Piscina

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Piscina

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Sab 15 Set 2012 - 14:48

clique para ver a imagem:


Aréa de lazer/piscina
Convidado, você está situado na área de lazer/piscina da mansão Overwhelming. O espaço fora planejado primeiramente em planta, para depois ser devidamente orquestrado. Possuí uma lareira, bancos em frente a um par de poltronas e um conjunto de sofás em tom nude. Um balcão americano com bancos altos acomoda-se em um dos extremos, com um bar bem atrás. O local é extremamente aconchegante e refinado.





________________________________
TEMPLATE CRIADO POR THUNDER.



____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Quinn Fabray em Sab 18 Jan 2014 - 0:22

Let's dance!

/ Party! /

Ao chegar naquele lugar suspirei e dei um gole na bebida,finalmente um lugar calmo onde eu possa aproveitar o momento com Sam. Ofereci a bebida para o garoto com um leve sorriso.

-Esse é o nosso último copo... Ainda é o início da festa,e não é bom ficar bêbado logo agora.

Tudo bem que eu estava já tonta por conta de tanta bebida ingerida,mas meu conselho estava certo,se eu e o Sam não nos cuidássemos com a bebida,em no máximo 1 hora ele estaria tirando toda a roupa em uma stripp e eu sei lá...Reclamando do que havia acontecido.



____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Adm em Sab 18 Jan 2014 - 0:37


POOL
...



Quando ela falou sobre estar bebados eu comecei a rir. Eu já estava alterado a muito tempo. Peguei o copo e bebi o resto que tinha.Sorri para ela e apuxei para mais perto.
-Sabe o que é Quinnie. Eu já estou bebado. Falei em seu ouvido. Com um plano já formado em minha cabeça falei novamente.
-Mas dizem que uma coisa cura bebedeira.... Agua. Falei antes de pega-la no colo e pular na piscina de roupa e tudo.






EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Quinn Fabray em Sab 18 Jan 2014 - 0:44

Let's dance!

/ Party! /

Sam me puxou para mais perto,as palavras dele me fizeram sorrir, eu aos poucos voltada ao me estado sóbrio, por sorte eu havia comigo alguma coisa,senão sera bem difícil de voltar assim.
Sam diz já estar bêbado, concordei com o garoto afirmando com a cabeça,e então ele me pega no colo,me segurei no pescoço dele e ri tampando me nariz.

-AI MEU DEU...

Nesse segundo eu já estava em baixo d'água, que realmente estava bem fria, voltei para a superfície rindo,passei as mãos em meu rosto tirando o excesso de água e logo Sam aparece.

-Você é louco!

Falei rindo e joguei um puco de água nele, por sorte a maquiagem era à prova d'água,senão eu teria o matado afogado!

____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Adm em Sab 18 Jan 2014 - 1:00


POOL
...



Eu podia jurar que ela ia sair de debaixo d’agua querendo me matar. Mas ela só riu e atirou agua em mim, mostrei a língua para ela e nadei para perto. Coloquei meu braço em volta de sua cintura e nos empurrei até que suas costas encostassem a borda da piscina.

-Digamos que eu sou louco sim Quinn. Mas louco por fazer outra coisa. Falei olhando nos seus olhos antes de beija-la.





EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Quinn Fabray em Sab 18 Jan 2014 - 1:15

Let's dance!

/ Party! /

Sam se aproxima de mim,o fitando abro um pequeno sorriso e logo o garoto envolve seus braços em torno da minha cintura me puxando para mais perto. Eu o encarava,da mesma maneira que ele me encara. Admito que ainda existam muitos sentimentos pelo Sam, pela forma como tudo terminou de fato eu nunca consegui esquecer ele.
Minhas costas encostaram na borda da piscina e ele disse algo sobre ser louco,minha expressão mudo aos ouvir o loiro que em seguida me beijou. Aos sentir os lábios dele meu coração acelerou e meu corpo gelou, correspondi o beijo dele apoiando uma mão em seu ombro e a outra acariciando a nuca dele, minhas perna agora se prende ao quadril dele facilitando com que o beijo seja mais próximo.
Uma avalanche de sentimentos me dominou durante o beijo,então tentando controlá-los e uparei o beijo aos poucos terminando com alguns selinhos.

-Você está bêbado,eu não deveria me aproveitar disso....

Comentei mesmo sendo contra a minha vontade,ele não estava completamente bêbado,apenas tonto por conta das bebidas.



____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Adm em Sab 18 Jan 2014 - 1:27


POOL
...



Esse beijo foi tão... Não tenho palavras para definir o quanto eu sentia falta dos beijos de Quinn Fabray. O nosso termino de namoro foi tão estranho, mas mesmo assim continuamos amigos. E eu continuava gostando dela. Ela foi meu primeiro amor, minha primeira vez, minha primeira um monte de coisa. Okay, ter beijado ela agora pode ter sido um pouco precipitado. E ela falando sobre eu estar bebado, era obviamente uma desculpa. Tirei minhas mãos dela e me afastei um pouco.
-Uhn... Me desculpe por isso Quinn. Eu não sei se você tem algum namorado em Nova York, ou se esta saindo com alguem. Falei rapidamente. Não sabia se tinha feito alguma coisa errada e isso me preocupava. Não queria que Quinn fosse embora. Não me arrependia, porque aquele beijo foi a melhor coisa da noite até agora.




EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Quinn Fabray em Sab 18 Jan 2014 - 1:34

Let's dance!

/ Party! /

Aquelas eram as últimas palavras do mundo que eu deveria ter dito naquele momento, suspirei ao sentir os braços de Sam me largar e o garoto se afastar. Senti que ele tinha ficado nervoso e então começou a falar rápido. Ergui minha sobrancelhas por poucos segundos e então me aproximei dele tocando em se braço.

-Não...Não é isso. Pense que você estivesse fazendo isso por estar bêbado. Você entendeu mal...

Na verdade eu tinha me expressado mal,e todo aquele momento de segundos atrás havia ido embora por ma idiotice minha, mas uma que fez eu me afastar de Sm. Nadei até ele parando na frente do loiro,eu o olhava e então abri um pequeno sorriso para ele, me aproximei e acariciei o rosto dele logo dando um selinho demorado.

-Não estou com ninguém...

Comentei dando novamente mais um selinho nele enquanto acariciava o rosto do garoto.

____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Adm em Sab 18 Jan 2014 - 1:45


POOL
...



Então ela não estava namorando, nem saindo com ninguém? Eu poderia soltar fogos ou sair comemorando se ela não estivesse aqui. Meus olhos brilharam e coloquei minha mão em sua bochecha fazendo um leve carinho. Coloquei minhas mãos em sua cintura e a beijei novamente. Eu sabia que mesmo gostando dela e usando a suposição de que ela gostasse de mim, um relacionamento a distancia não daria certo. Então queria aproveitar o máximo da noite. Aprofundei o beijo e coloquei suas pernas em volta de minha cintura para que a menor distancia possível nos separasse.



EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Quinn Fabray em Sab 18 Jan 2014 - 1:55

Let's dance!

/ Party! /

Sam era tudo que eu sempre quis em alguém,ele me entendia,me fazia rir e me irritava tudo ao mesmo tempo,eu fui tão estúpida por ter feito oque e fiz com ele. Ele acariciou meu rosto me trazendo de volta para a realidade. Eu e ele,em uma piscina a noite,parecíamos ter fugido de todos ali,pareca que estávamos mantendo um relacionamento proibido.
Ele me beija novamente,de forma mais intensa,correspondi o beijo com a mesma intensidade que ele,envolvi minhas pernas na cintura dele colando nossos corpos. Envolvi meus braços em torno do pescoço dele e acariciava a sua nuca.
Definitivamente ele me tinha como nenhum outro antes,meus sentimentos se resumiam entre felicidade extrema e desejo de que aquele momento nunca terminasse.
Durante o beijo,mordisquei levemente o lábio dele,puxei levemente o cabelo dele e logo acariciando o local. Meu controle estava baixo,quase inexistente.





____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Adm em Sab 18 Jan 2014 - 2:06


POOL
...



Não sei como mais durante algum momento entre ela mordendo meu labio e ela puxando o cabelo da minha nuca, eu a prensei contra a borda da piscina. Parei de beija-la para encostar meus labios em seu pescoço sugando levemente. Foi nesse momento que me toquei, estávamos numa festa, em um local publico, qualquer um poderia aparecer ali. Dei mais um beijo em sua boca antes de me separar.
-Vamos Quinn. Temos que voltar para a festa, antes que venham nos procurar. Falei, oferecendo minha mão para ajudar ela a sair da piscina. Tirei a camiseta e pensei que era melhor eu ir pegar minha roupa naquela cabine. Mas e Quinn? Eu tinha jogado ela com a única roupa. Após pensar um pouco achei a solução.
-Vamos. Vou te levar no quarto da Dianna Notei como aquilo poderia soar com duplo sentido e corei, complementando logo após. -Você pode pegar alguma roupa dela, para não ficar gripada ou algo do gênero. Sorri.



EI FULANOS , ESSE MARAVILHOSO POST DE NÚMERO PALAVRAS, FOI FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊS. ANTES DE IR, QUERO DIZER QUE EU SOU LINDO. MEU PERSONAGEM VESTE ISSO. ENQUANTO EU TE ESCREVIA, EU ESTAVA ESCUTANDO 23, DO FODÁSTICO Miley Cirus


CODED by: IG & SUGARAVATARS



Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Quinn Fabray em Sab 18 Jan 2014 - 2:17

Let's dance!

/ Party! /

Sam me prensou na borda da piscina,estávamos alterados e sem dúvidas nos desejando mais. Me arrepiei ao sentir o beijo dele em meu pescoço e logo o sugar,mordisquei meu lábio fechando meus olhos,era loucura aquilo acontecer com nós dois,sinceramente e não me importava mais. Sam me beijou novamente e eu o correspondi,o garoto se afastou falando que deveríamos voltar para a festa e ele estava certo, mergulhei mais uma vez para ajeitar meu cabelo. Ele oferece ajuda e eu aceito. Já fora da piscina olhei em volta e ao voltar meu olhar para o Sam ele já estava sem camisa, uni as sobrancelhas por frações de segundos e sorri. Tentei secar meu cabelo o torcendo e logo ele diz algo sobre me levar para o quarto da Dianna,ri baixo e ele logo consertou a frase. Pensei por poucos segundos.

-Não,melhor não. Eu estou com biquíni por baixo,vou no banheiro,seco minha roupa e voltamos para a festa...

Não que ficar trancada em um quarto com ele não seja uma boa ideia,mas ficaria horrível eu aparecer com a roupa da dona da festa.
Dei um selinho longo nele e então caminhei com ele voltando para a festa

-Vamos parar no banheiro para eu secar minha roupa...

Falei ao passarmos em frente ao banheiro feminino,onde havia uma toalha de mão,eu usaria aquilo mesmo para me enxugar.

____________________


Lucy Quinn Fabray
I can taste the tension like a cloud of smoke in the air
Be the good girl you always had to be.Conceal, don't feel, don't let them know.Well now they knowTHANKS, LU.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Convidado em Dom 11 Jan 2015 - 20:18

Pool Party
Estava claro que todos os integrantes do New Directions queriam acabar com essa tal perneta que havia vazado a setlist das músicas que cantaríamos nas regionais, e, uma prova disso, era a cara pensativa de cada um ali presente. Eu estava com medo por ela, porque aqueles vincos entre as sobrancelhas de Kitty indicava um plano maligno de como cortar a única perna verdadeira da garota e enfiá-la em lugares não muito desejáveis. Eu estava prestes a dizer algo de não rebaterem fogo com fogo quando a menina de pele morena – que literalmente tirou meu ar -, se pronunciou e esfriou o ânimo de todos, fazendo com que aquela falação acabasse. Logo depois a mesma garota chamou os integrantes do ND para uma festa na piscina na casa dela e, bem, eu era uma integrante do coral.  Comemorei mentalmente; eu teria minha primeira festa do ano para ir.
             
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~


Andava pelo meu quarto a procura do maldito biquíni verde que ficava, modestamente falando, um espetáculo no meu corpo. A roupa de banho se destacava com meu tom de pele e dava um destaque incrível para meus olhos. Suspirei aliviada quando o achei dentro da gaveta de camisetas. Olhei para meu relógio em cima do criado mudo de cor clara e notei que faltava apenas dez minutos para Jhonah, o garoto transferido da Dalton, vir me pegar. Corri para o corredor da não tão grande casa que eu morava, indo até o banheiro e pegando algumas coisas para necessidades básicas como protetor solar, creme para cabelo, toalha e etc. Voltei para meu quarto, colocando tudo dentro da bolsa reservada exatamente para essas ocasiões e acrescentei o biquíni, fechando seu zíper em seguida. Fui para frente do espelho e encarei meu reflexo, dando uma última ajeitada no meu cabelo, que estava solto, e tento desamassar minha roupa, que consistia em um short branco e uma blusa, que deixava meus ombros expostos, de cor azul. Aprovei o que vi. Dei as costas para a superfície refletora e peguei meus pertences, passando pela porta de mogno e a batendo sem querer. Encolho os ombros com o grito que tia Stacy solta e desço as escadas, falando para a mulher que não precisava me esperar para o jantar.
Fecho a porta de entrada bem no momento que o garoto estaciona uma moto preta na porta de casa, fazendo com que uma leve careta surgisse em minha face. Eu não era uma fã de motos desde que Victor, meu irmão, caiu e quebrou o braço em três partes diferentes. Agito a cabeça, espantando as memórias de minha mente e sorrio abertamente para o loiro (ou seria castanho?) a minha frente. Aproximo-me dele em passos lentos. – Hey! Chegou exatamente na hora. – Dou um leve beijo na bochecha do menino, o cumprimentando e pego o capacete que o mesmo me oferecia. – Eu...hm...meio que tenho medo de moto, então não se assuste caso eu te agarre ou coisa do tipo. – Falo observando a motocicleta que tinha um guidom longo e sua traseira mais baixa; a moto era de um verdadeiro badboy.
- Nunca mais ando com você, Jhonah! – Exclamo quando coloco meus pés no chão, já na casa de Dianna. Controlo minha respiração e devolvo o capacete para o menino ainda sentindo minha perna tremendo e meu coração batendo forte. Olho ao redor, observando o local recém-chegado e não posso controlar meu maxilar, que se abre de uma maneira engraçada, formando um perfeito “o” em meus lábios. A casa era enorme! Casa não, aquilo era uma mansão! Sigo Jhon, que já estava alguns passos adiantado e me coloco ao lado do menino, não deixando de olhar para todos os lados do local, haurindo todas as informações possíveis. - Acho que fomos os primeiros a chegar. - Solto assim que pisamos na área da piscina, que era tão grande quanto a de um clube.  
touch me like you do.
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Jhonah Ohlw. Winchester em Seg 12 Jan 2015 - 1:47

Celebrating Welcome
Embora todos ali estivessem tensos com os corridos, tínhamos esquecido um pequeno detalhe – o que os próprios dizeres da Dianna estivessem certos – precisamos reunir esforços para elaboramos uma nova setlist e trabalhamos para conseguir vencer as nacionais. Will tinha algo em mente e com a ajuda da Sue – treinadora das cheerios – conseguiríamos nos erguer facilmente. Assim que Dianna tomou a frente, corri rapidamente os olhos para a menina que ela acabara de citar no convite de boas vindas. Beatrice. Fiquei feliz por não ser o único novato na sala, e mais ainda pelo convite. Bufei desenhando um pequeno sorriso de canto ao saber que finalmente tinha algum lugar para se divertir um pouco. E conhecer novas pessoas, claro.

• • •

Eu não sabia que horas era e tampouco me forçava a se levantar da cama, mas algo naquela manhã me impedia de tornar as coisas mais fáceis e animadoras. Meu relógio despertara tempo suficiente mais cedo para que eu pudesse procurar algo para a ocasião. Assim que sai do banho e de ter feito toda a higiene matinal, abri todas as portas do meu guarda roupa e peguei uma sunga boxer preta com um short todo preto esportivo – com um detalhe próximo ao joelho em branco um símbolo médio de um morcego -, em seguida peguei uma camisa regata de coloração branca, justa ao corpo. Meus óculos já estavam no rosto, minhas chaves em mãos e ah sim, as havaianas. Logo não faltara mais nada. Olhei novamente as horas e por sorte ainda estava em tempo para pegar Shannon em sua casa, a morena gentil que conhecera no glee club. Passei a mão pelos cabelos louros e borrifei o perfume, logo descera rapidamente as escadas seguindo para a garagem pegar sua moto.

- Esta um lindo dia para usar essa belezinha! – Comentei para mim mesmo ao dar uma arrancada no acelerador, aquecendo o motor. A Lauge Jensen era tudo o que tinha de valor material adquirido por meus próprios esforços. Tinha ganhado um bom preço embora não estivesse em perfeitas condições no tempo da compra, mas como eu era fanático em personalizar acabei dando um Upgrade da motocicleta – e modéstia a parte, ficara ótima. Sem mais delongas, parti para a casa de Shan chegando exatamente na hora marcada.

- Costumo ser pontual com meus compromissos! – Sorri simpático para a morena ao lhe cumprimentar e ser retribuído com um beijo no rosto. Entreguei-lhe o capacete e se pôs a sorrir abertamente ao ouvir o comentário dela sobre ter medo de motos. O ocorrido lembrara-se de minha mãe que sempre me dissera ter cuidado com um veiculo sobre duas rodas, era perigoso eu confesso, mas nada que dissesse me faria ter menos vontade de toca-la ou de usa-la corretamente. Contudo sempre respeitava o pavor dos outros e me limitava a ter total controle sobre a velocidade.
- Bom, eu não vou me importar se quiser me agarrar, pelo contrário. – Murmurei brincalhão para ela, a final não era sempre que tinha a presença de uma morena tão linda como ela. Assim que dei espaço para que ela se acomodasse na motocicleta, mantive a mão no acelerador logo após uma breve arrancada, e então sorri de sua expressão me desculpando.

• • •

Não demoramos muito para encontrar a localidade da mansão de Dianna. De acordo com as informações contidas na mensagem estávamos a menos de 3 minutos adiantados do local. Após entrarmos em uma reversa, conseguimos encontrar o local desejado. Dirigi-me até os fundos para guardar a motocicleta na garagem e ao desliga-la fui surpreendido pela morena que resmungava não querer mais andar comigo. Limitei-me a sorri, pois era engraçado e eu tinha certeza que a velocidade estaria constante e que não me forçava em fazer besteiras pelo caminho. Coloquei ambos os capacetes no banco da moto e então abracei a morena ao entrelaçar um de meus braços em seu pescoço.

- Hey morena, calma! Não foi tão ruim assim. – Brinquei com ela ao seguir caminho para a piscina. Shannon era incrivelmente legal, uma ótima companheira e excelente amiga. Eu tinha minhas brincadeiras, mas sempre a respeitara numa boa. Assim que chegamos a um dos diversos lugares da mansão, não tinha mais ninguém a não sermos nós dois mesmo.

- Eu tenho duas deduções para isso! A primeira é que devo concordar com você e a segunda é que talvez os outros devessem estar atrasados. – Disse ao conferir o relógio, e realmente já haviam se passado alguns minutos após nossa chegada. Olhei ao meu redor conferindo todo o espaço que era enorme e logo avistei uma mesa com quatro cadeiras vagas e um guarda sol aberto. Sorri para a morena ao indicar nossos futuros acentos e então caminhamos até lá.

- Isso aqui é enorme! – Comentei ao me sentar ainda desviando os olhos para o recinto. – Bom, já que vamos ficar no aguardo podemos conversar. Então, você também é nova por aqui? – Improvisei um dialogo com ela. Certamente eu não sabia ao certo se ela era mesmo novata, como eu também era. Minhas deduções eram poucas, afinal o convite que embora tenha sido para todos do coral, a recepção era para duas pessoas incluindo a mim.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Convidado em Seg 12 Jan 2015 - 16:40

Pool Party
Quanto mais tempo eu passava com Jhonah, mais eu tinha certeza da minha facilidade em fazer amizade com pessoas do sexo oposto. O garoto era extremamente simpático e estava se esforçando para manter um diálogo comigo, já que fomos os primeiros a chegar e não havia mais nada pra fazer além de conversar ou observar a grande área livre da casa que estávamos. Aproximamos-nos da mesa redonda que tinha um guarda sol em seu centro, fazendo uma sombra fresca se estender pelas cadeiras. Sento-me em uma delas e cruzo a perna esquerda sobre a direita, olhando o menino se ajeitando em seu lugar assim que me estabilizo. – Bem, eu sou novata. – Lanço-lhe um sorriso fraco. – Estou na cidade há dois meses, mais ou menos. – Dou de ombros. Inclino a cabeça para trás e tiro o cabelo do ombro, juntando-o em seguida e fazendo um coque frouxo.  Volto a mirar meus olhos no rosto de Jho. – Entrei no coral um dia antes que você, aliás. Mas não acho que eu seja importante o suficiente para ter uma festa de recepção em um lugar como esse. – Indico onde estávamos com um sorriso divertido nos lábios. – Então... Como é a Dalton? Eu acharia estranho estudar num lugar onde só tem pessoas do mesmo sexo que eu. – Franzo a sobrancelha por alguns instantes e solto uma leve risadinha ao pensar melhor. – Pensando bem, eu acharia interessante estudar em uma escola só para meninas. – Penso alto e dou uma leve corada ao perceber que havia dito demais.
touch me like you do
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Jhonah Ohlw. Winchester em Seg 12 Jan 2015 - 18:32

Celebrating Welcome
Ainda tinha uma visão ampla de todo o ambiente ao sentar ao lado oposto da morena. Suspirei em alivio ao sentir aquela leve ventaria que passara sobre meu rosto. O clima estava ótimo e favorável para a tão famosa marquinha do biquíni na pele bronzeada. E claro, não pude deixar de notar a beleza da morena. Depois de saber que ela também era novata - o que me deixou feliz ao ver que a quantidade de novatos era superior ao que tinha em mente - Sorri ao colocar os pés um sobre o outro descalço.

- Acho que me enganei então, porque pensei que fosse veterana tanto na escola quanto no clube glee. – Disse sincero arqueando brevemente a sobrancelha um pouco desapontado com os erros. Suas palavras em seguida me deixaram de certo modo com pena. Eu não tinha muita ligação com os outros do coral – o que me não entristecia – mas conhecia Dianna por ser minha prima. A festa era para todos em geral e ser citado não era lá motivos de ser menos importante. Pensei um pouco antes de respondê-la, formulando palavras certas.

- Hey, você não tem que achar isso! Já faz parte do coral, logo é importante suficiente sim para ter uma recepção como essa em um lugar como esse simplesmente por ser novata assim como eu. – Disse em tom animador para livrar um pouco a tensão do momento. Ajustei meus olhos ao encarar a morena buscando ar para os pulmões ao dizer em pressa as palavras. – Aliás, está linda. – Comentei gentilmente mais calmo.
Por mais que ninguém ousasse em aparecer, meu tempo com a Shan estava sendo um dos melhores até agora. Como havia pensado como ela era realmente o tipo de companhia que qualquer outra pessoa pudesse ter, e estava adorando isso. Ela mencionou sobre à Dalton, e sua curiosidade me deixou sorri por um pequeno instante. O colégio só para meninos era sim, muito interessante – até mesmo para mim -. Mas tinha outros motivos aos quais me levaram a desistir de tudo aquilo.

- A Dalton é o melhor lugar para se estudar! Eu até indicaria com toda a certeza para os rapazes que me perguntassem. – Comentei ao pigarreia continuando. – E não, eu não acho estranho estudar em um colégio só para rapazes, é até interessante. – Sorri baixo ao dizer as ultimas palavras. Eu não tinha problemas com isso, ambos os sexos me atraiam de toda a forma. Suspirei ao olhar a piscina de modo pensativo. Ao ouvir as palavras dela por fim – que fora dificilmente não ouvir – eu me limitei a sorri ao fitar seu rosto brevemente corado.

- Não tem como não achar interessante estudar em uma escola só para o mesmo sexo. Eu digo por experiência própria. – Brinquei ao demonstrar humor nas palavras, que embora tenha sido sinceras. A brisa ainda soprava em nossa direção um ar fresco que me permitira aproveitar cada instante de lazer que o local em si me proporcionava. Inclinei os braços para trás me espreguiçando buscando mais conformo a cadeira ao deitar minhas costas na mesma.
- A proposito! Minha prima deve está realmente em um dos sonos pesados. – Comentei por fim, brevemente sorrindo.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Rachel Berry em Seg 12 Jan 2015 - 21:28


3, 2, 1 fun


Uma festa? Na casa de Dianna? Não sabia se uma festa na piscina seria uma boa forma de esquecer os problemas que estávamos vivendo,mas com certeza era uma forma de manter a frágil 'amizade' que estava construindo com Dianna e o resto do ND. Sentia que finalmente poderia começar a deixar para trás a Rachel metida e egocêntrica que todos viam em mim. Eu mesma queria enterrá-la para sempre.
Decido variar um pouco meu look sempre sério e visto um shorts jeans,blusa branca levemente decotada e nos pés sandálias baixas. Prendo meus cabelos em um rabo de cavalo alto,em seguida enrolando-o em um coque devido ao clima quente que fazia. Arrumo minhas coisas para levar para lá (óculos de sol,protetor solar,biquini,etc) na bolsa que eu sempre levava na escola. Tudo pronto! Gritei para meus pais que estava pronta enquanto passava rímel à prova d'água e dava uma última olhada na aparência antes de um dos meus pais me levar até lá.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Uau! Que casa incrível! Enorme, linda e impressionante. Ando até a área da piscina, observando e me impressionando com tudo ao redor. Sentia meus olhos arregalados com tanta beleza. Chegando na piscina - que mais parecia algum tipo de paraíso - vejo apenas mais algumas pessoas ali. Havia sido uma das primeiras. Resolvo me aproximar de um garoto e uma garota que conversavam perto das cadeiras, ambos pareceram-me extremamente simpáticos.
- Olá! Posso me sentar aqui com vocês? Me chamo Rachel Berry. - sorrio para ambos me apresentando. Se eu deveria estar envergonhada por estar em um local onde não conhecia ninguém? Óbvio. E estava. Mas sabia disfarçar muito bem,afinal, eu não poderia ter vergonha quando estivesse nos palcos!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Seg 12 Jan 2015 - 22:03

Por um momento, havia esquecido de que tinha convidado os membros do New Directions para uma festinha. Não seria nada exagerado como as coisas que planejava com Hanna - e requeriam uma reunião para discussões - e estava feliz por isso. Uma chata e incômoda dor de cabeça havia começado, o que me fez pensar se não deveria cancelar e marcar para o dia seguinte. Mais, não poderia fazer isso. Além de deselegante, seria desestimulante para os colegas de coral. Queria promover a paz por pelo menos algumas horas. Estavam fora da escola, não precisariam agir como perdedores, e se esconder de qualquer indício de cheerio, ou como uma cheerio, tendo que ameaçar quaisquer pessoa que não sabia nem mesmo o nome. Me levantei, mais, estava sonolenta de mais para me mover. Meus joelhos cederam, e tive que me forçar a sentar na beirada da cama. A dor estava me vencendo. Decidi dormir um pouco, e mal me dei conta de quando a inconsciência me abraçou.

☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀☀

"Acorde!"

Senti um súbito impulso clamar em minha mente, enquanto dava sinais de estar despertando de um sonho ao qual eu não lembraria. Se é que havia tido um sonho. Ao me acostumar com a claridade berrante, fixei meus olhos no enorme relógio digital na outra extremidade do meu quarto. Eu estava atrasada para a minha própria festa. Com um silvo de irritação escapando pela garganta, me levantei ainda meio grogue, e me encaminhei para o banheiro. Ouvia vozes, os empregados andando de um lado para o outro dentro de casa. Eles sabiam da chegada de Jhonah, já que tinha avisado tudo. Além do pedido de preparo das bebidas e comidas. Tomei um banho de vinte minutos, sem molhar o cabelo. Vesti um maiô branco com cortes laterais que havia ganhado de Jonathan. Lamentava o fato de ele não estar ali para ver o seu presente sendo usado. Sabia que o maiô era importado e teria custado um bom dinheiro, e iria repreendê-lo por isso.

Soltei o coque que havia feito no cabelo, deixando-o solto. Havia passado protetor solar, e agradecia por ter um que não deixava um cheiro forte e característico, e sim, exalava uma fragrância suave, como a de um perfume francês. Vestiu uma saída de banho, que na verdade, era uma camisa social maior que seu tamanho, que também pertencia a Jonathan. Era azul marinho. Acompanhou com um short branco curto, e calçou sandálias de casa. No rosto, um ray ban aviador espelhado finalizava o look, e finalmente, desceu. Chegou a piscina, vendo a presença de três pessoas. A primeira a ser vista, fora Rachel. Chegou próxima a garota, e lhe tocou o ombro, em um gesto delicado.

Boa tarde, gente. Oi, Rachel. Pensou se estava mesmo atrasada, ou se estavam faltando pessoas.

Certo que o Glee não era composto por muita gente, e isso não importava, na verdade. Ainda sentia um leve martelar nas têmporas. Mais a frente, vi a figura de Jhonah, e percebi que não tinha reparado em como ele havia mudado. Estava mais forte do que se lembrava, mais bonito, também. Me aproximei dele, e o envolvi em um reconfortante abraço.

Jhonah, como é bom te ver de novo. Abri um largo sorriso, notando a garota com ele. Era a menina que havia encarado no coral. E você, como se chama? Fixei os olhos aos dela.

E me sentiu estranha, como se algum tipo de magnetismo me obrigasse a encarar aqueles olhos azuis. Abri mais o sorriso, tentando esconder o sentimento de ansiedade que havia tomado o corpo.

# clothing my pool


____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Convidado em Seg 12 Jan 2015 - 22:27

Pool Party
Eu reconhecia aquele olhar que Jho havia me lançado e tive que me segurar para não girar os olhos, então me contentei em esfregar a testa e ajeitar o cabelo que havia sido bagunçado devido ao vento – que estava super-refrescante, diga-se de passagem. Elevo meus olhos para o céu e acompanho alguns passarinhos voando. Devia ser tão bom voar! Não ter nada segurando seus pés no chão e ver toda a cidade de cima... Ok, eu estava divagando e quase perco o foco no que Jhonah estava falando. Conecto meus olhos, novamente, no menino a minha frente e não deixo de perceber os músculos avantajados que o mesmo tinha. Pisco os olhos algumas vezes e o escuto falando algumas palavras animadoras de como eu era importante e coisas do tipo. Não pude deixar de sorrir agradecida, aquilo fora extremamente doce da parte dele. E logo depois veio o elogio. Eu não sabia como lidar com elogios. Senti aquele calor desagradável subindo pelo meu pescoço e atingindo meu rosto, sinal de que eu estava mais corada que nunca. – Obrigada por me deixar sem graça. – Digo desviando os olhos e tampando o rosto com ambas as mãos. Respiro fundo e espero alguns minutos para destampar o rosto e voltar a encará-lo.
Achei interessante algumas coisas que o loiro a minha frente havia falado, como por exemplo “minha prima deve estar em um sono muito pesado.” Então Dianna era prima dele? Isso era ótimo saber. E, sim, talvez eu estivesse um pouco interessada na menina. Estava prestes a comentar o quanto era legal saber que o garoto tivera experiências homoafetivas quando ninguém menos que Rachel Berry aparece na nossa frente. Deixe-me dizer: Antes de tia Stacy me motivar a entrar para o coral, eu fiquei observando e pesquisando sobre o New Directions, o que resultou no meu pequeno, digamos, fascínio pela morena baixinha ali presente. Aquela menina podia ser pequena, mas ela tinha um talento que só Deus na causa. Passo os olhos pelo corpo magro a minha direita e arqueio, quase que milimetricamente, a sobrancelha. Ela estava diferente com aquela roupa. – Olá, Rachel Berry. – Sorrio abertamente. – Claro que você pode se sentar com a gente. Seria um prazer, aliás. – Falo animada. Olho para Jhonah e sorrio sem mostrar os dentes. - Não seria melhor você ligar para sua prima? Eu me sinto como uma intrusa estando aqui sem ela estar presente. – Solto uma risadinha culpada e descruzo a perna, me ajeitando na cadeira em seguida.
Foi eu abrir a boca que uma voz aveludada atingiu meus ouvidos; a mesma voz que havia se pronunciado no Glee e a mesma que fizera o convite para estarmos ali. Finalmente Dianna apareceu. Virei à cabeça rapidamente e encarei a recém-chegada cumprimentando Rachel e logo em seguida Jhonah com um abraço invejável. Logo, seus olhos se conectaram nos meus e foi como toda aquela cena clichê de filme chato de romance do qual durmo nos primeiros vinte minutos acontecesse. Tive que limpar a voz antes de respondê-la. – Eu sou Shannon, Shannon O’Marley. – Digo sustentando seu olhar, um pouco intenso demais para minha sanidade, e sorrindo de lado.
touch me like you do
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Jhonah Ohlw. Winchester em Ter 13 Jan 2015 - 0:02

Celebrating Welcome
Com o desenrolar da conversa, Shan e Eu estávamos quase que sem assunto. Vislumbrávamos da tão sofisticada piscina e ao seu redor. Por um momento pensei que tivesse acontecido algum imprevisto da parte de Dianna, o qual resultaria seu atraso. Foram pequenos minutos ao notar o rosto da morena a frente corada. Seu comentário sobre meu elogio foi o indicie da minha leve feição alegre. De certa forma não era mentira, e outra, ela ficava meiga tendo as bochechas rosadas. A procura de assunto pensou em falar sobre toda a longa trajetória da Dalton para o McKinley, mas senti que não fosse precisar.
Antes mesmo que eu pudesse lhe dirigir a palavra tivemos nossa atenção roubada para mais uma pessoa. Virei levemente meu corpo para o lado buscando identificar de quem se trataria, e logo percebera ser Rachel Berry. Já ouvira falar sobre ela e seu famoso talento. Na Dalton sempre conversamos sobre as potentes vozes do New Directions, e Rachel era uma delas – talvez a principal até –.

- Olá Rachel! Sou Jhonah. – Disse em um rápido cumprimento gentil para ela. Shan já tinha concedido a licença para a moça se juntar a nós, e logo sorri confirmando. – Seria uma boa ligar para ela. – Disse para a Shan ao relembrar o que havia dito anteriormente sobre ligar para minha prima. Mas não demorou muito para que eu me dessa conta de que Dianna já se aproximara e então logo anulara a ideia.

- Prima, oi! – Levantou-se para cumprimenta-la completando o abraço da morena gentilmente passando uma de suas mãos pela cintura da moça. Afagou seu rosto na região do pescoço dela, inalando todo aquele perfume importado – que, cá entre nós teria custado uma grana e tanto – e então depositou um beijo em seu rosto, desenhando um sorriso satisfatório ao fim.

- Fico feliz em revê-la também. – Disse sincero a ela, tinha se passado um bom tempo que não nos encontrávamos. Com todo esse tempo eu percebera o quanto ela tinha mudado, e não só fisicamente. Dianna estará linda e sinceramente? Atraente. A simetria em seu rosto, o modo como a olhava e o jeito de falar, entre outras coisas que não tinha tempo para reparar tão depressa. Dei uma rápida olhada na latina ao perceber que Shan ainda era desconhecida para Dianna – o que não demorou muito para ambas se apresentarem.

- Pensei que tivesse se esquecido do evento, Prima. – Disse por fim com um sorriso de lado demostrando humor às palavras.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Ter 13 Jan 2015 - 1:14

Estava decidida a não dar trela para a leve dor de cabeça e acabar deixando um clima estranho de minha parte inundar a festa. Que por acaso, parecia ter algo faltando, sem contar com os membros que ainda chegariam. Música. Claro, uma festa não seria uma, com ausência de música. Esperei que Jhonah falasse, arqueando a sobrancelha ao notar um olhar... Diferente do primo, como se pensasse algo sobre mim, que talvez fosse melhor não ser dito. Então veio o abraço. Sorri baixo, emanando uma respiração lenta em seu pescoço, ao retribuir o beijo que fora dado, na região. Ele cheirava bem, muito bem. Meus braços desceram de seus ombros, e por um momento, minhas mãos descansaram neles.

Jamais esqueceria de suas boas vindas. O respondeu com um sorriso galante.

E depois, desviei minha atenção para a morena sentada. Algo em seus olhos me deixavam com dificuldades de pensar direito, até mesmo em agir. Sorte minha, que sabia esconder muito bem os sentimentos tanto externos como internos. Shannon. Nome interessante. Virei-me de lado, dando passos até onde ela estava. Podia jurar que tudo estava acontecendo em câmera lenta, mas era apenas uma ilusão. Eu estava a frente dela, esperando-a levantar. Feito isso, irrompi a distância, lhe abraçando. A onda de arrepios teve que ser contida rápido, ou os indícios de que ela estava me afetando começariam a aparecer.

Muito prazer, Shannon. Sou Dianna, acho que já sabe, mas prefiro me apresentar pessoalmente, ainda sim. Quebrei o abraço, sabendo que havia sido mais intensa que o normal.

A encarei por breves momentos, tirando meu celular do bolso do short em seguida. Rapidamente instrui Paz - a empregada que mais gostava - a ir até meu quarto e ativar o equipamento de som, que ressoaria por toda a casa. Tanto dentro, como fora. Desligou, voltando a atenção para eles, ouvindo as sonoras batidas de Break Free tomarem conta dali. Um bar havia sido posto atrás do balcão ao canto esquerdo, para que se servissem do que quisessem beber.

Querem beber algo? Ali tem um bar com qualquer tipo de bebida ou comida. É só pedirem, e vão ser atendidos. olho Jhonah por alguns segudos.

Logo estava desviando para Shannon. A beleza da garota me encantava, e estava começando a me interessar por ela. Quem sabe, poderia conhecer mais da morena. Ou mais que isso. Sorriu internamente, começando a mover o corpo ao ritmo da música. Com certeza era uma das minhas preferidas.

# clothing my pool


____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Leonard H. Overwhelming em Ter 13 Jan 2015 - 12:31

It's a celebration
Money, power and fame. As young people, where the sky is only an obstacle to be sealed, do not live for nothing less. Love and hate are just the icing for this cake so tasty in progress. Loyalty is looped to selfishness and as guarantee of victory, nothing is as urgent as yourself and your desires. ┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈┈

S
e não for um engano, meus olhos mantiveram-se fechados por apenas alguns minutos. Por outro lado, o tempo em que estive virando de um lado para o outro sobre a cama, com os pensamentos tumultuados e longínquos, torna-se um partido para uma discórdia entre ideias. Não que isso me abale, evidentemente. Quem estaria zangado por não conseguir descansar, hm? Eu, por exemplo. Foram necessários três segundos para que meu corpo reagisse ao som musical e estridente que ressoara pelos cantos da mansão como canhões em disparo. Por sorte, não fui histérico o suficiente para cair da cama. Apenas o suficiente para tomar compostura e sentar sobre a beira da mesma. Meus pés estavam gelados, assim como minhas mãos e lábios. O clima naquele luxuoso quarto de hóspedes era bem agradável, principalmente para aqueles que curtem baixas temperaturas, é claro. O irônico é quando preciso explicar o porquê de estar ali, em um quarto para visitantes. Talvez até me considerem um, mesmo sendo da família. Viajar tornou-se um hobby tão agradável quando desagradar alguém por simples diversão. Desse modo, tornou-se uma tarefa difícil ignorar os convites alheios para uma farra em terra estrangeira.

"Que droga de som é esse, afinal de contas?" Praguejei, relutando a ideia de que tivesse que me retirar do quarto para buscar informações pelos corredores. Não que fosse uma tarefa difícil, pois sempre há um serviçal tagarelando pelos cantos, feito uma barata. Arfei. Em um impulso, levantei-me e andei até a porta. Ao tocar a maçaneta, o som de batidas contra madeira mesclou-se à música, como um mero ruído. Ergui a sobrancelha esquerda, sustentando um semblante indagativo. Quem seria? Talvez Dianna, com a intenção de me explicar o porquê de tanto barulho. Ou, quem sabe, um bando de vândalos tentando me sequestrar. Há sempre uma possibilidade para tudo. – Ah, é você. – Comentei em desanimo ao deparar-me com Paz, a mais imprestável e falsa das empregadas. Os olhos castanhos enjoativamente gentis fitavam-me de maneira receptiva, como se “boas-vindas” fossem dadas a cada cinco minutos. Senti vontade de bater a porta na cara dela, imaginando que com esse ato algo melhorasse em sua face. Mas, em respeito a minha irmã, não o fiz. Por incrível que possa parecer, ela adora essa criaturinha de meia idade.

[...]

Por sorte, pude me livrar da incompetente assim que a notícia me fora passada. Uma festa para a ralé. Realmente, a gentileza da minha irmã não possui limites. Uma estátua deveria ser erguida em puro ouro como dedicação a tamanho coração. E, por amá-la tanto, eu mesmo poderia fazer isso. O que levaria muito tempo, mas não contemos. De certo, eu deveria participar. Tratei de me arrumar para o momento. Sunga, bermuda e um par de sandálias. Um look simples, porém, não menos que o necessário e adequado para o momento. E assim me retirei do quarto de hóspedes, indo direto para local da festa: a piscina. Não me sentia confortável sem camisa, mas preferi não dar ouvidos aos meus costumes no momento. Contudo, não há o que temer. O tempo gasto em academia não me fora atoa. Meu corpo estava tão perfeito quanto possível.

Pude sentir a minha pele esquentar ao entrar em contato com a luz solar. O local ainda não estava completamente ocupado, embora, não fosse possível chegar a tanto mesmo que toda a população do ND estivesse ali. A área em questão é realmente extensa e muito bem trabalhada. – Olá! – Disse, acenando agradavelmente para minha irmã e primo a alguns metros de mim. Quanto ao resto, apenas me forcei a sorrir, como se falar fosse um desafio sem igual.


It's like everybody in this party, shining like Illuminati.

thank you weird for lotus graphics!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Demétrio Eckheart Ghödshy em Ter 13 Jan 2015 - 20:46


summer
Ever thought of calling when you've had a few? 'Cause I always do, Maybe I'm too busy being yours to fall for somebody new. Now I've thought it through. Crawling back to you! Do I wanna know? If this feeling flows both ways, Sad to see you go. I'm sorta hoping that you'd stay Baby, we both know! That the nights were mainly made for saying things that you can't say tomorrow day.

O
dia havia exposto sua luz novamente, erradicando com toda escuridão possível. Aos poucos abria meus olhos, sentindo o clarão que atravessava a cortina clara e que seguia na direção da minha face. Bufei, espreguiçando para finalmente erguer-me do conforto que eram as cobertas. Completamente liberto da cama, pude ver quão grande era o desejo de retornar à ela ─ realmente fazia jus ao apelido de urso. Odiava acordar cedo. Sinceramente, acho que odiava o ato de acordar em si. Dormir era tão bom. Bem, tudo que me resta é sentir inveja aqueles animais por poderem hibernarem.

Ainda com a pouco roupa que usava como pijama e com a inegável expressão de sono, desci a escadaria, indo direto para a copa. Não exitei em comer o belo café da manhã que me era apresentando. Acabando por terminar de digerir a comida e correr logo para o banho. Não demorei, mesmo que a água gelada corresse deliciosamente pela minha pele. Aos poucos, vesti a roupa, pegando uma camisa branca com um personagem em especial, calça bege e um tênis preto. E claro, a sunga por de baixo daquela roupa. Comigo, uma mochila com itens básicos. Na mão, o celular. Com um sorriso grandioso, passei pela porta, pondo os óculos escuros e por fim entrando no carro.

[...]

Com o som das portas trancando, larguei o veículo dentro do terreno dos Overwhelming. O andar confiante com a mochila e o óculos escuro em minha face, levaram-me ao centro de onde tudo ocorria. Em meio ao som alto e uma criadagem ágil em seu trabalho, o movimento começava a dava início. Não haviam muitas pessoas, mas as que realmente importavam estavam presente. Continuei andando, visualizando o ambiente e aqueles em que seguia direção. Os passos calmos geravam a aproximação necessária e em instante, estava de frente ao grupo.

Puxei a armação escura de cima do meu nariz, expondo os olhos claros a aquela forte luminosidade. ─ E aí, pessoal? ─ Perguntei num tom animado, sobrepondo meu braço sobre minha amada morena, beijando sua bochecha com o mesmo sorriso com o qual entrara no recinto. Foi quando meus lábios largaram dela num estalo, que percebi a presença de alguém que não via há um bom. Ele parecia incrivelmente diferente, para ser sincero, mais bonito e confiante. Estava sem blusa, algo que jamais imaginaria vê-lo fazer em público. Ri, estendendo meu corpo e o abraçando mesmo que sem sua permissão. Havia feito muito mais do que apenas um abraço antigamente. Afinal, ele era meu ex-namorado.

wearing this | with nd's members | summer party

____________________


See I ain't no bitch nigga, no rich nigga
I'mma real nigga, that's real nigga

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Ter 13 Jan 2015 - 22:09

Enquanto Jhonah conversava com o pessoal, me senti entrar num tipo de estado de demência, onde várias coisas tumultuavam meus pensamentos de uma vez. O primeiro de todos eles: Onde estava Sam? Se sentia estranhamente solitária sem ele, e logo a segunda leva de coisas me atingiu. Demétrio. Tinha me certificado de mandar mensagens diferentes das demais para os dois garotos. Não precisava ser formal com nenhum deles, estava bem longe disso. A música mudara para uma ainda mais agitada, não estava ciente o suficiente para descrever de qual se tratava. Ainda com o pensamento distante, ouviu uma voz furar o torpor ao qual estava, enquanto me virava lentamente de encontro ao seu dono.

... Leo. O encarei, a voz saindo como um ruído falho. Eu havia me esquecido de que ele estava em casa, provavelmente dormindo. Deus do céu, sinto muito se o barulho te acordou, você estava exausto. Uma expressão de culpa tomou meu rosto.

O ray ban aviador espelhado impedia que ele visse a expressão por trás de meus olhos, mas sabia que ainda sim, ele a captaria. Éramos unidos de mais, de uma forma tão mais inexplicável do quê para outros irmãos. Éramos opostos em certas coisas, e talvez esse fosse o fermento principal para que tudo corresse bem entre nós. Eu realmente tinha pegado pesado, agora. Tentaria me desculpar com ele de qualquer forma, quando todos fossem embora. Me aproximei dele, desferindo um beijo em sua bochecha alva.

Pessoal, este é meu irmão, Leonard. Ainda se apresentará ao New Directions, já que estava de viagem. Não entraria em detalhes sobre a vida do meu irmão.

Após a apresentação, percorri poucos passos, parando bem ao lado de onde Shannon estava, prestes a puxar assunto com ela, quando um par de braços rígidos me puxaram para trás, de encontro a um corpo forte. O cheiro era auto-suficiente para me fazer reconhecê-lo. O beijo em minha bochecha evidenciou ainda mais o cheiro, me fazendo sorrir abertamente.

Deme! me viro depressa, o abraçando.

Estava quase o esmagando, mais não fazia mal. Estava com saudade dele. Nos afastamos, e pude evidenciar o seu olhar dado a Leon. Os dois estavam em silêncio, e quando me movi, Demétrio rompeu a distância entre eles e o abraçou. Estava surpresa, não sabia que eles se conheciam. Saberia de tudo mais tarde. Me voltei para a morena de olhos claros, abrindo um sorriso de canto, diga-se de passagem, maroto.

Aceita algo para beber? tirei o óculos de sol do rosto, apontando o bar por cima do ombro, com um gesto de cabeça.

Estava disposta a conhecê-la melhor.

# clothing my pool


____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Convidado em Qua 14 Jan 2015 - 4:24

Pool Party
Eu havia entrado em estado de torpor e arriscaria dizer que tudo acontecia em câmera lenta - se não fosse pelo fato de todos estarem agindo total e completamente normal, claro - Dianna havia demonstrado um interesse até então desconhecido por meu nome e mais estranho que isso fora o abraço extremamente inesperado que se seguiu. Mas eu não reclamaria, afinal. A morena exalava um cheiro suave e um pouco viciante, o que me fez fechar os olhos por dois segundos, para aguçar mais o sentido do olfato, antes de soltá-la e tentar me recompor do contato que havia durado, no máximo, cinco segundos. – É um prazer te conhecer oficialmente, Dianna.Literalmente. Completo em pensamento, com um sorriso brincando em meus lábios. No fundo tocava uma música com ritmo dançante, o que fez meu corpo se mexer sozinho, acompanhando sua batida.
A cada momento que passava pessoas apareciam com seus trajes para piscina e óculos escuros devido ao sol que fazia no momento, o que me fez pensar onde teria um banheiro próximo para eu mudar de roupa. Passo os olhos pelo local que estava se enchendo aos poucos – mas nem tanto, já que aquele lugar era enorme e precisaria de no mínimo quinhentas pessoas para deixar cheio -, e conecto meus olhos em Jhonah, lançando um leve sorriso ao menino. Ele era legal e aparentava ser o tipo de cara que tia Stacy aprovaria uma amizade, apesar de sua aparência de badboy destruidor de corações.  Volto minha atenção para a morena que estava ao meu lado até segundos atrás e noto a mesma cumprimentando um garoto que logo descobri ser seu irmão. O menino não se parecia nada com Dianna; não só em sua aparência, mas também em seu comportamento. Dei um leve aceno ao menino um pouco pálido demais e tratei de desviar os olhos para a piscina azul a minha frente. Será que a temperatura da água estaria tão boa como aparentava? Meus pensamentos foram substituídos pelo cheiro viciante tomando minhas narinas, obrigando-me a prestar atenção na garota ao meu lado. Abri outro sorriso para a mesma e ia me permitir abrir a boca para puxar assunto quando um par de braços masculino a envolve em um abraço. Não pude evitar ficar um pouco desconfortável com a cena.
Não contei quanto tempo demorou até o garoto soltar da morena e a mesma voltar a se colocar do meu lado, indagando se eu queria uma bebida. Passei os olhos na cena que se desenrolava a minha frente, aonde, o recém-chegado que abraçara Dianna pela cintura, abraçava o irmão da garota. Afirmei com a cabeça voltando à atenção para ela. – Seria ótimo.  – Sorrio agradecida. – Mas antes de irmos, você poderia me dizer onde eu posso ir para tirar essa roupa? – Falo sem perceber a ambiguidade da pergunta e abro um sorriso um tanto quanto inocente, apreciando a beleza do rosto que a mesma tinha.
Nice to meet you, where you been?
Convidado
Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Piscina

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum