014 - 23:31





 
 
 









I'M BACK, LET'S GET STARTED IT!


Ele me beijava e o gosto de seus lábios era perfeito. Parecia a coisa mais certa do mundo. Eu só queria aproveita o momento da melhor maneira possível, ma era inevitável a sensação de que aquilo duraria para sempre.
Ele me dizia palavras que faziam meu coração gelar e minhas pernas fraquejarem. Até que veio a surpresa. Algo que eu muito desejava, mas não imaginava que fosse acontecer assim tão rápido. Ele realmente gostava de mim... O maior sorriso que eu já havia dado há muito tempo se formou em meu rosto. Ele havia me pedido em namoro.
- Sim! - Gritei, cheia de entusiasmo. Impulsivamente, pulei novamente em seus braços, abraçando-o da maneira mais forte possível. Não percebi quando meus lábios tocaram nos dele novamente, e eu aproveitava o beijo de forma diferente, agora. Ele era meu namorado. Só meu.
I Love That!

Post #00 // Polyvore // Tag h1 // Tag h2 // BY LOONY!

____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Timothy D. Keynes em Seg 20 Jan 2014 - 0:03






Big Party! :grace: 



A garota que se apresentou como Ann não parecia estar a fim de papo, se despediu com um beijo e logo tratou de ir pra outro canto do salão, dei de ombros e continuei a mover-me por entre os loucos da pista de dança, era comum sentir apalpões enquanto tentava parecer a vontade em meio aquela música eletrônica, suor e pessoas, não que eu seja um sociopata, pelo contrário, mas aquela não era minha praia. Segui por entre as pessoas que se esmagavam até alcançar uma das mesas com sofás em forma de L que apesar de cheia de copos, estava vazia, de lá tinha-se uma ampla visão de todo o salão.
Eu estava me distraindo olhando pro meu copo que trazia pela metade suco de melancia já quente, quando notei que um silêncio tomou conta do salão, quando olhei em volta pra procurar um motivo de terem parado a música vi uma bela loira tomando todos os olhares do salão, aquela era Quinn Fabray, todos conheciam sua história. Ela simplesmente arrasou rodeada de Cheerios quase tão lindas quanto ela, assisti a apresentação com atenção, vibrando a cada nota emitida pela garota, ao fim me juntei aos outros convidados aplaudindo-a e então a festa tomou seu rumo corriqueiro, não que isso fosse corriqueiro de fato. Beberiquei meu suco, e de imediato o cuspi de volta, aquilo estava mesmo quente. Abandonei o copo na mesa junto aos outros milhares que haviam lá e decidi que talvez, naquela noite, eu pudesse me dar ao luxo de abusar um pouco, caminhei lentamente até o Bar - O que você me sugere? - perguntei ao barman que abriu um encantador sorriso de canto e se virou de costas misturando o líquido de algumas garrafas e depois trazendo pra mim um grande copo cheio de um líquido que mudava de cor começando amarelo na base e terminando vermelho no topo, antes que eu pudesse agradecer o cara se afastou indo atender a outros convidados. Mantive o olhar vidrado no copo e então beberiquei o líquido: era doce, amargo, cítrico. Diferente de qualquer coisa, era bom, simplesmente.

note: Dih's house | wearing:  | with: Alone

thank's for @lovatic, cupcake graphics


____________________

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Quinn Fabray em Seg 20 Jan 2014 - 0:12

Let's dance!

/ Party! / CHEERS!

Olhando Sam sorri levemente envergonhada e agradeço, ele havia mudado,mas ainda existia o Sam que eu conheci anos atrás. Isso era bom. Eu estava entre ele e Rach,então envolvi meu braços em torno da cintura dele e fiquei olhando Rachel.

-E você? Agora eu pareço estar estudando em NYADA ou ainda pareço uma amadora?

Pergunto e rio para a menina,era fácil descobrir oque ela estava pensando,e também era óbvio que ela estava certa. Talvez aquela era a chance de eu e Sam nos acertarmos,mas aquele não era o momento.

____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Drillbit K. Chevalier em Seg 20 Jan 2014 - 13:00




this party is for bitches
And i'm a bitch, beautiful bitch, free bitch, and you know you want me, 'cause i'm your dream, not nightmare, boy. It's like a party, but you don't return to your house.------------------ ♥

A menina rapidamente puxou um estilete do bolso da calça e eu te imediato me afastei. Ela estava mesmo irritada. Mordi meu lábio inferior, prestes a correr, mas então ela me reconheceu. Mesmo assim fiquei apreensivo, mas ela guardou a lâmina no bolso e sorriu. "É, sou eu. O Drill. Você sempre leva esse estilete pra onde vai?" retruquei, voltando a sorrir - um sorriso sarcástico e convidativo. Ela dirigiu-se a mim como "robozinho", de certa forma eu odiava que me chamassem assim, os outros do Vocal Adrenaline, nem tanto. A maioria é mesmo, ocorreu-me. "Acho que deveria ser eu quem deveria perguntar isso. Você está muito... acho que estou curtindo, sim", cortei-me pensando no estilete. Melhor mantê-lo no bolso, mesmo. "E você? Por que você não começa a cantar ou algo assim? Suas apresentações são ótimas no coral.", falei, sugerindo algo para ela fazer antes que ficasse bêbada.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por SanClair S. Scherbítsky em Seg 20 Jan 2014 - 18:49

Party!

A festa de Dianna estava bombando, literalmente e estava cheia, lotada de pessoas, tinha um grande número de garotos naquela festa, alguns rostos conhecidos e outros não, mas a maioria deles eram gostosos, para minha sorte, a metade ou a maioria do mar de garotos tesudos parecia ser desconhecida para mim, metade deles pertenciam ao Vocal Adrenaline, "Hum, acho que terei que visitar Carmel High School com mais frequência" pensei, todos da festa já estavam bêbados, sim, eu também estava, comecei a perceber isso quando comecei a chorar sem motivos, eu andava pela pista de dança, caminhava na batida do ritmo, mas as lagrimas desciam mais e mais, não estava triste ou decepcionada, mas sim bêbada, claro que estaria depois de 7 copos de vodcas puras deveria estar mesmo, ainda estava chorando, mas agora o choro havia se tornado desesperado, não sabia o porque do choro, só sabia que meus olhos pareciam as cataratas do niagara, acho Dianna e a abraço apertado começando a falar em língua francesa acompanhada com lágrimas exageradas - Jour, la partie est merveilleux, ami rasé! et les garçons sont si ... délicieux, gentil, très délicieux même, en particulier les garçons de Vocal Adrenaline, mais les membres de "l'île des jouets perdus" aka New Directions ne reste pas derrière, surtout Samjolina Jolie, qui depuis plus de a l'immense bouche parvient toujours à être un chat.- Após dizer isso tomo o último gole de vodca e logo faço uma careta, olho Dianna da cabeça aos pés e volto a dizer pra ela - Vous êtes belle! vous êtes si parfait, je voulais être comme vous, vous êtes capitaine des Cheerios, chef de file de la Jolie Unholy Trinity, le plus populaire Mckinley cheerio et le propriétaire de cette maison parfaite, ne pensez pas que je suis digne de ce trop? je pense! Je suis beau, intelligent et ludique de certaines personnes me trouvent insupportable, mais je ne suis pas, je suis juste honnête, je suis effectivement vrai et hilarant en même temps, je ne pense pas trop suis digne de tout ce que vous possédez? je pense! je pense! - Disse derramando rios de lágrimas, ainda abraçada em Dianna.    


Thanks Nanda from TPO

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Seg 20 Jan 2014 - 19:24

i am still bleeding...


shadows settle on the place that you left. our minds are troubled by the emptiness destroy the middle it's a waste of time from the perfect start to the finish line

Depois de comer o cupcake e um último gole da minha batida, fui buscar mais. Me encontrava com um copo de tequila na mão, bebericando um pouco. Era nostálgico o gosto do álcool, o queimor pela garganta sempre que tomava um gole. Me recostei no balcão do bar, observando o pessoal. De repente, ouço alguém muito próximo, e parecia... Chorar? Será que algo sério tinha acontecido? Fiquei um pouco desatenta por uns segundos, até que sinto um abraço apertado me sufocar, seguido de palavras sendo disparadas em outra língua que eu não sabia distinguir se era russo, hebraico ou qualquer idioma que fosse. Estava bêbada de mais para isso. SanClair tinha origens o quê, mesmo? Indígenas? Ah, tanto faz!

- Amiga, você está se sentindo bem? - Falei, tentando prender o riso, o que era uma tarefa difícil.

Observei o corpo de SanClair, procurando por machucados ou coisas que insinuassem agressão, mais pensando melhor, aquilo deveria ser efeito do álcool. Riu no escuro, segurando a garota menor pelos ombros, sabendo que ela não estava em condições legais.

- Acho melhor você dormir aqui, San! - Ri do estado dela. Mais ainda sim, era minha amiga, e eu não a deixaria ir embora naquela situação.

esse é meu post de número {012}. o tempo está {normal}, e estou usando {roupas -q}, estou falando com {muita gente}. estou postando {na minha mansão}.


copyright 2013 -all rights reserved for [url=http://cupcakegraphics.forumeiros.com/u1] ✖ lari

____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Liam Patrick St James em Seg 20 Jan 2014 - 21:34







Party


Fiquei gélido por alguns segundos até que ouvi o grito de Milena, o grito dela foi de um sim, a mesma pulou em meus braços a abracei bem apertado quando a mesma me beijou intensamente, eu acariciei o rosto dela e aproveitava aquele beijo cada vez mais.

- Te amo! Te amo! Eu quero ficar com você o tempo todo...é tão bom estar com você!

Olhava nos olhos dela e sorria, a enchia de selinhos e acariciava o rosto dela, era tão bom estar com ela, a abracei mais forte, era tão bom estar ali com ela, não sabia descrever aquele momento com ela, eu só queria ela pra mim, para sempre...mas sabia que uma hora ou outra iriamos ficar sem nos ver, a não ser que eu me mudasse para a casa e para o colégio dela...mas isso seria muita melação. Então deveria deixar ela ter seu espaço algumas vezes. Dei um selinho na garota e a soltei do abraço.

- Já volto...

Fui até a mesa de doces pegando alguns brigadeiros, eu era viciado neles, então observei o lugar e vi Ann e Elle, não bancaria de irmão chato, não agora elas estavam se divertindo, deveria deixar elas terem seu espaço também.

tags
Com: Milena e outros participantes da festa || Onde: Salão de Festas da Dianna =w=

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Brittany S. Pierce em Seg 20 Jan 2014 - 22:14

Stripper Drunk




Finalmente eu estava de volta a Lima, não que a minha visita a Califórnia tenha sido ruim, mas foi bastante dolorosa, eu não acreditava que o pai do Lord tinha morrido, eu me lembro de quando eu era pequena de cuidar dele e achar embalagens de meus chocolates na casinha do mesmo, ele me roubava, tal pai, tal filho.

Fiquei bastante triste, chorei toda a viagem de ida e volta com o Lord no colo, ele estava igualmente arrasado, mas foi bom visitar alguns parentes meus que eu não via há um bastante tempo. No enterro eu fiz um enorme discurso, o Lord só miou uma vez, não estava no clima para conversa.

Soube da nevasca que ocorreu enquanto ainda estava em viagem, o que só fez piorar a minha situação, acho que nunca fiquei tão preocupada na minha vida, não consegui ficar em paz pensando em todos na cidade, meus amigos e principalmente Santana, mas graças aos unicórnios tudo deu certo no final.

Deixei esses pensamentos de lado enquanto eu chegava a casa onde ocorria a festa, pelo barulho do lado de fora daquela que posso chamar, mansão, sabia que estava bastante animada, e eu com certeza fiquei impressionada com aquela casa, teria que ter cuidado para não me perder.  

Mas foi mais fácil do que eu pensava, seguir aquele barulho todo não foi uma tarefa díficil, mal tive tempo de me impressionar ainda mais com o interior da casa, fui direto para as bebidas pegando a primeira a minha frente sem nem me importar com o que eu estava consumindo, isso era o de menos, eu queria me divertir, e nada melhor do que dançar.

Fui para o meio da sala já no ritmo da música, não prestava muita atenção aos meus redores, eu via de relance e reconhecia um rosto aqui e ali, mas não prendi a minha atenção em ninguém, não demorou muito para que eu tivesse pegado mais vários outros copos. Eu estava realmente animada naquela noite, depois de tanta tensão nos últimos dias eu estava me libertando da melhor forma que eu conseguia fazer.  

Ninguém conseguiria me tirar dali, meu corpo não parava, dançar era uma das melhores coisas do mundo pra mim. Não demorou muito para eu sentir os efeitos da bebida, eu devia ter me controlado um pouco, já não tinha muita consciência do que eu fazia, e isso sempre acaba na mesma coisa...

Num segundo eu estou somente dançando e no outro eu estava em cima de uma mesa retirando a minha blusa, rodando-a e a jogando em um canto qualquer com o copo ainda na mão, a bebida caia um pouco pelos lados devido aos meus movimentos, mas quem disse que eu me importava?



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Convidado em Seg 20 Jan 2014 - 22:39


and we can't stop!

Digamos que minhas condições não eram as melhores. Uma pré festa havia acontecido, onde Dianna convidou a todos para ir ao restaurante da cidade, ou era um zoológico? Bom, eu nem lembro de muita coisa. Sei que Will tinha me pedido para tomar conta dos garotos, para que nenhum passasse dos limites. Mas, depois da nevasca, até eu queria esquecer meu próprio nome. E qual era mesmo? Samantha? Savannah? Tô pouco me importando! Meu celular tinha vibrado, eu deveria me lembrar de alguma coisa importante, mais o álcool me impedia de se quer me movimentar direito, quanto mais lembrar de coisas importantes? Tirei o aparelho do bolso, visualizando o nome no perfil. "Ah! Eu me chamo Santana. Que nome idiota." Ergui o braço, parando um táxi. Adentrei no automóvel do lado do taxista mesmo, sem me dar o trabalho de ouvir ele me pedindo para... Ir para trás? Não sei, não estava entendendo. Depois de minutos de falatório dele, o homem resolveu ir. Dei o endereço, mostrando a ele o celular. Não conseguia enxergar aquelas malditas letras miúdas.

Paramos em frente a uma entrada de um palácio. Não, não! Um castelo. Não! Uma pirâmide. Eu quero chorar. Eu não tenho uma casa dessas, quem essa menina pensa que é para morar em um lugar desse? Tirei os saltos assim que passei pela entrada, não estava aguentando meus pés. Fiquei tão aliviada ao sentir o chão frio diretamente, que acabei gemendo. Ainda bem que a música alta havia abafado. Segui o som, não sabia bem para onde ir, na verdade. Assim que ultrapassei as portas do salão, arqueei a sobrancelha. O lugar parecia ser ainda maior que a casa, e o pior, estava lotado. Dei de ombros, quase correndo para o bar, pedindo uma dose tripla de tequila. Em uma única golada, tomei tudo. Senti as coisas rodarem, já tinha bebido muito. Eu acho. Vi uma menina loira passar, meus olhos desviando para seus quadris, que rebolavam propositalmente. Minha visão estava um pouco embaçada, o que não me permitia distinguir bem seu rosto. A garota tinha os olhos azuis, o que me lembrou alguém. Quem mesmo? Ah! Brittany!

"Britt!" Segurei o braço da menina, que riu. O sorriso da Britt estava estranho.

Ela me levava para o meio da multidão enlouquecida, e eu não me importava. Comecei a dançar, e notei que paramos perto de uma mesa, onde uma bêbada fazia strip. Ri dela, voltando a olhar Britt em minha frente. Eu não me lembrava de quando ela tinha se tornado tão... Feia. Mais não me importo agora. Não era eu a que estava tirando as roupas no meio do povo. Já dançava loucamente, como se o amanhã não importasse, e agora, realmente não tinha a menor das importâncias.


notes: drunk on love tags: - com: Brittany feia


© cg

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Ann V. St. James em Seg 20 Jan 2014 - 22:55





P-Party

OK, eu estava realmente muito bebada, só me lembro de ter aproximado do meu irmão pegando doces e disse:-Agora eu vou fazer uma coisa que voce realmente não vai gostar,talvez eu me arrependa, talvez não, mas vale é arriscar.
Então antes que ele pudesse fazer alguma coisa, eu ja estava sobre o palco, bom, se ja haviam feito isso ou não,eu realmente nao sabia, eu nao estava prestando atenção em nada.Na verdade, havia um poste da conhecida pole dance,em cima estava escrito:"Só para os fortes"
Eu pensei: Quem disse que eu nao sou forte?
Então eu avisei o dj que eu ia Arriscar, então ele tocou uma musica, e no final da mesma o homem anunciou: Temos uma corajosa.
Muitos aplaudiram...
Bom, enquanto eu estava nos backstages, encontrei uma mascara, um sobretudo preto e mantive minha bota-calça e minha blusa... eu removi meu sutiã e coloquei uma fita preta tapando só o necessaio de meus seios... ta bem, deixei minha saia por lá. Coloquei o sobretudo e as mascaras, os cursos de circo valeriam um dia.
Adentrei o local, muitos olhavam para mim, Liam, olhava com raiva para meus olhos,com raiva passando as mensagens: "Voce nunca mais vai em festas comigo e eu ainda não acredito que voce é minha irmã"  
Então, começei a fazer umas manobras a maioria sensuais, e então no fim, abri o sobretudo, muitos com olhares esperançosos de mim, e eu então sorri maliciosa, minha mente estava em outro mundo, eu estava possuida, não era eu ali.
Puxei minha camizeta, que era de fato meu "vestido" até o meu pescoço, então desci a mesma largando-a.
Então, voltando ao pole dance, sem arrumar minha blusa, caso ela subisse demais, virei de ponta cabeça,escorreguei fingindo cair, rebolei até o chão, tudo isso ao som de musicas variadas, no fim, fui aplaudida, e saí peguei minha saia, coloquei-a de volta removi a mascara, e arrumei meu cabelo, bagunçando-o.
Dei a volta e voltei para o bar para pegar mais copos.

thanks for @lovatic, cupcake graphics



____________________


You know that I'm a crazy bitch I do what I want when I feel like it All I wanna do is lose control But you don't really give a shit You go with it, go with it, go with it
'Cause you're fucking crazy Rock 'n' Roll

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Brittany S. Pierce em Seg 20 Jan 2014 - 23:13

Stripper Drunk




Eu não ligava de estar dançando de forma sexy, provocativa, eu não estava dançando para as pessoas ao meu redor, eu estava dançando para mim mesma, pouco me importava se estavam olhando, naquele momento era só a música e eu, meus olhos permaneciam fechados mas eu não tinha medo de cair da mesa.

Dando um ultimo e grande gole no copo em minha mão, o jogo em um canto qualquer na sala, e assim eu esvaziava mais um. Eu ao abrir os olhos por um breve momento noto que o sutiã que eu estava vestindo era familiar, rosa com bolinhas pretas. Eu já o havia vestido em alguma ocasião, mas minha mente de bêbada recusava-se a funcionar, mas eu tinha a leve sensação de que eu muitas pessoas já haviam o visto além de mim.

Eu estava pronta para tirar meu short quando uma música da Spears começa a tocar, se eu estava animada antes, não conseguiria nem descrever como eu estava me sentindo agora.


- Essa vai pra você Duke Tubbinton! - Toda a família Tubbington amava a Britney como eu, e nenhuma forma seria melhor de o homenagear do que cantar e dançar a música favorita dele, Piece Of Me. Eu comecei a cantar o mais alto que eu conseguia. Minha visão pela primeira vez parou em alguém, não sei porque me parecia familiar, cerrei meus olhos tentando me concentrar, quem era mesmo aquela morena? Quase tropeçando para fora da mesa me recomponho, mas esse minimo segundo foi o suficiente para me distrair completamente antes que minha atenção se voltasse novamente para a música que estava tocando.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Convidado em Seg 20 Jan 2014 - 23:40


and we can't stop!

Olhei ao redor, e vi mais uma loira em cima de uma mesa, tirando as roupas. "Acho que vim ao lugar certo!" meu copo estava vazio. Resmunguei alto, falando sozinha. Ou eu estava falando com alguém? Mais que merda! Olhei para a menina loira dançando em minha frente. Brittany tinha ficado mais baixa, e mais feia. Aquele hipopótamo que ela cria deve ter feito alguma coisa. Ah, mais eu ainda acabo com aquele bicho! Era um hipopótamo mesmo? Quem cria um hipopótamo? "Minha bebida!". Sorri ao ver um homem engravatadinho andar com uma bandeja na mão, com copos de bebidas. Vi uma roxa, e quis experimentar. Tomei de uma golada só, e cambaleei, sentindo minha garganta pegar fogo. Fechei os olhos por um momento, e minha visão se fechou, mudando violentamente. Eu estava em um ambiente escuro, com um sofá grande. Estava deitada nele, com um flash de luz sobre mim. "This girl is on fire! Shes walking on fire!" Abri os olhos rápido. Mais o que foi isso? Eu estava ficando doida! Fui atrás de mais bebida, e acabei pegando dois copos. Voltei quase saltitando para perto de Britt, quando uma das loucas que estavam dançando uma música da Neide, quase tropeça e me derruba. Furiosa, olhei para ela. Estava quase vesga, mais ainda sim, me assustei com o que vi.

Fiquei alguns minutos encarando a loira, os olhos azuis eram bem mais familiares que os que eu tinha visto antes, e aquela garota também era bem mais bonita. Tomei um gole longo de cada bebida, fazendo uma careta. "Merda, é forte de mais!" Brittany feia se aproximou e pegou um dos copos da minha mão. Arqueei a sobrancelha, olhando da que estava em cima da mesa e a que estava do meu lado.

"Duas Brittany's? Oh, Dios santo, estoy perdida!" Me exaltei, quase gritando bem no momento que a música tinha acabado.

Uma outra começou, e eu já não sabia distinguir qual era. Queria saber quem era a Brittany de verdade, e no estado em que eu estava, essa seria uma tarefa difícil.


notes: drunk on love tags: - com: Brittany feia e Brittany bonita


© cg

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Brittany S. Pierce em Ter 21 Jan 2014 - 0:02

Stripper Drunk




Aquela mesa estava ficando surpreendentemente menor, ou eu quem estava ficando mais desastrada. Certamente não devia ter pego mais uma bebida de um dos garçons que passavam por perto. Meu equilíbrio estava com toda a certeza afetado, de segundo em segundo eu tinha que me segurar para não cair.

Eu tentava desabotoar meus shorts, mas não estava sendo nada fácil. Quanto mais eu tentava mais impossível se tornava, ou era eu quem não estava fazendo o queria direito? Nesse meu devaneio eu acabei tropeçando mais uma vez e quase fui parar no chão. Ri da minha própria idiotice e me mantive na mesa. Tinha duendes ali em algum lugar, não era possível, eles eram mestres em fazer pessoas caírem. Tinha alguns embaixo de mesa, eu tinha certeza. Mas antes de ir procura-los tento retirar meu sutiã depois de uma tentativa frustada com os short, meu senso tinha caído no buraco do coelho de Alice No País Das Maravilhas.

Não acabou saindo como eu esperava. Não consegui e ainda mais caí de costas no chão soltando um longo gemido de dor, notei que caí na frente da morena que eu tinha visto a pouco tempo. Fiquei sem entender nada por um segundo, a única coisa que fiz foi rir mais ainda e levantar um braço ao alto, ainda deitada, uma ótima ideia tinha passado pelo minha cabeça naquele momento.


- Body Shots!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Convidado em Ter 21 Jan 2014 - 0:23


and we can't stop!

Uma vez que eu me encontrava confusa, espreitei bem os olhos, tentando enxergar melhor, e ver pelo menos o rosto de uma das duas. Porém, eu conseguia ver as duas ao mesmo tempo, e em ordem contraditória. Uma estava de roupas, a outra portava apenas um sutiã rosa com bolinhas pretas. "Eu me lembro disso de algum lugar!" Tentei forçar a mente, mais tudo estava apenas na base do tentar. A Brittany feia tentou me puxar para longe dali, mais a outra caiu no chão, e gritou algo. "Hot dog? Bode mole? Shot! Body... Shot!" Gritei, jogando os braços pra cima.

"Sai daqui!" Dei um tapinha na mão da menina, que estava me puxando. "Britt, você tá muito chata hoje!" Peguei uma garrafa de tequila que um cara trazia.

Ele me olhou confuso, mais estava tão pior do que eu, que sorriu e foi embora. Ri escandalosamente, e nem sabia o por que. Me ajoelhei, e aproveitei que a loira estava caída no chão. "Começa por você, baby!" inclinei a garrafa, empurrando algumas pessoas que queriam começar no meu lugar. Comecei a xingá-las em outra língua que nem eu sabia qual era. Ao menos estava fazendo efeito, todos se afastavam. Despejei uma quantidade considerável na barriga da loira, e passei a língua em seguida, sentindo o gosto ardente já bastante familiar. Assim como o gosto que a pele tinha. Eu conhecia aquela garota, mais não sabia de onde.

"Wooooooooooooooool!" Gritei, quase caindo para trás por ter jogado as mãos pra cima rápido de mais.


notes: drunk on love tags: - com: Brittany feia e Brittany bonita


© cg

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Brittany S. Pierce em Ter 21 Jan 2014 - 1:03

Stripper Drunk




Percebi que assim que eu falei várias pessoas ao meu redor ficaram animadas, ri mais ainda, mesmo um tanto dolorida da queda eu me sentia super feliz. Nem tentei me levantar, sabia que não conseguiria, ainda me sentia um tanto desorientada, eu precisava de um tempo, e também de uma ajuda.

Mas poucos segundos depois a garota ao meu lado começa a fazer um Body Shot em mim. Por algum milagre soube quem ela me lembrava quando pude a olhar mais de perto, a Santana. Se eu não tivesse percebido isso, não teria deixado aquilo acontecer. Minha mente estava tentando processar, era realmente ela? Meu sorriso continuava mas minha testa se franzia em confusão.

Era difícil se concentrar mas cada sentido meu me falava que quem estava ali na frente era a minha noiva, consegui me levantar rapidamente e a pegar num abraço esmagador levando eu e ela ao chão.


- Sant! Estou tão tão feliz em te ver aqui, eu estava com saudades, o Lord estava com saudades, e tem duendes embaixo daquela mesa e... Você sabia que orcas são apenas baleias lésbicas? - Levanto meu rosto para olha-la nos olhos enquanto pergunto, com a expressão mais séria do mundo, mas aos poucos fui dando um sorriso ao notar o quanto estávamos próximas e passando para uma leve careta ao notar que agora eu parecia ver duas "Santanas" na minha frente. - Por que você nunca me falou que tem uma irmã gêmea? Eu já te falei a muito tempo sobre eu e a Britney Spears.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Convidado em Ter 21 Jan 2014 - 1:35


and we can't stop!

Uma voz conhecida tomou conta do momento, me despertando por alguns segundos e logo depois, eu estava no chão, por cima de uma Brittany completamente eufórica. "Díos mio, eu confundi minha Britt Britt com outra garota!" Senti algumas pessoas me puxarem, querendo continuar o body shot com Britt. Mais nunca que eles iriam! Tentei me levantar, e só ai percebi o quanto estávamos próximas. Meus olhos foram até os lábios da mulher em que eu tinha pedido em casamento. Ou era o que eu me lembrava de ter feito. Britt falava algo sobre orcas serem gays, o que fez minha mente estalar, ao não processar bem essa informação.

"Você consegue se levantar?" Perguntei, sentindo as pessoas baterem em mim, e tropeçarem.

Olhei para baixo, e brevemente, rocei os lábios aos da loira. Ainda tinha minhas dúvidas era realmente ela. Mais ao sentir a textura dos lábios, mesmo com o forte gosto do álcool, eu soube naquele gesto que sim, era ela. Vendo o estado em que se encontrava, me ajoelhei, e fiquei agachada. Britt era um pouco maior do que eu, então tive que segurar em uma de suas mãos e puxá-la devagar, com medo de que sentisse dor nas costas. Acabei por puxá-la de uma vez, quase nos derrubando de novo. Mas, dessa vez, me apoiei em uma parede perto de onde estávamos, segurando-a pela cintura.



notes: drunk on love tags: - com: Brittany feia e Brittany bonita


© cg

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Convidado em Ter 21 Jan 2014 - 2:46

Festa
Tuts tuts tuts
-q

It’s Party
A provocação havia sido concluída com sucesso. Dianna parecia não acreditar no que tinha visto. Ela veio em minha direção com uma expressão de vingança e desejo que me fizeram sorrir de uma forma dissimulada. Eu estava me divertindo. Não me surpreendeu ela me pegar pelo braço e levar para um canto, onde ninguém poderia nos incomodar. Confesso que fiquei curiosa. E quando menos eu esperava uma uva melada com chocolate estava entre meus lábios, qual eu prendi com os dentes enquanto ela mordia um pedaço e em seguida limpava o pouco de chocolate que havia em meus lábios. Não tirei em momento algum os olhos do dela e às vezes eu sentia sua respiração em meu pescoço. E mesmo com a brincadeira do canudo, tentei manter meu olhar de uma forma desafiadora sobre o dela, mas no fundo, ela estava conseguindo seu objetivo. E quando ela se afastou senti um nó na garganta. Nem esperei muito para voltar até Milena e Liam, mas antes peguei um copo da primeira bebida que eu via.

Era difícil de explicar o que eu estava sentindo, mas sem duvidas eu estava furiosa. Não sei se era o efeito da bebida, mas meus sentimentos estavam a mil. Eu queria fazer algo, no fundo eu estava sentindo um vazio que nenhum dos copos de bebida que eu bebera na festa conseguia preencher. Me sentei no sofá, olhando para todos os cantos, mas eu só bebia. Do nada, me senti uma bêbada filosofa. Me perguntando o sentindo da vida e porque todos aqueles adolescentes como eu estava enchendo a cara, dessa droga de bebida que eu também estava bebendo. Mas estava hora de dizer chega. E não era para a bebida.

Me levantei, colhei só pra frente, passei entre o casal de pombos Liam e Milena. _Parabéns maninha. E deixei o copo, agora vazio, em suas mãos enquanto me dirigi até a banda e sussurrei nos ouvidos do vocalista. Em seguida andei até o bar, peguei uma bebida de cor vermelha e subi em cima do balcão e disse em voz alta e clara olhando com um sorriso travesso nos lábios para todos ali. _Por favor, queridos, retirem todos os copos desse balcão porque irei precisar de todo esse espaço. Tomei em seguida a bebida em um único gole e dei o copo vazio para o barman nas minhas costas, que por um acaso me olhava assustado.

Começo a balançar os ombros olhando para Dianna. Que agora me olhava curiosa como todos ali. Com a mão direita mexo no meu cabelo lhe bagunçando um pouco e sorrio, agora mexendo os quadris ao ritmo da musica na qual o vocalista da banda cantava. _Listen up y'all cuz this is it. The beat. that I'm banging is the next shit.

Me abaixo de lado enquanto cantava, sem preocupação ao ritmo de hip hop, pego uma rosa ali no balcão, subo rapidamente e coloco a rosa lentamente em meio ao meu decote na parte que canto “loco”. _Marylicious definition make the boys go loco. Me viro de lado e vou andando como se estivesse desfilando sobre o balcão e só paro na palavra “photo”, onde viro só a cabeça e olho um garoto de baixo a cima como se tivesse lhe desejando enquanto cantava. _They want my treasures, so they get their pleasures from my photo. Volto caminhando e rebolando, dançando e cantando para o meio do balcão. Eu notava todos os olhares pra mim, e aquilo me deixava tão excitada por dentro. Em “Go like seasons” tiro a rosa que estava entre meus seios e jogo para meu “publico” sem deixar de cantar no ritmo nem acelerado daquele hip hop. _You can see me (you can squeeze me). I ain't easy (I ain't sleazy). I got reasons why I tease'em boys just come and go like seasons. Me sento no balcão agora, cruzo as pernas e subo um pouco o meu vestido, aparecendo pequena parte de minhas coxas. Mas continuo olhando pra frente ignorando parte daqueles olhares pra mim. Em Marylicious desço do balcão e vou caminhando até o meio do salão onde rebolo até o chão e subo de forma que mexo bastante o corpo de forma lenta. E vou dançando me virando, jogando os braços pra cima e de olhos fechados só sentindo a musica. Eu nunca havia me sentido assim antes. _ Marylicious, so delicious, mut I ain't promiscuous and if you was suspicious.All that shit is fictitious I blow kisses. That puts them boys on rock, rock and they be lining down the block just to watch what I got.

No refrão, com um olhar travesso me direciono cantando até Dianna, jogo os braços em seus ombros e descia rebolando colada no corpo dela até o chão enquanto o povo cantava “It's hot, hot” e em “hot, hot” eu subo, me virando de costas, rebolando quase me esfregando no corpo da garota. _ It's so delicious. It's hot, hot. It's so delicious .I put them boys on rock, rock. E continuo desse modo até o final da musica onde me afasto aos poucos, eu sentia que às vezes mordia meus lábios, mas não perdi a chance de virar para trás um instante e dá um sorriso vitorioso em “Check it out!”. _ It's so delicious. They want a taste of what I got. I'm Marylicious. H-h-h-h-h-h hold up! Check it out!

Infelizmente antes que a musica acabasse, sinto Liam pegando em meu braço e me levando dali, novamente eu me sentia furiosa, mas não fazia muito para me soltar, só soltei um suspiro indignado, como a atitude do novo namorado da minha irmã, mal chegou à família e já queria me controlar.

code by ITZEL

Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por SanClair S. Scherbítsky em Ter 21 Jan 2014 - 5:30

Party!

Dianna não conseguia guardar a risada para si mesma, mas ao mesmo tempo estava um pouco preocupada com meu estado naquele momento, eu estava bêbada, mas não em uma cadeira de rodas, estava tudo girando e as lágrimas pareciam nunca cederem, pego o copo da mão de Dianna e tomo todo seu liquido que havia dentro, novamente faço a aquela velha careta, Dianna me pergunta se eu estava me sentindo bem, estava me sentindo ótima, claro que chorava rios de lágrimas sem motivo nenhum, era tudo efeito do álcool, coloco apenas um de meus braços em torno de seu pescoço e digo para ela, ainda chorando exageradamente - Look at me I'm happy, Don't worry, be happy. - cantarolei para Dianna uma parte de uma antiga música do Bob Marley acompanhado com minhas lagrimas exageradas, a balancei de um lado para outro 5 vezes repetindo a mesma parte, vejo um garoto passar por nós e automaticamente me solto de Dianna e o agarro ali mesmo, nosso beijo durou uns 30 minutos ou menos, estava bêbada demais para saber quantos minutos foram, assim que ele se afasta de nós, me agarro em Dianna a apertando, ela me pede para dormir lá, eu a olho por alguns segundos e então o choro aumenta - Bien sûr, que je dors ici avec vous ami, il est tellement agréable de savoir que j'ai un ami qui se soucie de moi, je suis une personne agréable, vous ne pensez pas? Je sais que je suis une salope, mais c'est parce que j'essaie d'être vraiment, vraiment honnête avec les gens quand je pense qu'ils sont rugueux, vous savez? ils ne comprennent pas, ne pense pas que je suis aussi méritant de tout ce que vous possédez? penser? Je pense, je pense. - Disse me afastando de Dianna e volto a caminha entre as pessoas na pista de dança.


Thanks Nanda from TPO


____________________


Check out, I’m blonde, I’m skinny, I’m rich And I’m a little bit of a bitch

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Drillbit K. Chevalier em Ter 21 Jan 2014 - 11:55

Depois de um pouco de conversa sobre música, festa, coral, sobre nossa vida, a coreana disse que iria comer algo. Acho que foi isso que ela disse. Eu estava um pouco confuso - o pouco da bebida fora suficiente. Ela se afastou e eu fiz igual. Pedi uma batida de frutas vermelhas com vodca, e fui bebendo enquanto voltava a mesa de doces. Aos poucos tudo parecia estar meio confuso demais, e eu tentava me manter melhor. Roubei bolinhos da mesa de doces que eu comi diversas vezes. Decidi voltar ao bar, para procurar por Dih, mas não encontrei ninguém. Decidi voltar a pista de dança - fingir um pouco que eu sabia dançar. No entanto, diante de tanta gente melhor, fiquei meio perdido. O meu copo com batida e vodca já havia acabado, apenas restava o canudo. Abandonei o copo perto do bar e simplesmente sentei-me ali, observando as pessoas. Havia uma garota no pole dance. E uma outra cantou uma música sexy. Eu não sabia o que estava acontecendo, eu só estava cansado demais até para pensar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Ter 21 Jan 2014 - 15:30





 
 
 









ARE YOU THERE, MARY?


Bêbada. Era essa palavra que a definia. Mary estava completamente alucinada! Ela deixou um copo vazio em minhas mãos, após entorná-lo. Liam havia pedido licença enquanto eu observava os passos desengonçados da garota a minha frente. Ela andava até o balcão e eu encarava a cena, tentando descobrir o que ela estava querendo fazer. Instintivamente, a segui em meio a multidão, para não perdê-la de vista.
Milhares de pensamentos passeavam em minha mente. Eu sempre fui a irmão meio doida e irresponsável, mas de uns tempos pra cá isso vem mudando. Estou muito mais Mary e Mary tá muito mais Milena. Quer dizer, quase isso. Eu fazia besteira sem beber, nunca fui fã de bebida desde que batizaram um suco em uma festa e eu manchei meu vestido, uma longa história. Mas Mary não fazia só besteira, ela havia saído de si quando pediu pra esvaziarem o balcão e começar uma performance sensual no palco. Marylicious? Que droga era aquela? Minha irmã sempre foi uma ótima artista, mas estava tão bêbada que sua voz saía trêmula.
- Mary!! - Gritei, autoritária. Mas foi em vão, ela sequer me olhou. - Mary Sunset Hoffmeister McCain, desça já daí ou eu ligo agora pro papai! - Mais uma vez, meu pedido foi em vão. Ela fingiu que não ouviu e continuou dançando, dando um vexame, melhor dizendo. Tentei tirar ela dali, comecei a tacar coisas nela, mas ela parecia não ligar. Até que tive uma ideia.
Sai pela multidão, a procura de Liam. Ele era forte, conseguiria tirá-la dali. Não demorei muito até achá-lo. Estava tão perplexo quanto eu.
- Liam, por favor... - Comecei em desespero. - Tira a Mary dali!
Oh My God!

Post #00 // Polyvore // Tag h1 // Tag h2 // BY LOONY!

____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Brittany S. Pierce em Ter 21 Jan 2014 - 15:33

Stripper Drunk




Acabou que meus instintos estavam corretos, não era minha mente me enganando nem nada do tipo, era realmente a minha Santana que estava ali comigo, se eu não tivesse exagerado na bebida eu teria a reconhecido mais cedo, e ainda teria a minha blusa. O que me lembra que ela está em algum lugar por aí e eu preciso procura-la, mas com a quantidade de pessoas que tinha ali não seria algo bom de se fazer no momento. Talvez eu nunca mais veja essa blusa de novo, o que é uma pena porque era uma das minhas favoritas. Balancei minha cabeça em sinal afirmativo a pergunta da San, não era mesmo uma boa ideia ficarmos ali no chão com tantas pessoas loucas pelo álcool em volta de nós, não queria ser pisoteada. Apesar de que, na verdade eu não tinha muita confiança de que poderia me levantar.

Ao Sant me ajudar tento me equilibrar, não queria ter um encontro com o chão frio mais uma vez, que era provavelmente o que teria acontecido se ela não tivesse me segurado. Apoio a palma das minhas mãos na parede a minha frente, aos lados da minha noiva.  


- Desculpa por ter te derrubado - Não tinha sido minha intenção, mas quem podia me culpar, não pensei direito e estava muito feliz no memento. Se tinha algo que eu gostava mais do que estar dançando numa festa, era estar numa festa dançando com a Santana. Pra quem a algum tempo atrás estava completamente sozinha, agora estou com a companhia perfeita. - Senti sua falta enquanto estive viajando, me desculpa também por não ter te avisado, foi algo de última hora, nem tive tempo de pensar em nada - Me aproximo mais da morena enquanto falo com um sorriso, mas olho para trás e percebo que embaixo da mesa que eu estava não tinha nenhum duende, muito estranho, eles devem ter se escondido em outro lugar.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Liam Patrick St James em Ter 21 Jan 2014 - 15:53







STOP IT NOW!!


Ainda estava na mesa de doces quando Ann chegou até mim e disse "Agora eu vou fazer uma coisa que voce realmente não vai gostar,talvez eu me arrependa, talvez não, mas vale é arriscar." mas a primeira coisa que veio a minha cabeça foi, "O que ela está bêbada?" minha irmã ficou depravada, realmente me decepcionou, ficando nua com tapa sexy's no meio do povo, eu a olhei com um olhar de ódio e de nojo, realmente não podia acreditar que aquilo era minha irmã, mas eu devia conversar com ela mais tarde, iria deixar ela dar seu "Showzinho de Prostituta" afinal era o que ela realmente parecia, virei de costas para ela e continuei na mesa de doces, realmente eu acho que me tornaria um diabético com tanto doce, mas quem se importa.
Passando alguns minutos, ouvi uma voz semelhante, era a voz de Mary, quando me virei Mary estava lá, e vi que Milena gritava com ela, nossa fiquei chocado, primeiro minha irmã, agora minha cunhada? Só faltava o Jesse chegar com uma calcinha e a Elle fazer um strip também, comecei a observar Mary, sério Marylicious? Que coisa mais ousada, realmente se Milena fizer algo do tipo juro que nunca mais falo com ela. Milena veio desesperada para falar comigo, queria que eu retirasse Mary de lá de cima, então fui até onde Mary estava e segurei no braço da garota antes que a música acabasse, ela não parecia gostar muito mas era necessário, como já conhecia um pouco da casa de Dianna a levei para um dos quartos de hospedes.

tags
Com: Milena e outros participantes da festa || Onde: Salão de Festas da Dianna =w=

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão de festas

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares
» Salão de festas
» Salão de festas
» Salão APRJ 2012
» Festas populares do Pinhal Novo
» festas da landeira(setubal)

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum