The TroubleTones Performance

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The TroubleTones Performance

Mensagem por Stalker em Dom 10 Mar 2013 - 17:43



The TroubleTones


Performance Final das TroubleTones nas Nacionais de 2013.

____________________



The your ghost, the ur image. I'm the stalker!
avatar
The Bosses

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por SanClair S. Scherbítsky em Qua 13 Mar 2013 - 19:34


Finais !
Post: 001
Taggeds: #Derp #Derpina #Dérpio
Clothes: Link aqui
Notes: Coisas importantes (ou não) aqui
Lyrics: Paradise - Coldplay
Não dava para acreditar, as Trobletounes estavam nas Finais das Nacionais, tinhámos grandes chances para vencer e sair de lá com o troféu em nossas mãos, seria muito importante, eu nunca havia me sentido tão bem assim há muito tempo, era muito bom e importante para mim, tinhamos mais umas canções a serem feitas e estava muito concentrada, eu teria que ter um dueto com a Mellaine, claro que a garota estava um pouco desconfortavel com o fato de eu ter sido uma vadia com ela, mas isso podia esperar, iriamos cantar muito boa e bem comovente, era um música bem emocional e mexia muito comigo, o que me irritava profundamente, em quando as garotas iam até o palco em uma fila única, sou a última a caminhar, assim esbarro em Elle, ela havia me dito que não iria assistir as Nacionais, assim dou um sorriso de surpresa e digo: O que tá fazendo aqui? Disse que não viria. A olho com uma caixa preta em suas mãos, as mãos, uma delas estava enfaixada, analiso suas mãos e a caixa e a olho novamente: O que aconteceu com as suas mãos? O que tem ai nessa caixa? Assim que Elle me respondeu, me despedi dela e me dirigi ao palco, era bom ter uma amiga como ela, por perto.
Assim estavamos eu e Mellaine atrás das cortinas,nós direcionamos para cantos diferentes, assim uma escuridão toma conta do palco, caminho pelo palco enquanto a harmonia tocava, eu estava pensavativa conectada com a música de alguma maneira, levava comigo o sentimento que me pertubava por muito tempo,aquele sentimento de tentar ser comum, ser normal como todos os outros estava sempre comigo, me afogando em uma escuridão sem luz nenhuma. Com uma expressão cabisbaixa, triste, caminho até o centro do palco sendo acompanhada por um único holofote:

I've made up my mind,
Don't need to think it over,
If i'm wrong I am right,
Don't need to look no further,
This ain't lust,
I know this is love but,


Ainda caminhando, me sinto realmente mal, as lembrança estavam em minha mente e por mais que tentava me desfazer delas, não conseguia, pensava que porque comigo? Porque justamente aquilo estaria acontecendo comigo, o que fiz de errado para merecer um castigo como aquele? Porque não poderia ser normal como todos os outros? Aquele sentimento que eu sentia não era normal, não, realmente errado e eu merecia ir para o inferno, eu me odiava constantemente por não conseguir reverter aquilo, consigo chegar ao centro do palco, o holofote único se torna mais forte, e consigo ver aquela multidão com toda atenção para mim, olho para baixo tentando disfarça, demonstrando que estava tudo bem, mas não conseguia, voltei a encarar a platéia:

If I tell the world,
I'll never say enough,
Cause it was not said to you,
And thats exactly what I need to do,
If I'm in love with you,

As demais luzes acendem com uma cor totalmente forte, um vermelho tão delicado, quase virado num rosa, mas era lindo, conectada com a música, sinto aquele sentimento crescer, se tornando uma angustia, uma dor realmente forte, era como se eu estivesse levando vários socos no meu coração, um sentimento de estar sendo repreendida, de estar sendo agredida pelo mundo, não queria ter nascido, não assim, queria sair dali correndo e me esconder em um lugar escuro e solitário “Hey, San, o que está acontecendo com você? Não demonstre esse seu lado pra ninguém, você mesma havia jurado isso, lembra? Você é uma Watson, você não pode deixar que te vejam assim, não deixa que vejam um lado seu que não deve ser mostrado, não deixe” assim pensei, o refrão chega e com ele, lagrimas caiem sobre meu rosto:

Should I give up,
Or should I just keep chasing pavements?
Even if it leads no where,
Or would it be a waste?
Even if I knew my place should I leave it there?
Should I give up,
Or should I just keep chasing pavements?
Even if it leads nowhere
I'd build myself up,

Me dou conta que estava chorando, odiava chorar, odiava sentir aquilo, odiava a mim mesma, odiava tudo, odiava todos, odiava o mundo, poderia mudar meu nome para Angustiada, pensava “SanClair, o que esta acontecendo com você? Estava chorando na frente de todos? Numa nacional? Resista sua tapada”, mesmo com aquele pensamento, as lagrimas aumentava, e pude sentir uma falta de ar, o que me deixou totalmente preocupada, será que alguém havia notado? As lagrimas aumentavam cada vez que eu abria minha boca para cantar, minha voz foi acessando, parecia que eu não conseguiria continuar com aquilo, esperava que Mellaine aparecesse o quando antes, se mais rápido ela aparecesse, mais rápido eu sairia dali e voltaria a ser aquela SanClair que todos estavam acostumados a ver, eu tinha que voltar a ser ela.
Zoey @ ETVDF


____________________


Check out, I’m blonde, I’m skinny, I’m rich And I’m a little bit of a bitch

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Mellanie Grey Winchester em Qua 13 Mar 2013 - 19:37


And fly around in circles,
Wait then as my heart drops,And my back begins to tingle,Finally could this be it
Nacionals-Go go,Troubletones!
Should I give up,Or should I just keep chasing pavements?,Even if it leads no where,Or would it be a waste?

Depois da comemoração de irmos para a final das Nacionais,eu e as meninas estávamos de volta ao palco,agora para fecharmos com chave de ouro.Eu e San iríamos cantar ‘’Chasing Pavements’’,da Adele.Acho essa música linda e tinha certeza de que iríamos arrasar no fechamento das Nacionais.
Eu entrei cantando assim que a voz da San se cessou.Ela foi ótima na sua parte,tenho que dizer.Eu fui até ela,parecendo como se eu fosse a causadora de todo o seu sofrimento,sofrimento que eu nem sabia quais eram,aliás.Interagimos bem no palco e depois olhei para o público e comecei a cantar como se a San não estivesse mais ali.levantei as mãos,como se fosse perguntar a multidão o que diz na música e ao final do verso,eu baixei as minhas mãos e balancei a cabeça negativamente.


And fly around in circles,
Wait then as my heart drops,
And my back begins to tingle
Finally could this be it

Should I give up,
Or should I just keep chasing pavements?
Even if it leads no where,
Or would it be a waste?
Even if I knew my place should I leave it there?
Should I give up,
Or should I just keep chasing pavements?
Even if it leads nowhere


Permaneci ainda ao lado de San,mas não a olhei.Eu nunca me senti triste ao ver uma amiga triste,como agora.me lembrei de nossa ‘’pequena briga’’ quase antes de subirmos no palco por causa do Nik e vamos fazer um pacto de nunca mais brigarmos por meninos.Não gosto de brigar com ninguém,acho perda de tempo total.Quando terminamos,me virei pra ela e nós duas voltamos a cantar juntas:

Should I give up,
Or should I just keep chasing pavements?
Even if it leads no where,
Or would it be a waste?
Even if I knew my place should I leave it there?
Should I give up,
Or should I just keep chasing pavements?
Even if it leads nowhere



tags: New York,Nacionais
Notas:Troubletones,San,Niklaus
Roupas: that!
musica: Chasing Pavements(Adele)
Créditos : Elena Gilbert @ Mystical Falls


____________________

Mellanie  Winchester
Mel | Sweet girl | William McKinley | Troubletones |Duncan's cousin |  Jhonah, Mitchie and Jane sister

▲ Creditos ▼

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Grace Baker em Qua 13 Mar 2013 - 19:42

Divando nas Nacionais


"Já chegaram as Finais das Nacionais...aquilo era tão bom,eu me sentia alegre e confiante,pensando já na vitória e também em como fazer uma apresentação perfeita.Dou as últimas ajeitadas no meu vestido e cabelo,pronta para começar uma ilustre apresentação,onde todas as TT'S mostrariam seu imenso potencial.Me olho no espelho observando detalhadamente o vestido vermelho com detalhes em preto,e pronta para subir no palco vou caminhando em fila indiana junto as garotas que sorriam levemente."


Nine, four, eight, one
B'day


"Até a música começar todas as luzes estavam apagadas,sem nenhum ponto de luminosidade no palco,mas depois do belo começo um holofote azul apontado a mim se acende e eu começo a falar em um tom sedutor,sorrindo enigmática e balançando um pouco a região dos meus quadris.Arqueio levemente a sobrancelha enquanto ando com passos firmes,sendo acompanhada pela luz bastante chamativa do holofote."


Mission one
I'ma put this on
When he see me in the dress I'ma get me some (hey)
Mission two
Gotta make that call
Tell him get the bottles poppin'
When they play my song (hey)


"Ando até as outras garotas no ritmo da música,ainda balançando meus quadris para os lados e depois de me juntar a elas as luzes se acendem completamente e todas nós começamos uma sequencia de movimentos em perfeita sintonia,primeiro eu passo os braços por volta de meu corpo,e as garotas me seguem fazendo o mesmo que eu,e então depois todas juntas nos inclinamos para frente com as mãos concentradas na própria cintura.Minha voz atingia uma tonalidade sexy,e também eu estava muito afinada,não errando as notas pela qual eu havia treinado bastante para atingi-las.Meu olhar era marcante,e eu fitava a platéia,sorrindo logo em seguida com uma expressão provocante."

Mission three
Got my three best friends
Like we do it all the time we gonna do it again (hey)
Mission four
Got the vintage rolls
trolli a couple hundreds tell him leave it at the door


"Continuo com os mesmos movimentos anteriores,dessa vez usando ainda mais minha evidente sensualidade.Me afasto das meninas agora tomando meu próprio espaço,as luzes do ambiente agora ficavam mais fracas,deixando agora um holofote de tom roxo centrado em mim,me inclino novamente para frente só que desta vez sozinha,enquanto as outras garotas faziam alguns poucos passos ainda sensualizando e levando a multidão que nos assistia a loucura."


Notes: Bláblá ♦ Tagged: Você ♦ Words: Muitas 'O' ♦ Wearing:Isso *o*

♦ The White Swan ♦ @CG

____________________

Baddest Female
Love exist but with an absence of eternity. At the first moment of a lover’s encounter there’s an affirmation of love. Psychologically, lunacy, emptiness, panic, delusions that the moment will last forever. I’m seized by desire. I hide behind my back and postpone all answers—jay.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Qua 13 Mar 2013 - 19:47

NACIONAIS
TROUBLETONES
GET ME BODIED
NEW YORK
Getting Bodied!!
Let's Win it! Now or never.

Ah, nacionais! Melhor que isso, apenas a final das nacionais! Algo que é tremendamente assustador para certas pessoas, funciona como colírio pros meus olhos. Não parece frase de quem quase vomitou na última apresentação classificatória, mas eu assumo, após sermos classificadas em primeiro lugar, meu ego cresceu de forma considerável. Tão considerável, que já estou me sentindo ótima! Nada vai por minha confiança pra baixo! Nada! Iremos voltar para Ohio com o troféu de primeiro lugar em mãos. Ele ficará perfeito em nossa sala!
Já estava me esquecendo... Ano que vem não serei mais uma TT! E só de pensar que to virando gente grande, me da um nó na garganta... As vezes parece que eu nunca vou crescer. Que vou viver no colegial pra sempre, morando com minha irmã e meu pai. Se eu tivesse pelo menos mais um ano... Por isso que eu tenho que fazer tudo valer a pena!! Eu tenho que ganhar!
Minha apresentação na final vai ser bem menor do que nas classificatórias. Cantarei apenas dois trechos da música Get me Bodied, da diva Beyoncé. Cantarei com todas as TTs.
Acabei de me aprontar, e confesso que estava bonita. Não só eu, mas todas as TTs. Vestíamos um lindo vestido vermelho e rodado com uma faixa preta em sua volta, e nos pés, sapatos pretos.
A primeira apresentação das TTs foi por conta de Mellanie e SanClair, que cantaram Chasing Pavementes, uma música que eu amo. Apesar de não se darem muito bem e brigarem uma vez ou outra, a apresentação ficou muito boa, e elas estavam em perfeita sintonia. Talvez por estarem sentindo a mesma coisa, raiva. Ou não, talvez elas tivessem esquecido as diferenças e subido no palco com objetivo de deixar tudo pra lá e vencer essa competição. O verdadeiro motivo eu não sei, mas seja lá qual for, a apresentação foi ótima, e eu tenho orgulho de fazer parte desse grupo!
Após o término da apresentação delas, as luzes se apagaram e apenas alguns fios dela, na cor roxa, iluminavam o palco, e uma fumaça saia dos cantos do palco. Grace! Ela entrou e cantou sua parte perfeitamente, e a iluminação foi se ajeitando de acordo com o ritmo da música que crescia. Após ela cantar sua parte, estava na minha hora! Hora deu subir naquele palco e dar o melhor de mim, nunca visto antes.
Entrei no palco pelo canto direito, e fui correndo, levantando bem os joelhos, até chegar ao centro do palco aonde se encontrava Grace. Minha voz estava grave e eu apostava em todas as notas! Tinha feito exercícios vocais o suficiente, poderia me garantir em relação a isso. Perto dela, nós começamos a remexer a perna, meio que saltitando. Fizemos isso algumas vezes, e eu fui para frente dela. Eu me inclinei para esquerda, e ela para direita. Após isso, mudamos as direções. Paramos o movimento, e voltamos a mover a perna girando em torno de nós mesmas. Enquanto girávamos, saíamos de nossos lugares, e eu fui parar no lado esquerdo enquanto ela parava no lado direito. Ainda saltitando, nós fomos indo pra frente, de braços abertos, enquanto estalávamos nossos dedos ao ritmo da canção.

I ain't worried doing me tonight
A little sweat ain't never hurt nobody
While you all standin' on the wall
I'm the one tonight
Getting bodied, getting bodied,
Getting bodied, getting bodied
Want my body
Won't you get me bodied

You want my body
Won't you get me bodied (hey)


Eu estava feliz! Confiante e feliz! A fórmula perfeita para vencer essa competição.






____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por SanClair S. Scherbítsky em Qua 13 Mar 2013 - 19:50



It´s Troubletones Bitch !!!


Assim que consigo me recompor, retoco a maquiagem rapidamente e me dirijo para as cochias do palco onde estavam Milena e Grace, Grace me pergunta: O que aconteceu com você lá no palco? Eu a olho e digo: Nada demais, caiu um sisco no meu olho, agora vai que é a sua vez de começar, dou um empurrãozinho amigável em Grace e ela se dirigiu para o palco e simplesmente arrasou, em seguida foi Milena que me deixou de boca aberta, agora era minha vez, era minha chance de me “desculpar” com a platéia, as garotas e principalmente Alice, Grace e Milena estavam uma de costa para a outra, me tapando para que a platéia não me visse, assim que elas falam juntas “Mission Five” elas caminham em direções diferentes, me deixando visível para a platéia, fico imóvel por alguns segundos, umas das mãos na cintura e a outra formando um cinco e mexo apenas dedos da mão e dou um sorriso malicioso, arqueio minha sobrancelha esquerda e finalmente caminho para o centro do palco acompanhando a batida da música, passo minha mão que antes estava formando o cinco pela minha trança e olho para Milena com um sorriso, depois ainda caminhando na batida da música, de um jeito superior caminho até o lado esquerdo do palco e quando canto “Whe I take these flicks” dou uma rodada com a cabeça e minha trança a acompanha, esse era objetivo, em seguida as garotas dizem “Hey” e eu faço uma cara de “minha nossa” com a mão direita tapando a boca e a esquerda na cintura, caminho até as garotas, as olho como se eu fosse superior e depois de passar por elas, dou umas requebraras, depois me acocoro com as mãos no joelho, dou umas duas quicadas , me levanto e me requebro novamente, coloco meus braços esticados para frente e minhas mãos uma em cima da outra, dou uma chacoalhada apenas no quadril e para finalizar dou umas três requebradas :

Mission five
Skip to the front of the line
Let me fix my hair up 'fore I go inside (hey)
Mission six
Gotta check these chicks
'cause you know they gone block
When I take these flicks (hey)
Mission seven
Gotta make my rounds
Given eyes to the guys now I think I found him (hey)
Mission eight
Now we conversate
And we can skip small talk
Let's get right to the chase (hey)



The Killjoy Never Die! @ CG!



____________________


Check out, I’m blonde, I’m skinny, I’m rich And I’m a little bit of a bitch

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Mellanie Grey Winchester em Qua 13 Mar 2013 - 19:53


And fly around in circles,
Wait then as my heart drops,And my back begins to tingle,Finally could this be it
Nacionals-Go go,Troubletones!
Should I give up,Or should I just keep chasing pavements?,Even if it leads no where,Or would it be a waste?

Voltamos para o palco,para fecharmos as apresentações.Chegou a minha vez.Eu entrei junto com as meninas e cantava e dançava junto com elas,fazendo bem a minha parte:

I ain't worried doing me tonight
A little sweat ain't never hurt nobody
While you all standin' on the wall
I'm the one tonight
Getting bodied, getting bodied,
Getting bodied, getting bodied
Want my body
Won't you get me bodied
You want my body
Won't you get me bodied (hey)



tags: New York,Nacionais
Notas:
Roupas: that!
musica: Get Me Bodied
Créditos : Elena Gilbert @ Mystical Falls


____________________

Mellanie  Winchester
Mel | Sweet girl | William McKinley | Troubletones |Duncan's cousin |  Jhonah, Mitchie and Jane sister

▲ Creditos ▼

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Grace Baker em Qua 13 Mar 2013 - 19:56

Divando nas Nacionais


"Tudo tinha sido perfeito até agora,as garotas estavam muito centradas no que queriam,que naquele caso era fazer uma boa apresentação e também ganhar ,que no caso era um pouquinho menos importante para mim,pois eu já estava mais que feliz por já ter chegado pelo menos as Nacionais,e pela primeira vez em minha vida não ter vergonha de mostrar quem é a verdadeira eu,mais do que todos imaginavam que eu fosse,maior que qualquer tipo de descrição."

You should see my body
I gotta know enough to know
If you can get me bodied
I'm kinda tight,
I'm feeling right enough to see somebody
I wanna let it off tonight
Wanna dance, wanna party wanna be myself tonight


"Nessa parte eu tomo frente da apresentação,me impondo na parte da frente do palco e fazendo alguns poucos movimentos com minhas mãos,e pés,de maneira que ficasse sincronizado e interessante de ser assistido.As outras garotas ficavam apenas um pouco atrás de onde eu me encontrava,dançando como eu,mais elas exploravam mais o espaço que os era dado.Eu cantava inteiramente entregue a música,com minha voz doce tomada por um perfeito tom meio rouca de um jeito que se tornou atrativo,minha voz parecia até de alguma sereia.Todos prestavam atenção em mim,que agora andava por todo o palco e me inclinava algumas vezes parecendo ainda mais cantar para toda aquela gente que me assistia.Meu vestido se balançava conforme cada movimento meu,eu agora passava a mão sobre a "linha" do meu ombro."

Can you get me bodied
I wanna be myself tonight
Can you get me bodied
I wanna be myself tonight
Don't you see my body?
I want to let it out tonight
Wanna party, wanna dance,
Wanna be myself tonight, me bodied


"Me viro em um pequeno e delicado giro,me juntando a um grupo de garotas,que agora todas se dividiram em quatro em cada canto do palco,meu grupo de garotas era o da frente junto a Milena,San e Mell,elas dançavam todas bastante animadas,e na hora determinada todas nós subimos um pouco das parte rodada do vestido,deixando nossas pernas ainda mais a mostra. Continuávamos todas no mesmo local,apenas balançando um pouco algumas vezes a cintura,e ainda sim continuando com o sorriso belo,mas temeroso.Todas agora cantavam juntas,em uma só voz,causando uma mistura mais que fantástica,parecendo que fomos definitivamente feitas para cantar em grupo,e na minha teoria isso era verdade mesmo."

Baby all I want is to let it go
Ain't no worries, oh
We can dance all night
Get me bodied
That means come closer to me
While we grind to the beat
And your body's touching my body
All I need is to let it be
Ain't no worry, no
Boy dance with me
Feel my body
Don't stop just come closer to me
While we grind to the beat
With your body touching my body


"Os mini-grupos foram desfeitos para se juntarem e formarem um só,agora todas se moviam agilmente trocando de lado,as que ficavam na frente agora passavam para trás,dando espaço para as de trás serem vistas e mostrarem seus passos depois de tantos intensos treinos.Todas pareciam com muita auto-confiança,elas expressavam o seu eu interior na dança,mostrando passos iguais,mas de formas diferentes,o que é bem louco.Suas delicadas mãos vazias agora estavam ocupadas,já que todas seguraram uma a mão da outra com firmeza e sorridentes,sem esconder nada do que sentiam naquele estranho e importante momento.Eu que cantava sozinha nessa parte deixava minha voz se expressar além do anterior,permanecendo a sensualidade,mas acrescentando personalidade dessa vez.Todas soltaram as mãos e agora deixaram Milena começar sua parte."


Notes: Bláblá ♦ Tagged: Você ♦ Words: Muitas 'O' ♦ Wearing:Isso *o*

♦ The White Swan ♦ @CG

____________________

Baddest Female
Love exist but with an absence of eternity. At the first moment of a lover’s encounter there’s an affirmation of love. Psychologically, lunacy, emptiness, panic, delusions that the moment will last forever. I’m seized by desire. I hide behind my back and postpone all answers—jay.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Beatrice Graeff Ohlweiler em Qua 13 Mar 2013 - 19:58

NACIONAIS
TROUBLETONES
GET ME BODIED
NEW YORK
Getting Bodied!!
Let's Win it! Now or never.

Aquela apresentação estava realmente digna de primeiro lugar! Não digo isso por mim, digo isso por todas! As meninas exploravam seus movimentos mais do que o planejado, transformando a apresentação em uma verdadeiro show! Elas estavam perfeitas, e digamos que eu não estava diferente. Tínhamos trabalho duro! Por pouco tempo, mas trabalhamos duro em cada detalhe. E só tenho que agradecer a treinadora Alice por deixar perfeito cada detalhe dessa apresentação. E por fazer com que nós acreditemos em nós mesmas! Acreditar em si mesmo é chave para o sucesso, e eu serei sempre grata a ela, e a todas as minhas treinadoras. Alice por fazer eu acreditar em mim mesma e saber que, mesmo sob pressão, mesmo quando tem algo errado com nós mesmas, ainda somos capaz de vencer! Mercedes por fazer eu me sentir única, por fazer todas nós nos sentirmos únicas e perfeitas da maneira que somos. E Holly por me ensinar que temos que nos divertir e fazermos o que fazemos com amor, o que é mais importante que ganhar qualquer coisa. Minha trajetória foi curta, mas eu já passei por tanta coisa! É, esses dois últimos anos foram agitados.
Após Grace cantar sua parte, novamente, as TTs se dividiram em duas fileiras separadas e se ajoelharam. Eu, que ainda estava em pé, fiquei no meio das duas fileiras. Minha voz continuava apostando em tons mais graves e eu fazia cada nota sair perfeitamente de minha boca. As meninas iam sussurrando "Hey, hey" diversas vezes enquanto balançavam seus corpos pra lá e pra cá. Eu, por minha vez, ia requebrando meu corpo, ao ritmo da música, enquanto passava entre a fileira, e rodava meus braços envolta do meu corpo.
Passei a correr e destacar meus sapatos pretos. Olhava fixamente para ele. Cheguei na beirada do palco, e me ajoelhei no meio das fileiras, ficando como as outras TTs.

Ain't no shame 'cause I gotta get mine
I swing my hair, kick off my shoes
Come her boy let me work on you


Ajoelhada, eu imitava os movimentos das garotas, balançando meu corpo pra lá e pra cá, nos primeiros versos. Me sentei e me apoiei com os braços atrás de mim, levantando minhas pernas a remexendo-as no ar. Voltei a me ajoelhar e a remexer meu corpo de um lado para o outro, assim como todas as TTs não pararam de fazer por nem um segundo.

I ain't worried doing me tonight
A little sweat ain't never hurt nobody
While you all standin' on the wall
I'm the one tonight


Todas juntas, apoiamos nossas mãos fechadas em punhos na altura de nossos colos, e simulamos uns soquinhos no mesmo lugar enquanto levantávamos pausadamente ao ritmo da música e requebrávamos os quadris. Quando levantamos, continuamos com a mesma coreografia.

Getting bodied, getting bodied,
Getting bodied, getting bodied
Want my body
Won't you get me bodied
You want my body
Won't you get me bodied (hey)


A coreografia estava impecável, e nossas vozes idem. Mais uma vez, eu posso dizer que tenho muito orgulho de participar desse grupo. E agora eu digo, nada, mas NADA, vai nos abalar, haja o que houver, iremos até o fim e ganharemos essa competição.



____________________

SAM * DIANNA * ALPHONSE * ALEX TURNER
Graeff Power

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por SanClair S. Scherbítsky em Qua 13 Mar 2013 - 20:00



It´s Troubletones Bitch !!!



Estávamos arrasando, pude ver um pequeno sorriso no rosto de Alice, parece que finalmente havíamos arrancado um pequeno sorriso da nossa senhoria O´lavery, éramos talentosa, determinadas, ferozes e poderosas, Assim as garotas e eu ficamos em fila única, uma um pouco afastada da outra para não dar problema, todas colocaram a mão esquerda no ombro e depois colocaram a mão direita na cintura, assim que cantávamos “Can you get me bodied” a perna esquerda que estava um pouco levantando com a ponta do salto, dávamos duas quicadas com a ponta do pé esquerdo e quando respondíamos “I wanna be myself tonight” ainda com a mão na cintura e a outra no ombro da companheira, dávamos três requebradas, Milena e Mellaine foram um pouco para trás e Grace e eu fomos para frente, quando cantamos “Don't you see my body?” todas nós afastamos um pouco as perna e demos umas chacoalhadas apenas no quadril e fizemos nossas mãos descer por todo nosso corpo enquanto dávamos as chacoalhadas, pude ver a timidez de Grace fazendo aquele movimento, soltei um riso fraco, para não me desconcentrar da apresnetação, depois cruzamos os braços para frente na altura do peito, com os punhos fechados, dávamos duas batidinhas pela frente e jogavámos os braços para trás, fizemos aquele movimento até dávamos um circulo em nossa volta, em “Wanna party, wanna dance,” cada uma fazia uma pose diferente, depois demos umas chacoalhadas e com o final da música, fizemos uma pose mega diva.

Can you get me bodied
I wanna be myself tonight
Can you get me bodied
I wanna be myself tonight
Don't you see my body?
I want to let it out tonight
Wanna party, wanna dance,
Wanna be myself tonight, me bodied


Assim, escutamos a platéia aplaudindo de pé e ainda nas poses, vimos as cortinas se fecharem, quando se fecharam por completo, todos nós nos abraçamos, colocamos a senhorita O´lavery no meio do grande circulo de abraços e começamos a pular em sua volta, gritando: Alice, Alice, Alice !!!!!!


The Killjoy Never Die! @ CG!



____________________


Check out, I’m blonde, I’m skinny, I’m rich And I’m a little bit of a bitch

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Grace Baker em Qua 13 Mar 2013 - 21:28

girl on fire


"Meu solo...era bom ver o quanto eu já tinha evoluído a cada ensaio do coral,de uma pacata cantora estranha eu passei para uma garota autoconfiante e que sabe resolver as coisas sozinha,sem precisar ter um protetor ou algo do tipo.Eu estava em chamas,ninguém poderia me parar,aquele era meu momento de brilhar.Meu solo seria de Girl on Fire,e não teria mais música adequada para o momento,pois eu estava em chamas.Eu tinha um brilho nos olhos,e olhava para todas as garotas no momento que se preparavam também para a apresentação,elas me ajudariam fazendo um som de fundo para mim,essa foi uma pequena ideia minha para tornar a apresentação mais interessante.A plateia parecia maior agora,talvez fosse porque agora a apresentação exigisse mais de mim,ou até,só de mim.Eu entrava no palco acompanhada pelas outras 3 garotas selecionadas para backing vocals:Milena,Mellanie e San,as três estavam lindas,enquanto me acompanhavam,até irem para a parte traseira do palco e eu tomar conta do centro de todo o palco,começando a música:"

She's just a girl, and she's on fire
Hotter than a fantasy
Lonely like a highway
She's living in a world, and it's on fire
Feeling the catastrophe, but she knows she can fly away


"Começo calma com os olhos fechados e sentindo constantemente todos os toques da música que aparentemente tocavam até meu coração no momento.Abri meus olhos olhando a multidão com uma expressão leve,com confiança,mas nada muito exagerado.Eu batia delicadamente meus dedos em minha perna,parecendo estar contando por um momento,ao mesmo tempo que cantava com minha voz doce,mas passando um pouco de firmeza.Eu balançava minha cabeça no ritmo da música,enquanto esperava a mesma criar um ritmo mais agitado."

Oh, she got both feet on the ground
And she's burning it down
Oh, she got her head in the clouds
And she's not backing down


"Começo a andar até o lado esquerdo do palco,e fico ali por algum tempo movendo minhas mãos sem nenhum movimento definido,apenas me expressando de modo simples e emocional.As garotas faziam os "Oh" enquanto eu cantava o resto com uma leve expressão de vitória.Coloquei a mão nos cabelos agora mudando a expressão para algo mais forte,franzi a testa enquanto cantava atingindo um tom agora disfarçando um pouco da doçura de minha voz com destemor.Meu vestido vermelho destacava meu corpo,enquanto eu mesmo sem muitos movimentos,ele ficava meio que voando levemente a parte da saia."

This girl is on fire
This girl is on fire
She's walking on fire
This girl is on fire


"Na chegada do refrão eu me preparo para soltar um extraordinário agudo,pelo qual eu consigo perfeitamente.Ando pelo palco agora com passos mais firmes,causando um pequeno barulho do meu salto.Minha expressão era feroz,e eu parecia mais poderosa agora,parecia estar mais destacada do que tudo que continha no local,joguei-me para frente e meu cabelo loiro foi junto.Agora eu girei rapidamente com os braços abertos,depois colocando as duas mãos em meu cabelo e continuava a cantar cada vez entregando mais de mim a música.Respirei depois de ter perdido todo meu fôlego,e fiquei olhando para a platéia que me assistia com um sorriso vitorioso."

Looks like a girl, but she's a flame
So bright, she can burn your eyes
Better look the other way
You can try but you'll never forget her name
She's on top of the world
Hottest of the hottest girls say


"Canto agora com uma voz puxada pro sexy,mas mantendo ainda o sentimentalismo nela.Agora eu estava mais leve,andava com um sorriso verdadeiro e de um jeito docemente alegre.Tomei o espaço lateral do palco me mantendo lá por algum tempo até conseguir terminar a estrofe.A música batia no fundo da minha alma,falava tanto sobre mim que parecia até mesmo uma homenagem a mim,o que seria meio que impossível já que Alicia Keys não faz nem ideia de minha existência,sou apenas mais uma admiradora estranha."

Oh, we got our feet on the ground
And we're burning it down
Oh, got our head in the clouds
And we're not coming down


"Me aproximo das outras garotas cantando bastante próxima a elas,enquanto elas faziam os "Oh" eu sorria me mexendo indefinidamente,nada muito específico.Eu cantava o resto da estrofe passando pelas garotas e voltando ao meu posto inicial que era o centro do palco.Minha voz era firme,mantendo o foco em expressar meus sentimentos que era de bravura."

This girl is on fire
This girl is on fire
She's walking on fire
This girl is on fire


"Levantei minha mão direita e faíscas se acenderam na parte da frente do palco,justamente onde eu pronunciei o "fire".Dei um pequeno pulo enquanto permanecia com a mão direita levantada significando força.Minha voz agora estava melhor do que nunca,estava bem similar a da cantora original,mesmo assim eu deixei um pouco de minha personalidade em minha voz,não seguindo apenas o modelo original da música e sim mostrando um pouco de mim."

Everybody stands, as she goes by
Cause they can see the flame that's in her eyes
Watch her when she's lighting up the night
Nobody knows that she's a lonely girl
And it's a lonely world
But she gon' let it burn, baby, burn, baby


"Continuo minha performance e depois na multidão encontro Dianna com meu olhar,ela estava tão linda como sempre...E por um momento pude ver que ela também olhava para mim,e só seu olhar já me fazia tremer por inteira,era tão intensos seu olhos escuros,pareciam ser capazes de transmitir tudo sobre a mesma.Eu então mudo a direção do meu olhar,agora apenas tentando não me concentrar em alguém em específico,pois aquilo poderia me deixar nervosa.Minha voz atingia o mesmo tom anterior,só que ainda mais contagiante agora."



Notes: Bláblá ♦ Tagged: Você ♦ Words: Muitas 'O' ♦ Wearing:Isso *o*

♦ The White Swan ♦ @CG

____________________

Baddest Female
Love exist but with an absence of eternity. At the first moment of a lover’s encounter there’s an affirmation of love. Psychologically, lunacy, emptiness, panic, delusions that the moment will last forever. I’m seized by desire. I hide behind my back and postpone all answers—jay.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Elle Stoller em Qui 14 Mar 2013 - 1:15

link href='http://fonts.googleapis.com/css?family=Loved+by+the+King' rel='stylesheet' type='text/css'>
Can you feel? What? Mission Complet...

Torcer o pulso e quebrar o dedo nas nacionais não era uma boa coisa, desisti de me apresentar por esse óbvios. Mas nada me impediu de aparecer nas nacionais,principalmente em seguir com meu plano.
Aproveitei meu coleguismo escolar com Dianna para atingir um bom contato aos seus pais, New York era uma ótima cidade para alguém com eu, principalmente para uma ótima surpresa rastejante!
Eu segui todo o Vocal Adrenaline,trajando meu colã que iria me apresentar,eu estava coberta com um sobretudo negro com mangas,maquiada e com o cabelo pronto,carregava comigo mesma uma grande caixa bem lacrada escura.
Uma ótima apresentação dos meninos,mais em especial,se fosse a minha seria melhor, os elogiei quando saíram do palco,mais ainda continuei atrás da coxia apenas observando.
Me sentei em uma cadeira escondendo a caixa logo abaixo, era basicamente imperceptível já que estava em uma luz ambiente, as Trouble alguma coisa começam a "grande" performance,mal prestava atenção, meu celular a cada segundo vibrava com nova mensagem, Arqueei minha sobrancelha logo respondendo,obviamente meus contatos estavam curiosos para saber como iria me sair.
A movimentação ali era constante, pude ver a presenta de SanClair que ao me ver abriu um leve sorriso acenando de longe,retribui o gesto da garota logo indicando com minha outra mão o motivo de eu não me apresentar. Ela não sabia que eu era uma boa cantora, com o machucado consegui disfarçar e deixar claro que apenas dançava.Pude jurar perceber que ela olhou para baixo da minha cadeira e pousar o olhar na caixa,disfarcei batendo o pé no chão assim apoiando meus braços em minhas coxas para fazê-la me olhar. Ela sorrio logo seguindo seu caminho, deixando assim uma loura no palco prosseguir com seu solo.
Girl on fire...Exatamente como havia me contado, meus contatos realmente não falhavam precisava presenteá-los por essa brilhante informação,com um leve sorriso no canto de meus lábios aos poucos empurrava com meus pés a caixa que se encontrava abaixo de minha cadeira, tenho que admitir que a garota tinha uma bela voz.
Olhei em volta percebendo que as poucas pessoas que ficaram na coxias perdiam seu tempo se olhando no espelho,conversando e algumas até arrumando oque havia de errado, um pouco distante peguei minha caixa que haviam duas saídas, me direcionei um pouco atrás das cortinas assim abrindo um lado da caixa, agachada como se estivesse arrumando meu sapato me mantive ali olhando discretamente para os lados me certificando que não havia ninguém por ali que pudesse me enxergar.
Cinco ratos saem correndo da caixa rumo ao palco,com um sorriso no rosto viro a caixa esperando alguns segundos percebendo que o público se espantava com os animais,ri baixo sussurrando
-Veremos agora sua traidora...
Ainda agachada liberto a cobra da caixa, virando o objeto pra mim assim escondendo as coisas que me indiciavam travei de subir o fundo falso que havia providenciado assim mostrando as maquiagens escondidas.
Me levando correndo com minha mala em mão, demonstrando um pavor que não existia ergui a manga do meu sobretudo mostrando o dorso da minha mão dois pontos de sangue
-Meninas me ajudem! Um animal me picou!
Mostro para algumas garotas ali presentes que se apavoravam, levei o dorso da minha mão a boca sujando logo cuspido no chão, um senhor me puxou pelo braço me levando a uma bica logo lavando onde havia as duas gotas
-Onde foi isso menina?
O senhor pergunta, meus olhos lacrimejavam,dei os ombros o olhando nos olhos, meus pensamentos estavam presos ao palco,na gritaria em que conseguia ouvir e na movimentação na coxia.
-Eu..Eu não sei,eu estava amarrando meu sapato e senti um bicho me morder,acho que é uma cobra...Dói muito!
Escondi meu rosto em meu braço que carregava a mala, batia meu pé no chão demostrando alguma dor e logo o senhor me libera alegando chamar a ambulância,apenas concordei com a cabeça. O senhor desaparece em meio a escuridão, olho em volta seguindo para fora a platéia sendo levada por algumas pessoas.
Em uma procura rápida pude enxergar Nicholas,assim me dirigindo até ele, ofegante toquei seu braço
-Vem vamos sair daqui!
O puxei pelo braço indo para uma porta onde aparentemente não se encontrava muita gente,com minha maleta esbarrava em algumas pessoas para darem espaço .

Thanks Lari @ CG

____________________

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Grace Baker em Qui 14 Mar 2013 - 9:19

girl on fire


"Vejo um pequeno tumulto e fico sem entender nada,o que poderia estar acontecendo ali?Ignoro isso e continuo minha canção,enquanto sorria olhando apenas para a multidão desordenada:

This girl is on fire

"Canto feliz ainda olhando a multidão,ia terminar a estrofe,mas ouço o barulho de algo se rastejando no chão e também de algo que parecia ser pequeno...UMA COBRA E CINCO RATOS?Os ratos não me apavoravam,mas a cobra já quase me alcança-vá e eu não conseguia ter nenhuma reação,correr?Meus pés pareciam estar grudados ao chão,e o barulho daquela venenosa só me fazia ficar mais apavorada.Quem vai salvar meu mundo agora?"


Notes: Bláblá ♦ Tagged: Você ♦ Words: Muitas 'O' ♦ Wearing:Isso *o*

♦ The White Swan ♦ @CG


Não sei porque mais lembrei dessa música escrevendo meu post:
Save The World-Swedish House Mafia

____________________

Baddest Female
Love exist but with an absence of eternity. At the first moment of a lover’s encounter there’s an affirmation of love. Psychologically, lunacy, emptiness, panic, delusions that the moment will last forever. I’m seized by desire. I hide behind my back and postpone all answers—jay.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Niklaus S. Abraham em Qui 14 Mar 2013 - 14:58



Humor: Highly tired.











(...) Ainda sentado ao lado de Joshua ao término da apresentação do VA, fico sem ter o que falar pois eu achava Josh um rapaz muito atraente - embora ele seja novo no New Directions - e muito simpático. Bom, era o que parecia. Sorrio de canto e resolvo soltar a língua um pouco, virando de lado, olhando para o mesmo ainda sorrindo: _Qual seu palpite quanto as Nacionais? - Arqueio a sobrancelha esquerda e com vergonha, viro-me para a frente, esperando a resposta do rapaz e qualquer movimento no palco que indicasse o inicio da performance das Troubletones. Ainda envergonhado, viro para ele e começo a olhar nos olhos dele, analisando aquele lindo azul. _Que olhos lindos. - Fica espantado pois não era só os olhos do rapaz que eram lindos. Ri, deixando algumas covinhas em seu rosto e diz, brincando diante da situação. _Você vem sempre aqui? - Vira-se para frente observando uma movimentação no palco e as luzes novamente fazendo um jogo entre si, iluminando toda a região do palco. Se ajeita na cadeira e sorri de canto pra ele mas sem desgrudar os olhos do Palco.
Começara a performance das Troubletones - o que me deixava ansioso por Mellanie, minha amiga, fizera parte do mesmo - começavam a performance com SanClair iniciando a musica. Arqueio a sobrancelha e tento decifrar comigo mesmo qual a musica. Logo em seguida, vieram as outras Troubletones e deram enfase na musica, tornando-a mais alta e fazendo com que todos parassem - atentos - para observar. A expressão dos rostos das pessoas eram sensíveis e calmas com o ouvir da musica. Procuro no palco a Mellanie e, ao vê-la, sorrio e continuo a observar. Eu não conhecia a musica mas continuei observando atentamente.
Ao final da musica, todos levantaram e aplaudiram as Troubletones com enormes sorrisos em seus rostos. "Elas são demais!", penso comigo mesmo e me viro para Josh. _Perfeita apresentação, não acha?! - Termino de dizer e me sento ao ver o resto do pessoal se sentar. As luzes do palco novamente se apagam e suspiro, ainda sentado, estava entendiado porém orgulhoso das Troubletones. _Mas então... quem sabe um dia... A gente possa sair juntos. - Abre um sorriso e vira-se para frente, com vergonha, é claro.








____________________

I'm gonna drink my tears tonight. I'm gonna drink my tears and cry.
SUPER JUNIOR ♥️


Niklaus Brunot P. Abrahão

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Joshua A. Vancouver em Qui 14 Mar 2013 - 15:21




Josh

I turn the music up, I got my records on

"

Niklaus, o garoto que ainda estava sentado ao meu lado me fazendo companhia, perguntou o meu palpite sobre as Nacionais. Limpo a garganta antes de pronunciar as palavras, mas logo digo.

- Bem, é tu muito sofisticado, e muito bem elaborado e... - Deixei o tom sério, e relaxei um pouco na cadeira, abrindo um sorriso. - Ah, quem estou querendo enganar com essas palavras difíceis? Isso aqui é incrível pra burro. Olha só todas essas pessoas bonitas, as vozes... É incrível. - Volto a olhar para o palco e vejo que as TroubleTones, o grupo só de garotas do McKinley, estão tomando conta com palco com louvor. A apresentação está perfeita, e elas são realmente boas. Percebo que "Nik" está me olhando, o que me deixa um pouco envergonhado. Ele elogia meus olhos, e pergunta se eu vou sempre ali. Não posso deixar de rir, e respondo.

- Obrigado, Nik. Você também, é muito lindo. - Só após alguns segundos, percebi que não havia dito sobre seus olhos, mas sim sobre ele todo em si. Fiquei quieto sobre esse pequeno detalhe. Talvez ele nem tivesse notado. Assim que a apresentação acaba, nos colocamos de pé e aplaudimos. Fico entusiasmado e parece que sou uma criança em um circo. Bela comparação a minha não? Nik fala algo sobre a apresentação ser perfeita, não entendi muito bem devido aos aplausos, por isso, somente assenti.

Todos se sentam, e percebo que o tédio estaria somente começando. Brinco com o botão da manga de meu terno, ajeito a gravata, mexo em meu cabelo, tento fazer de tudo para me ocupar, até que ouço a voz de Nik, dizendo que, quem sabe um dia não poderíamos sair juntos. Aquilo me pegou um pouco de surpresa. Olho sem expressão alguma para frente, para o nada. Olho para ele, sorrindo, e o respondo, enquanto apenas começava a corar.

- Oh, bem... É claro que não. De onde você tirou essa ideia? Nós podemos sair vários dias. Todos os dias, se você quiser. - Sorri para ele, e pisco com meu olho direito, o que foi um pouco automático. Me chamem de tarado, mas logo após isso, me flagro analisando seu corpo, tentando imaginá-lo sem aquele terno. Sim, eu sou muito, muito tarado.

Day: 27-02 Place: Lalala With: Mih Humor: Clothing: Sem-Link rç
credits @

____________________

JOSH • 16 • DELÍCIO
JOSHUA ALISTAIR VANCOUVER

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Qui 14 Mar 2013 - 19:31

♚ I don't wanna be without you
EU REALMENTE NÃO ME IMPORTO. QUE OS MATEM, QUE OS TORTUREM OU QUE OS DEIXEM APODRECER. NÃO DIGNOS DE MERECIMENTOS, NÃO SÃO DIGNOS DE ESTAREM VIVOS, NÃO DIGNOS DE MINHA QUERÊNCIA. EU REALMENTE NÃO ME IMPORTO... NÃO ME IMPORTO SE SÃO SERES HUMANOS OU SE DIZEM QUE ELES SÃO IGUALADOS A MIM. A MINHA OPINIÃO É A QUE ALGO VALE, A MINHA OPINIÃO É A CERTA A SER SEGUIDA. - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -


Depois de fazer uma abertura digna de uma final, Dianna foi para a platéia, na intenção de ver o Vocal Adrenaline. Por mais que não admitisse, sentia muito a falta dos antigos colegas. E este fato, lhe chamou a atenção. Elle havia telefonado dias antes, querendo saber algumas coisas estranhas. A morena desconsiderou as informações que havia dado, pois julgara não ser nada de mais. Sorriu, as luzes baixaram, anunciando as apresentações. Todos os seus antigos colegas haviam sido esplêndidos. Inovaram as músicas e finalmente Jesse parecia ter posto mais de uma pessoa para fazer o "show" acontecer. Era a vez das Troubletones.



As meninas estavam maravilhosas. Roupas, maquiagem, tudo. A treinadora estava há algumas poltronas ao meu lado, parecia pensativa. Os olhos não desgrudavam do palco, a expressão era vazia. Linda, charmosa e elegante. Os olhos claros davam o aviso bem claro. Ela era perigosa. Ela assustava Dianna. Sorriu nervosamente, mordendo o próprio lábio inferior, ansiosa. Dianna voltou a atenção para o palco. Mellanie e SanClair cantavam Chasing Paviments, e a morena pareceu ficar inquieta. Mellanie cantava fluentemente, seguindo a letra da música. SanClair não. A garota parecia estar completamente entregue a letra, o que deixou Dianna intrigada. A morena olhou para a treinadora das meninas, e viu que ela também havia notado. Algo de errado deveria estar mexendo com os sentimentos da menina
.


Logo em seguida, Dianna quase se engasgou. Grace apareceu no palco, com uma expressão totalmente desafiadora. Estava mais pra sexy, do que outra coisa. Se remexendo na cadeira, a morena procurou se concentrar apenas na apresentação, e não no corpo da loira que no ritmo perfeito da música, fazia a coreografia ensaiada por elas. Milena estava em ação e nossa. Um sorriso orgulhoso apareceu nos lábios de Dianna. "Ela é boa no que faz." A garota remexia o corpo e parecia não ter nenhum esforço. Fizeram um ótimo trabalho. E agora, o final. Um solo de Grace.



Girl on fire. Porque essa música? Dianna estava paralisada, observando a apresentação. Até que em um devido momento, seus olhares se encontraram e logo o transe que a morena se encontrava, foi quebrado. Dianna parecia mais firme, e a encarava sem pudor. Uma máquina de pequeno porte soltou algumas faíscas em uma parte, o que deixou uma multidão louca. Todos já estavam gritando, e acompanhando a letra junto com a loira no palco, até que o inesperado acontece. Tudo parecia ter ficado em câmera lenta. Dianna empurrava algumas pessoas, que agora gritavam de medo, enquanto corria na direção oposta delas.


Ao chegar em frente ao palco, Dianna viu que não teria tempo de contorná-lo e subir pelas escadas. Olhou para baixo, e viu que já estava de calça jeans, uma blusa branca em gola V com uma jaqueta preta por cima. Pegou impulso para trás sem pensar duas vezes, e pulou o pequeno pedaço do palco, protegendo o corpo de Grace com o próprio. Olhou nos olhos da cobra, por um momento, vendo toda a astúcia do animal em atacar a loira.



Cada vez mais próxima, a cobra encurralava as duas. Dianna dava passos pra trás, fazendo com que Grace também fosse, já que ela não se mexia. Olhou para o lado, e viu a pequena máquina de faíscas, que ainda funcionava. Uma naja. Dianna olhou de volta para a cobra, e viu ela armar suas "asas" e mostrar as presas. E assim que ela subiu o corpo esguio e úmido, a morena viu que era a hora certa de agir. Puxou a máquina e assim que a cobra estava prestes a atingi-la, acertou-a com as chamas da faísca, que fora mais longa do que as outras. Isso foi o bastante para afugentar o animal peçonhento, que viu um rato e o seguiu, deixando-as em paz.



Dianna virou para trás, um pouco suada. Passou a mão no rosto, afastando os cabelos que caiam em seus olhos. Deu um sorriso fraco, olhando Grace nos olhos, um pouco preocupada. A menina parecia sem reação.



- Me diga que você está bem, por favor. - A voz entrecortada, por conta do esforço usado pra afastar a cobra.



nº post: 01 interações: #Grace vestes: aqui. créditos destinados ao ~ Johnny do OPS

____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Grace Baker em Qui 14 Mar 2013 - 20:29

girl on fire


"Eu estava extremamente apavorada,até que vejo faíscas em direção a cobra,a mesma fugiu e foi atrás de um rato.Depois percebi quem me salvou...Dianna,aquilo só me fazia ficar mais encantada pela morena,eu então corri e a abracei forte a respondendo com a voz um pouco rouca,e entre soluços:
-Sim,ela não me atingiu.-Começo a analisar a morena com os olhos e pergunto:-E você,também está bem?-Perguntava torcendo para que a morena estivesse bem,eu realmente não queria que ela se machucasse por minha culpa,culpa da loira idiota que não soube se mover no momento que mais exigia ação.Eu tinha ódio de mim mesma,sou uma fraca realmente,as pessoas sempre falaram isso de mim e estavam certas.


Notes: Bláblá ♦ Tagged: Você ♦ Words: Muitas 'O' ♦ Wearing:Isso *o*

♦ The White Swan ♦ @CG

____________________

Baddest Female
Love exist but with an absence of eternity. At the first moment of a lover’s encounter there’s an affirmation of love. Psychologically, lunacy, emptiness, panic, delusions that the moment will last forever. I’m seized by desire. I hide behind my back and postpone all answers—jay.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Dianna E. Voss-Ohlweiler em Qui 14 Mar 2013 - 21:37

♚ I don't wanna be without you
EU REALMENTE NÃO ME IMPORTO. QUE OS MATEM, QUE OS TORTUREM OU QUE OS DEIXEM APODRECER. NÃO DIGNOS DE MERECIMENTOS, NÃO SÃO DIGNOS DE ESTAREM VIVOS, NÃO DIGNOS DE MINHA QUERÊNCIA. EU REALMENTE NÃO ME IMPORTO... NÃO ME IMPORTO SE SÃO SERES HUMANOS OU SE DIZEM QUE ELES SÃO IGUALADOS A MIM. A MINHA OPINIÃO É A QUE ALGO VALE, A MINHA OPINIÃO É A CERTA A SER SEGUIDA. - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -


Dianna fechou os olhos, ao sentir a garota loira abraçá-la. Era ótimo saber que ela estava bem. Ao abri-los de volta, viu que ela estava soluçando. Com um pequeno sorriso repuxado no canto dos lábios, passou os polegares pela lateral do rosto da loira.



- Estou bem. - A voz entrecortada, por conta do esforço usado pra afastar a cobra. - Tá tudo bem agora. Vem, vou tirar você daqui. - E Dianna levou as duas pro seu carro, tirando-as dali o mais rápido que pôde.



nº post: 01 interações: #Grace vestes: aqui. créditos destinados ao ~ Johnny do OPS

____________________

Climb on board
We'll go slow and high tempo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Scream em Sex 15 Mar 2013 - 23:21


Judge Style


Observo atentamente a performance das garotas, tentando reparar em todos os detalhes que eu deveria usar na hora de decidir o coral vencedor, elas foram boas, sem dúvidas, tinham energia e potencial, os vocais eram ótimos e eram muito boas nas coreografias, e arrasaram durante todas as performances. Mas a final foi a que mais me chamou atenção, elas usaram de recursos dramáticos, durante a performance de "Girl On Fire" as meninas colocaram uma cobra adestrada no palco e, de um jeito que eu só tinha visto na Broadway, então uma figurante que parecia com Dianna pulou no palco, se jogou na frente de Grace e terminou a performance com um fim dramático. Assim que elas acabaram, fiz como o resto da multidão e me levantei aplaudindo muito.

thanks Lari @ CG!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The TroubleTones Performance

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum